Bom Negócio Paraná oferece capacitação à distância a empresários | Fábio Campana

Bom Negócio Paraná oferece capacitação à distância a empresários

O Programa Bom Negócio Paraná (PBNP) oferece mais uma facilidade aos empreendedores, especialmente os de municípios distantes dos grandes centros. O curso de Capacitação e Consultorias de Micro, Pequeno, Médio e Informais Empreendedores pode agora ser feito à distância pelo Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta a Distância (Nutead) da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG).

Os interessados podem se candidatar até terça-feira (17), preenchendo ficha no sistema de inscrições do Nutead (nutead.org/inscrições). O curso se desenvolverá de 13 de janeiro a 28 de fevereiro, com dois encontros presenciais em Ponta Grossa (13/1 e 22/2).

PILOTO – A coordenadora do curso, professora Marilisa do Rocio de Oliveira (Departamento de Administração), explica que a oferta na modalidade à distância (EaD) é projeto-piloto que deverá ser estendido às demais instituições estaduais de ensino superior paranaenses.

“A EaD fundamenta-se nos conceitos de interatividade, interdisciplinaridade, cooperação e autonomia”, diz Marilisa Oliveira, também coordenadora do Núcleo de Apoio ao Empreendedorismo (NAE) do Bom Negócio Paraná na UEPG. A adoção dessa metodologia, segundo ela, favorece alcance maior, atingindo empreendedores dos municípios mais distantes do Estado, com dificuldades de acesso a iniciativas do gênero presencial.

O curso visa à promoção do desenvolvimento econômico, local e regional, através da capacitação, consultoria e acompanhamento de micro, pequeno, médio e informais empreendedores. “Com isso estaremos fortalecendo as iniciativas que possam resultar na sustentabilidade das empresas e na geração de novos negócios”, diz a professora Marta Lúcia Schaedler da Rosa (Departamento de Contabilidade), orientadora do curso.

Ela avalia que a oferta da capacitação à distância vai possibilitar um maior acesso ao PBNP, com a possibilidade de o empreendedor, em qualquer local, poder escolher o melhor horário para realizar suas atividades, sempre acompanhados on-line pela equipe de orientadores.

Para se candidatar, o interessado deverá ter noções de informática, acesso à internet, computador para acessar a plataforma e e-mail cadastrado e atualizado. Ao preencher a ficha de inscrição, deverá ainda se comprometer a realizar as atividades dentro do prazo estabelecido.

No dia 18 de dezembro, a coordenação a fará a homologação dos candidatos, publicando o resultado no dia 19, com informações sobre procedimentos para o início das aulas em 13 de janeiro. A avaliação do rendimento será feita mediante a frequência às atividades presenciais e verificação da aprendizagem, por meio de avaliação processual e de atividade presencial.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*