Richa inaugura novo frigorífico que vai criar 15 mil empregos | Fábio Campana

Richa inaugura novo frigorífico que vai criar
15 mil empregos

O governador Beto Richa inaugurou hoje em Ubiratã, na região Centro-Oeste, o Frigorífico Unitá que vai abater, num primeiro momento, 180 mil por dia. “Investimos em infraestrutura para conseguir levar industrias para o interior do estado. O frigorífico vai gerar de 15 mil empregos diretos e indiretos, uma revolução para o centro-oeste”, disse Richa.

A Unitá faz parte do programa Paraná Competitivo, investiu R$ 135 milhões na construção de 20 mil metros quadrados do frigorífico e prevê um faturamento anual de R$ 230 milhões. “A Unitá é formado por duas cooperativas, das mais respeitadas no Brasil, orgulho dos paranaenses. O apoio do Governo do Estado tem sido intenso, melhorando as estradas, os acessos, e principalmente com apoio direto aos nossos agricultores e avicultores”, completou.


10 comentários

  1. Bruna Alcantara
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 18:07 hs

    grandeeeeeeee!

  2. ORLANDO PESSUTI
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 18:54 hs

    O FRIGORÍFICO UNITÁ, é fruto de um trabalho iniciado pela COAGRU e que prosseguiu através de uma bela parceria entre a COPACOL e a BIG FRANGO. Obra muito importante para a região , para o Paraná e para o Brasil. O BNDES apoiou de forma significativa a implantação desse frigorífico, assim como apoia o projeto como um todo, através da liberação de financiamentos em parceria com outras instituições. Quando Secretário da Agricultura, Vice Governador e Governador do Estado do Paraná, tive oportunidade de participar das conversas preliminares que levaram a esse empreendimento. Agora como Conselheiro de Administração do BNDES também procurei contribuir para que tudo caminhasse bem. PARABÉNS A TODOS QUE COLABORAÇÃO E APOIARAM ATÉ AQUI.

  3. Vigilante do Portão
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 18:56 hs

    Vamos ver se a GAZETONA vai dar algum destaque.

  4. sergio silvestre
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 20:08 hs

    Fiz as contas aqui e cheguei a uma conclusão.
    A abatedouro vai parecer gabinete de deputado.Vai ter um funcionário a cada1,3333333333333333 m2.
    Enquanto um despena o frango o outro ri de tanta cócegas.
    Vai precisar de vinte Ubiratã para compor tanto emprego.

  5. PAULO ROBERTO
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 22:15 hs

    Para esclarecer os equivocos:

    a) o empreendimento é totalmente privado.
    b) o Estado não colocou nenhum centavo.
    c) A parceria é entre a COPACOL e COAGRU e não COPACOL x BIG FRANGO, conforme o Pessuti disse.
    d) As estradas na região, com excessão da BR 369 que é pedagiada estão em péssimas condições de conservação.
    e) O empreendimento não vai gerar 15 mil empregados, dá bem para dividir esse número pelo fator 20.

  6. José
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 22:19 hs

    Sérgio Silvestre, antes de sair por aí escrevendo m… leia com atenção:

    São empregos diretos e indiretos, ou seja não é só pessoal que trabalha no frigorífico, tem também todo o restante da cadeia produtiva, fornecedores, parceiros, etc.

    E o número de empregos indiretos, ou seja, aqueles que não estão diretamente no frigorífico com certeza é no mínimo cinco vezes maior que o número de empregados no frigorífico.

    Além disso, este tipo de atividade normalmente trabalha com três turnos, ou seja não terá nunca o número total de funcionários ao mesmo tempo na unidade.

    E por último, esta atividade é fiscalizada por órgão federais e se vc tiver interesse, pode pesquisar: existem normas específicas do MinTab, SIF, etc para este tipo de estabelecimento.

    Então, aprende a ler, fazer contas e depois aparece por aqui…

  7. sergio silvestre
    quinta-feira, 6 de junho de 2013 – 23:48 hs

    Quantos pais tem o abatedouro hein?

  8. Parreiras Rodrigues
    sexta-feira, 7 de junho de 2013 – 7:50 hs

    Silvestre, seu bobim: 15 mil conta desde o produtor de milho,

    Duvido que o ex-governador prestigiaria um evento assim: coisa do agronegocio, do capital vadio, aqueles atrasos que hoje o marxista mais encalacrado repudia.

  9. Anônimo
    sexta-feira, 7 de junho de 2013 – 10:38 hs

    É ISSO AÍ PESSUTI, ESTE PROJETO VEM SENDO TRBALHADO Á ANOS, VIA BNDES/BRDE E OUTROS, ESTE É O MOMENTO DE INAUGURAÇÃO….MAS…..

  10. sergio silvestre
    domingo, 9 de junho de 2013 – 10:02 hs

    Então entendi,vão começar plantar milho tambem.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*