A rápida e incrível mudança de opinião sobre o Tudo Aqui | Fábio Campana

A rápida e incrível mudança de opinião sobre o Tudo Aqui

Causou espécie, como diria o professor Albino Stoparowski. Surpreendentemente, os maiores defensores do “Tudo Aqui” mudaram imediatamente de opinião a partir do momento em que o governador Beto Richa pôs água na fervura, mandou retirar o projeto da Assembleia e determinou nova análise por outra equipe. Providência para resguardar o governo de qualquer tipo de equívoco ou mau passo.

Pois, pois, o deputado Ademar Traiano, líder do governo na Assembleia, passou de fã incondicional do projeto “Tudo Aqui” para crítico que teria determinado a sua retirada. Com certeza, nem o governador entendeu a rápida mudança de papéis.


10 comentários

  1. Sandro
    quinta-feira, 4 de abril de 2013 – 20:22 hs

    Todo esse engodo meloso do Sr Cássio Taniguch fere a inteligência do cidadão…bem que poderia se enquadrar como afronta aos direitos humanos. Só falta a bandeira e o símbolo para sair as ruas protestar !

  2. Mr.Scrooge
    quinta-feira, 4 de abril de 2013 – 20:27 hs

    Como bom e fiel servidor o deputado só fez coro aos desejos do chefe. O que ontem era o máximo, hoje não passa de lixo, não é mesmo deputado? ACarlos

  3. Marco
    quinta-feira, 4 de abril de 2013 – 21:36 hs

    Fábio, não existia projeto algum na Assembleia para ser retirado. O Tudo Aqui se trata de uma licitação que não tem nada a ver com o Legislativo. A discussão foi parar lá porque os deputados da oposição questionaram, mas não dependia deles a aprovação do programa e, como foi dito, por meio de uma licitação.

  4. Berlarmino
    quinta-feira, 4 de abril de 2013 – 22:38 hs

    Coerência, sempre ela. Dep. Traiano é um homem de princípios, de opinião e coerente.

  5. sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 0:15 hs

    Este Traiano para burro so falta pena, não sabe o que fala e o que defente,>

  6. Proteu Dela Rue
    sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 0:37 hs

    Um governo de singelezas lúdicas no trato do erário; ilógico nas decisões, parece mesmo que nunca há ventos propícios para esta nau que não sabe onde aportar. Ato dessa magnitude exige maior completude, ou seja, a demissão sumária do secretário. A história guarda semilitude com aquele pai que flagra a filha em suspiros de gozos infinitos, em fremitos carnais com o namorado sobre o sofá da sala, ham, hum haam resmunga para afilhota se recompor, noutro dia retira o sofá e imagina que resolveu o problema, se reconfortou internamente, mas nao resolveu o problema, só aumentou os dissabores, assim caminha o Paranà.

  7. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 2:26 hs

    Como se o Campana não soubesse das coisas.

    Tentaram fazer passar o Projeto.

    Era “de encomenda”, dirigido.

    Deu “pobrema”. Tava complicado explicar a preesa para um gasto de R$3BIlhões.

    Então,
    Beto, por orientação dos palacianos, FAZ de CONTA que NÃO SABIA DE NADA.
    Manda RETIRAR o Projeto.

    Caso a “chapa esquente”, coloca a culpa no Cassio e sua equipe.
    Podendo dizer:

    “…Quando tomei conhecimento das irregularidades no Projeto, determinei, imediatamente, a retirarada de pauta e averiguação das irregularidades…”

  8. Homen do Povo
    sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 7:41 hs

    EU ENTENDI O QUE ACONTECEU!!!
    QUANDO CAIU NA MÍDIA O TAL”PROJETO” E O POVO MANIFESTOU-SE QUANTO AO MESMO, E DIGA SE DE PASSAGEM, CONTRA, O GOVERNADOR, POLÍTICO DE CARTERINHA E MUITO LIGEIRO, LOGO TOMOU AS PROVIDÊNCIAS PARA QUE FUTURAMENTE A BOMBA NÃO ESTOURE EM SUAS MÃOS.
    RESUMINDO, TODOS PERCEBERAM QUE O TAL “PROJETO” TRATAVA-SE MERAMENTE DE UMA CÓPIA DAS ATUAIS RUAS DA CIDADANIA CRIADA NA ENTÃO GESTÃO DO PREFEITO GRECA, E QUE ESSE “PROJETO” QUE TENTARAM EMPURRAR GOELA ABAIXO SERVIRIA SOMENTE PARA ACOMODAR OS “COMANDANTES” DE COMITÊS DO DUCCI QUE FORAM CONVIDADOS A SE RETIRAREM DA ATUAL ADMINISTRAÇÃO, MUITO JUSTO NÃO É!!!

  9. Antonio carlos
    sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 7:46 hs

    Hummm!!! E dizem que o Beto não sabia de nada!!!! Sei…. Depois falam dos outros!

  10. sexta-feira, 5 de abril de 2013 – 13:57 hs

    Em ano de eleições é preciso tomar cuidado, este projeto se aprovado e colocado em pratica era desfavorável ao Beto Richa e ainda mais coordenado pelo Japones que foi um dos companheiros de Lenner na criação do pedágio.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*