Caixa escolhe o Paraná para projeto piloto do programa de casas rurais | Fábio Campana

Caixa escolhe o Paraná para projeto piloto do programa de casas rurais

O governo federal escolheu o Paraná para dar início a um projeto piloto da Caixa Econômica Federal na área de moradias rurais e a região do Estado contemplada para a implantação do serviço é a dos Campos Gerais. A proposta é tornar mais rápida a contratação de obras pelo Programa Nacional de Habitação Rural.

O projeto será implantado em dez municípios da regional da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) em Ponta Grossa, onde está em análise a construção de 200 moradias. Os municípios que serão beneficiados ainda não foram divulgados.

Para o deputado Plauto Miró (DEM), 1º secretário da Assembleia Legislativa, ao agilizar a contratação de obras, o novo projeto torna mais rápido o processo de construção e entrega das residências, o que beneficia as famílias que moram nas áreas rurais da região dos Campos Gerais e esperam a oportunidade de ter uma casa própria.

Com o novo projeto, a análise da documentação e do cadastro das famílias beneficiadas será feita pela Cohapar e os dados enviados diretamente ao sistema de informações da Caixa. Atualmente essa análise é feita pela Caixa, tornando o processo de contratação de obras mais demorado, principalmente em função do aumento da demanda registrado desde 2012, quando o programa nacional de habitação rural decolou.

O novo procedimento na habitação rural que começa pelo Paraná já funciona na contratação de moradias urbanas em todo o país.


6 comentários

  1. carlos rocha
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 17:42 hs

    É o Jarme Lerner deve ter repassado essa ideia para eles, porque no governo do Jaime foi implantada varias vila aqui no paraná

  2. Edson Azeredo
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 20:46 hs

    Não considero isso como projeto piloto, pois a Caixa em parceria com a Cooperhaf/Pr (Cooperativa de Habitação da Agricultura Familiar) e os sindicatos filiados a Fetraf-Sul/Cut ja vem desenvolvendo o Prograna Nacional de Habitação Rural (PNHR) há muitos anos, além do que o programa de habitação ja decolou muito tempo antes de 2012, desde a gestão Lula, o que melhorou a partir de 2012 foi o subsidio oferecido ao agricultor familiar que está hoje em R$ 28.500,00 para beneficiários do Grupo I do programa e quanto a agilidade tambem tem sido muito boa e a contento dos sindicatos que operam o programa em parceria com a Cooperhaf/Pr e a Caixa. Estou vendo esta notícia como mais uma daquelas que o Governo do Paraná está usando o chapéu do Governo Federal para se promover em cima de uma coisa que ja anda bem a muitos anos no Paraná graças a Cooperhaf, Governo Federal e a Caixa Econômica.

  3. Nova Prata
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 21:02 hs

    Parabéns ao Luis Borgo, Superintendente da CAIXA pela competência em trazer esta importante conquista para os Campos Gerais.

  4. Parreiras Rodrigues
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 22:41 hs

    As cadernetas de poupança e os financiamentos das casas populares na época do BNH, foram dois fatores que influenciaram no esvaziamento do campo.

  5. ORLANDO PESSUTI
    quinta-feira, 21 de março de 2013 – 0:06 hs

    Em 1991, quando eu era líder do governo e do pmdb na alep, o Romanellli era secretário de habitação e o Antonio da Paz, Prefeito de Ivaiporã, em uma reunião da AMUVI, na cidade de Manoel Ribas assinamos o primeiro protocolo para construção de moradias rurais. Andou pouco na época, pois os agentes financeiros não queriam saber do tema.
    Em 2003, quando eu era vice-governador e secretário da agricultura, junto com a Cohapar, presidida pelo Romanelli., fizemos novo protocolo e iniciamos a construção de CASAS NAS PROPRIEDADES RURAIS. Foram mais de 1.500 casas e com recursos da Cohapar e do Programa Paraná 12 meses.
    Que bom saber que isso agora caminha a passos mais largos e firmes.

  6. wildnei dionizio
    terça-feira, 9 de abril de 2013 – 14:40 hs

    boa tarde meu pai tem uma propriedade e eu tenho uma leitaria nesta propriedade só q eu moro na cidade e eu quero mora la para facilitar para mim sera q eu consigo enquadrar nesse projeto.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*