Bolsa Eleição | Fábio Campana

Bolsa Eleição

Do Painel, Folha de S.Paulo:

Sebastiana da Rocha, beneficiária do Bolsa Família, doou R$ 510 para a campanha de Dilma Rousseff à Presidência em 2010. O valor, registrado no Tribunal Superior Eleitoral, é R$ 18 a menos do que Sebastiana, cadastrada no Portal da Transparência como moradora de Cuiabá, recebeu em 2010 do programa, voltado a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. O Ministério do Desenvolvimento Social confirma tratar-se da mesma pessoa e diz que apura outros casos similares.

Salário Desde que começou a receber o benefício, Sebastiana trabalhou como funcionária temporária de uma escola estadual em Campo Verde (MT) em pelo menos três ocasiões. A remuneração mínima da função que ela exerceu é de R$ 1.255,33.

Outro lado O MDS afirmou que vai entrar em contato com o gestor local do programa para avaliar a condição social da família de Sebastiana e aguarda um parecer da Prefeitura de Campo Verde. A coluna não conseguiu localizar a beneficiária.


8 comentários

  1. CARUNCHO
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 11:09 hs

    CADE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL E A POLICIA FEDERAL PARA INVESTIGAR ESSES ABSURDOS,SERÁ QUE PORQUE ENVOLVE O PT, OS DOIS VÃO FAZER VISTA GROSSA ?

  2. CARUNCHO
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 11:11 hs

    CADE O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL E A POLICIA FEDERAL PARA INVESTIGAR ESSES ABSURDOS,SERÁ QUE PORQUE ENVOLVE O PT, OS DOIS VÃO FAZER VISTA GROSSA COMO NO CASO DO BOATO SOBRE O FIM DO BOLSA FAMILIA QUE NÃO DEU EM NADA, SÓ POR QUE ENVOLVIA GENTE GRAÚDA DO GOVERNO ?

  3. A Sociedade Responde
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 11:30 hs

    Tem muita linguiça debaixo desse angu de conveniências….

  4. Mr.Scrooge
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 11:48 hs

    Nada mais justo, dona Sebastiana foi coerente, não poderia acumular dois empregos, o de empregada do Bolsa Família e o de funcionária publica estadual, mesmo que em caráter temporário. Aí em um gesto de puro desprendimento, doou parte do que recebeu ilegalmente. Em bom português, esquentou a grana recebida ilegalmente.

  5. OCIMAR
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 12:48 hs

    BOLSA VAGABUNDOS É O QUE MAIS TEM NESSA REPUBLIQUETA DE QUINTA CATEGORIA.

  6. Sílvio
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 13:41 hs

    O Brasil está evoluindo…
    De caixa 2 para Bolsa 2!!!

    Este PT é mesmo muito criativo.
    O mulambento (provavelmente com um cargo em comissão) se inscreve no BF e repassa ao partido o totum. Quentinho, quentinho…
    Que Blz!!!
    Como dizia o personagem do Jô:
    – me tira o tubo…

  7. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 14:48 hs

    Um quer pagar trepada com o cartão, essa ai, faz doação…Eu, hein?

  8. Mané do sudoeste
    quinta-feira, 25 de julho de 2013 – 14:55 hs

    Em várias localidades do Brasil ocorre isso,porque os Comitês Municipais que acompanha e fisaliza o programa, fecham os olhos e priviligiam amiguinhos do prefeito e vereadores. Nesse caso tem mais,é que investigar a Sec.de Assitência Social deste município do Mato Grosso e investigar os respomnsáveis pelo programa.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*