PSDB prepara superexposição de Aécio, 'caravanas tucanas' e veto a Dilma na TV | Fábio Campana

PSDB prepara superexposição de Aécio, ‘caravanas tucanas’ e veto a Dilma na TV

Nas vésperas da convenção, Aécio almoçou com tucanos, inclusive o atual presidente do PSDB (Andre Dusek/Estadão).

De Erich Decat, O Estado de S. Paulo:

BRASÍLIA – A nova direção do PSDB, que será comandado pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG) a partir deste sábado, 18, vai criar situações de superexposição do mineiro na máquina de comunicação partidária. A ideia é que o provável candidato à Presidência em 2014 seja o protagonista de todas peças publicitárias a partir de agora, sem rivalizar com outros dirigentes partidários. O próprio Aécio anunciou nesta sexta-feira, 17, que a partir de julho começa a rodar o País e fará viagens quinzenais para montar o programa de governo do partido.

Em outra frente, o PSDB quer impedir a presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição, de fazer pronunciamentos em cadeia nacional de rádio e televisão no ano eleitoral. Aliado de Aécio, o deputado Marcus Pestana (MG) apresentou ontem projeto de lei que proíbe os pronunciamentos no ano do pleito em casos que não sejam considerados de “urgência”. O argumento é que a presidente pode usar a máquina para autopromoção e fazer campanha.

Aécio será eleito neste sábado, em convenção partidária em Brasília, presidente do PSDB. São esperadas as presenças do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, do governador Geraldo Alckmin e do ex-governador José Serra. A presença dos paulistas, segundo aliados de Aécio, será um sinal de pacificação com os “serristas”.

“O partido está vivendo um ótimo momento de unidade, de solidariedade. Não me lembro desde a fundação do partido de outro momento de tanta convergência em torno de um projeto, independente de nome, de candidatura”, disse Aécio nesta sexta-feira.

‘Caravanas’. As “caravanas tucanas”, disse Aécio, serão o “reencontro do PSDB com os brasileiros”. Entre 1993 e 1996, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comandou as “Caravanas da Cidadania”, percorrendo 359 cidades em 26 Estados com o objetivo de aprofundar os conhecimentos dos políticos sobre a realidade brasileira.

“A ideia é que a partir de julho nós tenhamos pelo menos quinzenalmente uma agenda para mostrar o Brasil real, até para contrapor ao Brasil virtual, da propaganda. E mostrar experiências que deram certo. E construir um programa que não sairá de um gabinete, mas dessas viagens”, afirmou Aécio. “Esse é o ano de nós nos reencontramos com os brasileiros de todas as regiões.”

Pestana, que é presidente do PSDB em Minas, afirmou que a comunicação do partido passará a se concentrar em torno de Aécio. “Vamos corrigir o que vínhamos fazendo para não termos uma difusão tão grande do ponto de vista dos personagens. Hoje temos pelo menos oito atores (presidenciáveis e dirigentes partidários), o que dificulta a criação de uma identidade partidária. O Lula amadureceu como representante do PT quando passou a ter toda a comunicação voltada para ele”, comparou o deputado.

“Vamos profissionalizar a comunicação, trabalhar em rede, conectar a nossa militância, unificar o nosso discurso. Hoje o partido existe, mas de forma dispersa, sem conexão. Vamos alimentar as nossas bases”, disse Aécio ao Estado nesta sexta.

Picanha. O senador almoçou nesta sexta com deputados e o atual presidente da partido, Sérgio Guerra (PE), em uma churrascaria em Brasília. Para ele, a reformulação da comunicação e as viagens vão revitalizar o partido. “O PSDB tem que se reconciliar com setores da sociedade que já foram muito próximos de nós e hoje não estão tão próximos.” Pestana disse que haverá três eixos de comunicação: exaltar gestões do PSDB, criticar Dilma e propor uma agenda futura. O marqueteiro Renato Pereira, que fez as campanhas do PMDB no Rio, fará o marketing.


8 comentários

  1. Silva Jr
    sábado, 18 de maio de 2013 – 11:29 hs

    PSDB, só 20 anos de atraso, chega a dar dó!

  2. Luciano
    sábado, 18 de maio de 2013 – 11:39 hs

    Lembrando que ela fara tudo isso pago por nos contribuintes o cara foi eleito senador por MG, mas não vemos atuando no senado para defender os interesses dos Mineiros e dos Brasileiros! Agora ela comenta que vai viajar um monte devia pelo menos se abdicar da vaga de senador para seu suplente ai sim entrar em campanha!

    Precisamos de reforma política urgentes…

  3. sergio silvestre
    sábado, 18 de maio de 2013 – 12:47 hs

    É SÓ ELE DIRIGIR BEBADO UMAS PAR DE VEZ QUE VAI TER UMA EXPOSIÇÃO DANADA NA MIDIA.

  4. salete cesconeto de arruda
    sábado, 18 de maio de 2013 – 16:37 hs

    Meu Deus!
    Aécio exposto?
    Ele conhece Serra?
    Tá perdido.
    Já era!
    Anotem.

  5. Vigilante do Portão
    sábado, 18 de maio de 2013 – 18:38 hs

    Não sou eleitor da Dilma,
    Entretanto,
    Aécio vai perder EM MINAS Gerais.

  6. carlos.
    sábado, 18 de maio de 2013 – 21:37 hs

    O Aébrio vem aì, para mais uma derrota do PSDB.

  7. loop
    sábado, 18 de maio de 2013 – 21:55 hs

    Pizza por pão … queijo …

  8. osmar faville
    segunda-feira, 20 de maio de 2013 – 10:32 hs

    Olhe so antes de ser eleito o homem ja esta churrasqueando imagine se for eleito presidente.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*