Advogados pediram habeas corpus para Gaievski | Fábio Campana

Advogados pediram habeas corpus para Gaievski

Da Banda B

Os advogados do ex-assessor da Casa Civil da Presidência da República, Eduardo Gaievski, aguardam o resultado de um pedido de habeas corpus que deve sair nesta segunda-feira (2). O pedido foi feito no Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) na última quinta (29), antes mesmo de o político ser preso em Foz do Iguaçu e transferido para Curitiba. Gaievski é acusado de manter relações sexuais com garotas menores de idade em motéis de Realeza e em troca pagar os favores com dinheiro ou cargos na prefeitura.

Rafael Antônio Seben, um dos advogados de Gaievski, disse em entrevista à Gazeta do Povo que eles irão tomar novas providências, caso seja necessário, apenas após o veredito sobre o pedido de liberdade. “Com certeza [ele será solto], até porque a prisão neste caso é incabível. Apresentamos contraprovas a todas as acusações que constam na denúncia e ele solto não representa risco às investigações”, defendeu.

Ontem, o ex-assessor afirmou ser inocente das acusações (Assista ao vídeo aqui). Ele foi preso pela polícia na manhã deste sábado (31) em um apartamento de parentes. Na chegada do ex-assessor ao 3º Distrito Policial, já em Curitiba, Gaievski disse à Banda B que tem provas de sua inocência. “Sou inocente, tenho como provar”, disse. Ele foi detido em Foz do Iguaçu e veio sob escolta policial, de carro, até a capital, onde deve ser encaminhado a uma das delegacias da cidade. O ex-assessor não estava algemado e aparentava estar tranquilo. “Jamais abusei das meninas”, finalizou, antes de entrar na delegacia.

Ontem a ministra Gleisi Hoffmann disse em nota que tem uma história de vida, não só política, em defesa da mulher e seus direitos, mas também de crianças e adolescentes. “As acusações imputadas a Eduardo Gaievski são da mais alta gravidade e têm que ser apuradas levando-se às últimas consequências. Jamais compactuei ou compactuarei com crimes, ignorando-os ou acobertando-os”, disse.


6 comentários

  1. Gardel
    segunda-feira, 2 de setembro de 2013 – 12:50 hs

    Só faltava essa, soltar o criminoso para que volte a cometer crimes.

  2. tadeu rocha
    segunda-feira, 2 de setembro de 2013 – 12:54 hs

    mais um ESCANDOLO DO PT, AGORA ELE É BONZINHO, IGUAL O LULA NAO SABE NAO VIU NAO CONHEÇO NAO SEI NAO FUI EU……

  3. slb
    segunda-feira, 2 de setembro de 2013 – 14:29 hs

    Ele se diz inocente. As culpadas foram as crianças, que pelo jeito se insinuaram a ele. E, como é homem, não resistiu aos encantos das crianças e fez o que fez. Se liberarem este pedófilo que prendam as crianças. Alguém têm culpa nessa história, e com certeza absoluta não são as crianças. Põe esse bandido travestido de assessor político da Presidência da República através da Casa Civil na cadeia de uma vez, haja vista ter ficado escondido e não ter se apresentado voluntariamente. Provem que ainda existe leis e justiça no Brasil.

  4. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 2 de setembro de 2013 – 16:58 hs

    Será que as crianças estariam fazendo trabalho infantil na prefeitura,ou eram maiores?

  5. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 2 de setembro de 2013 – 17:41 hs

    Habeas Corpus = Sejas Senhor do teu corpo. Só do teu, viu…

  6. terça-feira, 3 de setembro de 2013 – 11:21 hs

    Sergio Silvestre, está com saudades dele, vá visita-lo na cadeia, agora pode “visita íntima” sabia.??

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*