Dilma vai a FHC | Fábio Campana

Dilma vai a FHC

Do Painel, Folha de S.Paulo:

Dilma Rousseff fez uma série de consultas antes de propor um plebiscito para convocar Constituinte exclusiva sobre reforma política. O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) foi à casa do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para propor uma reforma política ampla, pactuada com a oposição. FHC disse ser favorável, mas que teria de consultar outros líderes tucanos. Quando Cardozo falou em plebiscito, o ex-presidente disse ser contrário, e o ministro concordou com ele.

Gênese Em reunião no Alvorada, no domingo, ministros defenderam a Constituinte exclusiva diante da dificuldade do Congresso em aprovar a reforma. Dilma falou sobre o plebiscito, mas não bateu o martelo.

Por fora Já Michel Temer não foi consultado. O vice-presidente, que escreveu artigo contra a proposta em 2007, foi surpreendido pelo anúncio na reunião com governadores e prefeitos.


5 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    terça-feira, 25 de junho de 2013 – 10:33 hs

    Trata-se de um engodo lulopetista de puro ilusionismo. Um truque no meio de um palco mambembe. Uma pirueta espetaculosa e cafona. Isso só prova o enorme menosprezo deste governo pela dignidade popular. Falam qualquer coisa, papagueiam frases ao léu, achando que serão acreditados. Táticas ensinadas por Lula que era mais criativo e sempre apelava à miséria nacional.

  2. tadeu rocha
    terça-feira, 25 de junho de 2013 – 10:40 hs

    BRASILEIROS E BRASILEIRAS………. ESSE É HOMEM CERTO PARA GOVERNAR NOSSO BRASIL QUERIDO, É O FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, VAMOS BRASILEIROS ,……….

  3. OCIMAR
    terça-feira, 25 de junho de 2013 – 13:16 hs

    É UM MESTRE DANDO DE DEDO EM UMA ENERGÚMENA, É ISSO AÍ FHC,MOSTRA PRA ESSA PORCALHADA,COMO SE FAZ A LIÇÃO DE CASA.

  4. Gardel
    terça-feira, 25 de junho de 2013 – 14:14 hs

    Logo o PT que fez de tudo para abalar a confiabilidade do presidente Fernando Henrique Cardoso, o arquiteto do Plano Real.
    Agora quer conselhos. Tentaram desqualificar de maneira desonesta o governo do FHC. O povo apostou na capacidade do FHC para traçar o destino do país. O PT, incapaz de criar, aproveitou a herança do FHC, Plano Real e ajustes econômicos. Para o PT, o presidente FHC deixou uma herança maldita, mas Collor e Sarney responsáveis pelo crescimento da infração e confisco do dinheiro do povo, legaram herança bendita. A estabilidade construída com sacrifício por FHC, nas mãos da esquerda desanda. É o que esta acontecendo, com tantas mazelas, o PT e seus satélites adestrados destrói a estabilidade conseguida com suor e inteligência. A indiferença pelo esforço de FHC, já passa de dez anos, mas a eficácia administrativa do governo FHC, dificilmente será superada pelo PT. FHC, que desde inicio priorizou a busca da estabilidade econômica, sendo esse fato, um dos seus maiores legados.

  5. Sergio silvestre
    terça-feira, 25 de junho de 2013 – 15:51 hs

    O QUE O POVO NÃO SABE E MUITA GENTE NÃO FAZ QUESTÃO DE PROPAGAR,QUE UM DOS PONTOS DA REFORMA POLITICA É PARA CRIMES DE CORRUPÇÃO,SER CRIME HEDIONDO.
    E VOCES ACHAM QUE POLITICOS VÃO QUERER ISSO?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*