Gravidez impede Renan de demitir assessora | Fábio Campana

Gravidez impede Renan de demitir assessora

Do Cláudio Humberto:

O ordem do presidente do Senado, Renan Calheiros, de exonerar Flávia Peralta de Carvalho, secretária da sua assessoria de imprensa, esbarra na gravidez da servidora. Ela é investigada na Operação Miquéias, da Polícia Federal, sobre esquema para fraudar fundos de pensão municipais em mais de R$ 50 milhões. O Senado informou que a demissão será consumada, mas Flávia continuará a receber salários.

Indenização
Regra em vigor prevê que servidora grávida demitida recebe até o final da gestação, e uma parcela correspondente a cinco meses de salários.

Nomeação secreta
Recebendo no Senado R$ 4.288,50 mensais, Flávia Peralta de Carvalho foi nomeada em 2009 por meio de ato secreto.


5 comentários

  1. TROLL
    quarta-feira, 2 de outubro de 2013 – 13:44 hs

    Pelo andar da carruagem, esta gestação vai durar uns 18 anos( e mais a parcela de 5 meses….)

  2. quarta-feira, 2 de outubro de 2013 – 14:37 hs

    Mais um capítulo da “Casa da mãe Joana”…

  3. PIMENTA PURA !!!
    quinta-feira, 3 de outubro de 2013 – 5:17 hs

    Quem nomeou ???

  4. quinta-feira, 3 de outubro de 2013 – 11:53 hs

    E as quadrilhas de Brasilia continuam em CARTAZ.

  5. sandra arendt
    sexta-feira, 4 de outubro de 2013 – 15:11 hs

    SE fosse funcionária de empresa privada, seria demitida por justa causa, justificada por um BO do tamanho da falcatrua. Mas como é nomeada por ato secreto, não me surpreendo se após o término da gestação, virar comissionada em outra “teta pública”.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*