Arapongagem no DF | Fábio Campana

Arapongagem no DF

Do Lauro Jardim:

Arapongagem em Brasília
A Polícia Civil de Brasília abriu inquérito contra os PMs João Aparecido Teixeira, Glaydson José da Rocha, Arnaldo Vieira Neto, Soraya Barbosa Sales de Almeida e José Jackson Recio Torres, todos envolvidos num esquema de arapongagem que tinha como centro a Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do DF.

Entre os alvos dos arapongas estavam desafetos de Agnelo Queiroz como o deputado Francischini. Mas, de acordo com as investigações, até mesmo Queiroz foi monitorado por seus PMs.

Saiba mais:
Na CPI, Francischini pede a Agnelo providências por invasão de dados pessoais


4 comentários

  1. Max
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 12:56 hs

    Esse é outro que estava no meio do mensalão e de outros processos em andamento, carece mesmo ser muito bem vigiado e investigado

  2. Analista de Bagé
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 13:27 hs

    Será que apenas os PMs eram os mandantes e executores… Não tinha nenhum político ou empresário interessado nas informações?

  3. ernesto
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 15:08 hs

    Cascata antiga do Francischini, tá querendo requentar.

  4. Irineu
    quarta-feira, 20 de março de 2013 – 19:49 hs

    Talvez tenha sido investigado para fazer-se de vítima e não levantar suspeitas, vira e mexe o Deputado Francischini cai na alcatéia de lobos, mas com certeza vai se sair bem.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*