Oposição vai à Justiça pedir informações sobre "Tudo Aqui" | Fábio Campana

Oposição vai à Justiça pedir informações sobre “Tudo Aqui”

Na sessão desta segunda-feira, governistas rejeitaram requerimentos que pediam informações sobre o programa

De Euclides Lucas Garcia, Gazeta do Povo:

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa promete entrar com um mandado de segurança na Justiça para obter mais detalhes a respeito do projeto “Tudo Aqui Paraná”. Na tarde desta segunda-feira, a bancada do governo rejeitou dois requerimentos dos oposicionistas que pediam informações sobre o programa e um terceiro que convocava o secretário estadual do Planejamento, Cassio Taniguchi, para ir à Casa explicar o assunto. Na terça-feira, ele vai se reunir com os deputados, mas a portas fechadas, no gabinete da presidência.

Além da convocação de Taniguchi, a oposição, que alega falta de transparência ao longo de todo o processo, solicitava uma série de informações ao governo: formas de divulgação do edital de licitação, base de cálculo que embasou o valor total do contrato, cópias de documentos da concorrência e estimativa de gastos para a administração pública com o programa. “A precariedade [do edital] choca qualquer cidadão. Não se fala, por exemplo, quantos funcionários serão necessários no programa, quanto custará cada cargo”, criticou o líder da oposição, Tadeu Veneri (PT). “Qualquer prefeito que fizesse isso, no dia seguinte, o Tribunal de Contas, o Ministério Público e a Polícia Federal estariam na porta da sua casa.”

Em resposta, o líder do governo, Ademar Traiano (PSDB), argumentou que o mesmo programa tem ótimos resultados em vários estados do país. Segundo ele, em São Paulo, por exemplo, foram 3 milhões de atendimentos em dois anos e um índice de aprovação de 98%. “Estamos cansados de ouvir teorias conspiratórias, suspeitas infundadas e delírios ideológicos. Queremos apenas facilitar a vida da população”, afirmou.

O tucano ressaltou ainda que, na reunião com Taniguchi, os deputados interessados terão liberdade para dirimir qualquer dúvida a respeito do programa. “Não irei a esse teatro. O secretário exerce um cargo público e não pode dizer ‘eu vou, mas não quero imprensa, não quero que me constranjam’”, disse Veneri.

Traiano, porém, argumentou que, se Taniguchi falasse em plenário, a oposição é que “faria um teatro, tentando politizar o assunto”.


9 comentários

  1. Massa
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 0:50 hs

    Sacanagem explicita. Estão fazendo putaria com o nosso dinheiro. Cadê o Gaeco?? Cadê o ministério publico?? E o fim da picada. Cambada de ladrões travestidos de políticos profissionais. Cadeia neles.

  2. Roberto Rubio
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 0:51 hs

    Finalmente a oposição está fazendo algo inteligente em vez de ficar discursando ao vento!

    O correto agora é instar o MP para que este venha exercer o seu papel constitucional de fiscal da Lei. Ou o MP vai lavar as mãos?

    Onde está o promotor de justiça de Ponta Grossa que volta e meio “infernizava” o Bob Req?

  3. Vigilante do Portão
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 2:19 hs

    Projeto NABABESCO.

    Quais informações o “Tudo Aqui” vai disponibilizar?
    Quantos funcionários vai ter?
    Quais são as regras do contrato?

    Em princípio, o Projeto parece ter sido feito de “encomenda”.

    Pior,

    Gastar R$10MILHÕES p/MÊS, sendo que Beto RECUSOU-SE a dar SUBSÍDIO de R$6MILHÕES para o Transporte Coletivo,

    É UMA BURRICE.

    Não sei como a Oposição ainda não escrachou.

  4. Homen do Povo
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 7:39 hs

    ISSO TÁ ME CHEIRANDO MAIS UMA MARACUTAIA DO GOVERNO PARA DESVIAR DINHEIRO DOS COFRES PÚBLICOS E ACOMODAR ÀQUELES QUE PERDERAM SEUS CARGOS NA PMC.
    POVO DE CURITIBA FIQUE ATENTO, O CA$$IO NÃO É NENHUM JAPINHA INGÊNUO PLANTADOR DE ALFACES.

  5. lika
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 8:19 hs

    SE NÃO TEM NADA DE ERRADO, PORQUE ESSE MEDO DE DAR EXPLICAÇÃO AO POVO PARANAENSE, AFINAL ISSO ESTÁ SENDO FEITO COM O NOSSO DINHEIRO, OU ESTOU ERRADO. É MAIS UMA DAQUELAS FALCATRUAS PRA LEVAREM VANTAGEM, ESTAMOS FALANDO DE 3 BILHÕES DE REAIS, E ENQUANTO ISSO ALÍ EM CONTENDA TEM UMA ESCOLA QUE OS ALUNOS ASSISTEM AULAS OLHANDO PRO TETO E VENDO A LUA, UMA BARBARIDADE, SE QUISEREM CONFIMAR DÊ UM PULINHO ALÍ É PERTINHO DE CURITIBA.

  6. claudio
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 9:47 hs

    Interessante.
    Bilhões serão pagos para uma empresa privada fazer o serviço do governo. Se existe demora no atendimento ao público é porque faltam funcionários e estrutura, ou seja, falta maior investimento e vontade política.
    Enquanto órgãos públicos no interior estão sucateados, com pouco funcionários o governo “investe” na iniciativa privada. Fazer concurso público para contratar novos servidores não tem condições, mas para pagar essa fortuna para uma empresa, por 50 anos tem?
    Votei nesse governador, mas estou me decepcionando.

  7. Natale Vanz
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 10:48 hs

    Algumas perguntas sobre:
    ….”que repassará a prestação de 171 serviços públicos à iniciativa privada”
    Quais?
    Não funcionam adequadamente? Porquê?
    Quantos funcionários públicos, englobam esta 171 repartições de serviços públicos?
    O que será feito deste potencial humano, destas 171 repartições dos serviços públicos? Serão demitidos? Serão terceirizados(sic)?
    Ou apenas ficarão instados no serviço público para “inchar” a folha de pagamento?
    O investimento(sic) de R$2,9Bilhões em 25 anos, R$10milhões por mês, não são suficientes para o treinamento e desenvolvimento destes fucionários que compõe estas 171 repartições de serviços públicos?
    Ou será apenas, um novo “Choque de Je(i)stão” ao melhor estilo demo-tucano?

  8. Pamella
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 13:38 hs

    Quem não lembra da primeira campanha do Beto Richa em 2004?
    Aquela propaganda eleitoral exibia o Cássio Taneguchi, com seus carecas dissendo: TODO MUNDO ESTÁ CARECA DE SABER, QUE O BETO RICHA NÃO TEM NADA HAVER COM .
    Está era uma estratégica para desvincular Richa do
    ex-prefeito Taneguchi com 82% de rejeição e acusado de
    caixa 2 .
    Será que não tinham mesmo nada?

  9. Varão de Plutarco
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 13:55 hs

    O Cá$$io e o jaco,podem explicar se quiserem…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*