Em momento difícil, Dilma se fecha no Palácio até a reunião com os governadores | Fábio Campana

Em momento difícil, Dilma se fecha no Palácio até a reunião com os governadores

Dilma: sem motivos para sorrir.

Do Lauro Jardim:

Dilma Rousseff foi à TV na sexta-feira, mas hoje está na muda até o horário marcado para a reunião com os governadores. De acordo com a Presidência da República, sua agenda será dedicada a “despachos internos” até às 16h.


7 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 11:36 hs

    Acabaram-se as mágicas da cartola. Ninguém engana todos, todo o tempo. Lula escondeu-se e abandonou-a à própria sorte, urdindo sua volta triunfal (?) como salvador da pátria. Depende de combinar tudo com a ceifadora.

  2. AQUI NÃO!
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 11:43 hs

    O que estamos vivendo hoje, nos mostra claramente do que os militares nos livraram no passado. Aparentemente, as pessoas não estão tendo visão de futuro. Se chegarmos ao ponto de uma ditadura comunista, aqueles que reclamavam do regime militar, vão se arrepender amargamente. A você que se vende por qualquer uma besteira, quando não precisarem mais te comprar, te darão um pé na bunda.

  3. marlene salete alquieri
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 12:01 hs

    Dilma nao precisa se fechar no Palácio, venha para a rua protestar voce já foi especialista nesta arte, é so observar melhor quem esta no seu lado no governo é os desmandes que estão ocorrendo,
    Acorda Dilma.

  4. gustavo
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 14:16 hs

    Fabio, em vez de escrever “despacho interno” escreva “despachada para o inferno”. É o que merecem todos os políticos deste país.

  5. José Carlos
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 14:30 hs

    Na minha época “Despachos internos” era fazer macumba dentro do terreiro. Pensando bem até caberia jogar um salzinho na porta do palácio ou quem sabe acender uma velinha para ver se ilumina a mente de algumas pessoas que acham que vão resolver o problema da saúde importando médicos de cuba. Médico nós temos, o que falta é vergonha na cara para se pagar salários dignos que se tornem atrativos o suficiente para que eles desempenhem suas funções junto ao Sistema de Saúde. Fico imaginando como seria interpretar uma receita médica prescrita por um DOTOR Cubano.

  6. Beleza de Casa, hein Priscila?
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 17:33 hs

    Deve tá com seu pai de santo predileto, o lulla safado; pra saber o que faz da vida. Se casa, ou compra uma bicicleta!

  7. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 24 de junho de 2013 – 21:32 hs

    Mal assessorada a presidentE. Será que o seu Conselho Político não sabe que a feitura dum plebiscito só pode ser feita pelo CN?

    A Reforma Política, aliás, era uma das mais atiçadas bandeiras do PT. No Poder, socou-a dentro duma gaveta qualquer, onde mofa até hoje.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*