Vidros do prédio da Prefeitura de Curitiba serão trocados em 10 dias | Fábio Campana

Vidros do prédio da Prefeitura de Curitiba serão trocados em 10 dias

Da Banda B:

Os 126 vidros quebrados do Palácio 29 de Março, prédio central da Prefeitura de Curitiba, começam a ser recolocados em 10 dias. A Prefeitura abriu um processo licitatório para a compra dos vidros e o resultado da concorrência foi anunciado nesta quarta-feira (07), com a definição da empresa vencedora.

A depredação ocorreu na noite de 21 de julho, quando vândalos que se aproveitaram das manifestações populares invadiram o prédio e quebraram os vidros da fachada frontal e laterais, além de danificar 260 metros de esquadrias metálicas, duas portas automatizadas e seis aparelhos de ar condicionado. “Tivemos de abrir uma licitação pública, pois as grandes armações de ferro existentes na fachada do prédio comportam apenas os vidros de 8 e 6 milímetros”, disse Ricardo Mac Donald, secretário municipal do Governo. Ele conta que a Prefeitura economizou com a licitação. “Os vidros tinham sido orçados em R$ 86,7 mil, mas conseguimos, com desconto, por R$ 46,1 mil”, explicou.

Os vândalos também danificaram todos os corrimãos da rampa de acesso ao prédio, a cancela e a cabine da Guarda Municipal na entrada do estacionamento e todos os refletores no jardim em frente ao prédio. Além disso, o prédio foi pichado.

A empresa vencedora começa a efetuar o serviço decorrido o prazo legal para impugnações da licitação, que é de cinco dias úteis a partir desta quinta-feira (08). Os vidros do prédio central da Prefeitura foram trocados pela última vez em 1969. Eram importados e laminados.

Estações Tubo

As três estações-tubo destruídas por vândalos durante a manifestação de junho, no Centro Cívico, estão totalmente recuperadas. Foram trocados 120 vidros e 51 guarnições de borracha, além de outros cinco conjuntos de borracha de encaixe que foram recuperados.

A colocação dos vidros das estações foi realizada com rapidez porque a Urbs – Urbanização de Curitiba S/A – possui um contrato com a Clear Channel para a manutenção constante dos tubos, o que facilitou a troca.


4 comentários

  1. carlos a.r.
    quinta-feira, 8 de agosto de 2013 – 21:07 hs

    E os vandalos já foram identificados para arcarem com os prejuizos causados?Se não foram quem organizou as passeatas que pague ou identifique quem fez.Tenho certeza que sabem quem é.Só assim vão ter responsabilidades.Essa de quebrar bem publico e pedir desculpas não dá para aguentar.Reclamar, protestar até eu concordo, agora praticar vandalismo não.Mas nós e quem protesta é culpadp. Porque se a policia parte pra cima dos mascarados aparece um monte de defensor o tornando um pobre coitado.

  2. GASTÃO
    quinta-feira, 8 de agosto de 2013 – 23:47 hs

    ENQUANTO PM,CUIDAVA MUITO BEM DO PALÁCIO IGUAÇU, PORQUE A GUARDA MUNICIPAL NÃO CUIDOU PALÁCIO 29 DE MARÇO?

  3. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 9 de agosto de 2013 – 2:25 hs

    A demora é prova de INCOMPETÊNCIA de gestão.

  4. Juca
    sexta-feira, 9 de agosto de 2013 – 8:55 hs

    Que grande notícia. Agora a coisa vai prá frente!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*