Novas integrações na Região Metropolitana de Curitiba | Fábio Campana

Novas integrações na Região Metropolitana
de Curitiba

Um estudo para aliviar o tráfego pesado da BR-116 Sul e do Contorno Leste de Curitiba e, ainda, para ligar os Distritos de São José dos Pinhais e Fazenda Rio Grande, passando pelas indústrias Sumita e Volkswagen, está em avaliação pelo Governo do Paraná, na Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano (SEDU).

O estudo prevê facilitar também o escoamento da produção de hortifrutigranjeiros de São José dos Pinhais, que contribui com mais de 50% para Curitiba e Região Metropolitana. “Essas são regiões que crescem e se desenvolvem muito. Merecem toda a nossa atenção e apoio. Precisamos dos projetos básico e executivo de viabilidade para depois buscarmos os recursos necessários”, destacou o secretário da SEDU, Ratinho Junior.


O estudo reuniu, na manhã desta terça-feira, 03, com Ratinho Junior, o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Pepe Richa, os prefeitos de São José dos Pinhais, Luiz Carlos Setim, e de Fazenda Rio Grande, Márcio Wosniack, o diretor presidente da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba – COMEC- , Jota Camargo, e o seu diretor técnico, Sandro Setim, mais o deputado estadual Francisco Bührer. Eles analisaram, juntos, detalhes técnicos e possíveis para a realização do projeto. “As dificuldades e o sofrimento da população batem, todos os dias, à porta dos prefeitos. São enfrentamentos que temos de dividir com eles. E nós não podemos errar em nossos investimentos”, ponderou Pepe Richa.


2 comentários

  1. Gilmar
    terça-feira, 3 de setembro de 2013 – 22:05 hs

    Esses projetos básicos estão prontos faz anos…

  2. EVERALDO
    quarta-feira, 4 de setembro de 2013 – 9:06 hs

    Remendos não adiantam…

    http://www.parana-online.com.br/editoria/cidades/news/692192/?noticia=TRANSITO+COMPLICADO+ULTRAPASSA+HORARIO+DE+PICO+NA+LINHA+VERDE

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*