Natan Donadon tem cela especial, mas sem mamão papaya | Fábio Campana

Natan Donadon tem cela especial, mas sem mamão papaya

De Naira Trindade, Diário do Poder:

Condenado a 13 anos de prisão, o deputado-presidiário Natan Donadon (PMDB-DO) perdeu as regalias de homem de vida pública para amargar na solidão de uma cela no Complexo Penitenciário da Papuda. Reportagem da revista Congresso em Foco relata a nova vida do parlamentar atrás das grades.

Longe da Câmara, Natan Donadon (PMDB-RO) perdeu o direito a comer sua fruta favorita, um mamão cortadinho servido na Liderança do PMDB da Casa. Mas mantém o status de congressista na ala dos detentos e mais segurança contra atos de violência sexual, prática comum nos presídios.

O deputado foi preso depois da condenação do Supremo Tribunal Federal (STF), acusado de desviar R$ 50 milhões da Assembleia Legislativa de Rondônia. Por não ter sido cassado, Donadon mantém a regalia de ter cela individual. Senão, teria de dividir cela coletiva com presidiários mais perigosos da Papupa.


3 comentários

  1. Helena
    segunda-feira, 30 de setembro de 2013 – 18:54 hs

    Uai! Os embargos infringentes só servem para os mensaleiros???

  2. BOCUDO
    terça-feira, 1 de outubro de 2013 – 4:54 hs

    Logo logo será cassado e daí…

  3. alberto ramos
    terça-feira, 1 de outubro de 2013 – 7:28 hs

    Colocá-lo em cela comum, a familia iria sofrer aqui fora, com as extorsoes, praticadas contra ele lá dentro.Saem os recados atraves de visitas de outros presos, mais ou menos assim: se nao entregar tanto em dinheiro a fulano que irá telefonar, seu marido, seu pai ou irmao, sofrerá aqui dentro.
    Tem uma coisa que é certa, a pena tem que ser cumprida, mas nao pode passar da pessoa do condenado.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*