Alvaro Dias questiona presidente do BC sobre controle da inflação | Fábio Campana

Alvaro Dias questiona presidente do BC sobre controle da inflação

Durante audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, nesta terça-feira (02/04), o senador Alvaro Dias (PSDB/PR) questionou o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, sobre a autonomia do BC, o controle da inflação e o abandono da meta inflacionária. O presidente do Banco Central afirmou que a inflação tem-se mostrado “mais resistente” nos últimos meses, sem especificar, no entanto, que medidas a instituição adotará para reduzir o aumento de preços.

Tombini também negou o abandono da meta: “Nos 14 anos em que a política de metas para a inflação vigora no Brasil, a meta foi atingida em três ou quatro oportunidades apenas. Temos que consolidar esse processo de convergir a inflação para o centro da meta, e esse processo é contínuo, estamos trabalhando nisso”, disse. Para o senador Alvaro Dias, a questão da autonomia do BC é prioridade neste momento, principalmente em função do desencontro de opiniões da presidente Dilma Roussef e de outras autoridades econômicas do governo, que provocam tumulto no mercado e preocupam o país.

O senador também perguntou ao dirigente do Banco Central sobre o baixo crescimento do PIB e sobre a influência do processo eleitoral nas decisões da instituição. “Diante de um governo que tem sido acusado de mistificar, de manipular, de introduzir a contabilidade criativa, é o caso de se indagar se a antecipação do processo eleitoral não pressionará o BC para escamotear a realidade dos números da inflação, tendo em vista a repercussão no cenário das eleições 2014”, disse Alvaro Dias. “O BC não se sujeita a qualquer tipo de pressão para trabalhar com números. Isso mostra que o BC não doura a pílula”, respondeu Tombini.


6 comentários

  1. Anônimo
    terça-feira, 2 de abril de 2013 – 22:45 hs

    ALVARO………..VAI PRÁ CASA PADILHA.

  2. HAMILTON LUIZ NASSIF-LONDRINA
    quarta-feira, 3 de abril de 2013 – 7:40 hs

    Qualquer leigo, está vendo que a inflação está em ritmo galopante.
    O poder aquisitivo do povo, está diminuindo à olhos vistos. Providências imediatas deverão ser tomadas, caso contrário vamos novamente caminhar por caminhos tortuosos !!!O Senador Alvaro Dias tem mesmo que contestar,infelizmente, é uma voz que se perde no meio de políticos inconsequentes. Não desista Alvaro, você é uma das nossas esperanças, confiamos em você !!!!!!

  3. @deMoura__
    quarta-feira, 3 de abril de 2013 – 8:37 hs

    AUTONOMIA DO BANCO CENTRAL COISA NENHUMA. SE O BC FOSSE EFETIVAMENTE AUTÔNOMO, ELE JÁ TERIA AGIDO A FAVOR DOS ESPECULADORES DO MERCADO ELEVANDO AS TAXAS DE JUROS E DIMINUINDO O PODER DE COMPRA DO POVO.

  4. paulo
    quarta-feira, 3 de abril de 2013 – 8:49 hs

    porque ele não fala pro governador dele contrata menos comissionados esse cidadão não adianta so que aparece

  5. flavio luiz
    quarta-feira, 3 de abril de 2013 – 9:39 hs

    A inflamação anunciada é 1 estelionato público, é só comprovar indo a super mercado e verificar de 1 mês pro outro os preços, vivemos 1 grande enganação com esta turma do MENSALÃO do PT. Mas o que fazer o povão tá satisfeito pois recebe seus mizeros R$ nos bolsas mizéria tudo. Povo mizerave politico no poder , este é o ditado.

  6. quarta-feira, 3 de abril de 2013 – 21:38 hs

    FLAVIO LUIZ isto de que povo miserável era politico no poder era da era FHC, você lembra quantos dólares valia um Salário Mínimo na época do FHC, não, então vou te lembrar, quando o FHC aumentava o SM ele valia em média 70 a 90 dólar, decorrido três meses estava valendo menos que 50. Você sabe quantos dólares vale um salário mínimo hoje, faça a conta afinal você não é tão analfabeto assim.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*