Pegou mal | Fábio Campana

Pegou mal

Do Lauro Jardim:

Pegou muito mal entre os líderes evangélicos a proposta que está no site do PSB-Rede que propõe o fim de isenções fiscais e tributárias para igrejas. Além do apoio de pastores ligados a Marina Silva, Eduardo Campos tem a simpatia de Silas Malafaia para uma candidatura em 2014.


9 comentários

  1. carlos rocha
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 11:46 hs

    A PROPOSTA DO PSB/REDE ESTÁ CORRETA E JUSTA PORQUE AS IGREJAS VIRAM VERDADEIRO BALCÃO DE NEGOCIO.

  2. LENZA TOLEDO
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 12:53 hs

    Por que pegou mal se isso é prática conhecida?

  3. Lucas
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 13:06 hs

    Isso e uma vergonha muito grande

  4. Carlos Bahia
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 14:42 hs

    Pesquisas nos EUA comprovaram que pessoas religiosas tem longevidade e mais qualidade de vida. Partindo desta premissa, concluímos que a religião contribui não só para com o sociedade quanto com o Estado. Sendo assim o Estado é devedor. Uma família amparada pela religião, tende a ser menos onerosa para o Estado.

    O que não é justo é uma Igreja com sede na Europa usar uma Ong religiosa receber bilhões do Estado para ensinar soro caseiro, ou pelas Ongs com o titulo de Pastoral disso ou daquilo.

  5. Marcus Cesar
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 15:20 hs

    Concordo em gênero, número e grau. Chega de isenção. O único negócio que prospera hj são as igrejas.

  6. Urtica urens,
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 16:18 hs

    TÁ CERTO, IGREJAS TEM QUE PAGAR IMPOSTO SIM, EU TRABALHO E PAGO, ELES NÃO TRABALHAM E COBRAM POR TUDO, O LUCRO É ABSURDO TEM QUE COBRAR SIM E OS 27% DE TETO QUE PAGAMOS NA FONTE É AINDA POUCO PARA ELES.

  7. antonio carlos
    segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 – 18:19 hs

    Viu no que dá dizer tudo o que pensa na frente do microfone? Dá nisto aí, mancada. Mas que é uma excrescência esta coisa de imunidade tributaria para os cultos religiosos não resta a menor dúvida. Sou uma pessoa que frequenta a igreja mas chega de privilégios, precisamos acabar de vez com tantos cartórios, isenções, prebendas e sinecuras. É hora de dar adeus aos privilégios herdados do Brasil colônia .

  8. Lucas
    terça-feira, 10 de dezembro de 2013 – 0:29 hs

    Isso também pegou mal Fábio.

    http://www1.folha.uol.com.br/esporte/2013/12/1383204-ex-vereador-de-curitiba-participou-de-briga-de-torcidas-de-atletico-pr-e-vasco.shtml

  9. Lingua Afiada
    quarta-feira, 11 de dezembro de 2013 – 17:37 hs

    Toma lá, dá cá.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*