Beto autoriza contratação de novo corredor de exportação no porto | Fábio Campana

Beto autoriza contratação de novo corredor de exportação no porto

O governador Beto Richa autorizou a licitação ao projeto executivo do novo corredor de exportação do Porto de Paranaguá. Trata-se do projeto do píer em T, que será instalado paralelo ao cais, avançando no mar em 400 metros. O novo píer permitirá a atracação de quatro navios, o que aumenta a capacidade de embarque de 16 mil toneladas/hora.

“Com a construção do novo píer, vamos ter um corredor de exportação mais moderno, preparando o Porto de Paranaguá para o futuro”, disse Richa. Um dos novos berços vai receber navios de grande porte, os “cape size” e que embarcam cerca de 110 mil toneladas de grãos. Os demais três berços serão feitos para receber navios “Post Panamax”, que embarcam cerca de 75 mil toneladas de granéis.


6 comentários

  1. TRABALHADOR
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 16:48 hs

    Novas ferramentas, mas os que vão operá-las ainda são os mesmos…Melhor renovar tudo, não adianta embelezar uma casa que está com os alicerces comprometidos, ela corre o risco de desabar e você só vai acabar desperdiçando dinheiro…Melhor coisa é devolver esse porto pro governo federal privatizar, isso aí já deu o que tinha que dar…Agora se tivesse um jeito de espantar aquele povo que se encostou lá, daí a coisa iria para frente…Mas não dá, eles tem estabilidade. A estabilidade do funcionalismo desestabilizando a modernização do país.

  2. quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 17:08 hs

    Vovó naná não fez porra nenhuma hein? só juntou dolares no guarda roupa.

  3. Luiz
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 19:16 hs

    Não é estranho fazer uma obra desse vulto logo agora que o porto irá sair totalmente das operações e os equipamentos ficarão para a iniciativa privada?

  4. quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 21:07 hs

    sabe quem vai fazer a obra ? oas odebreche tucuman tudo certo.

  5. Bagrinho do Litoral
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 21:09 hs

    Sem fazer o derrocamento das pedras como a palangana, forget about it! E acham que o MPF, MP, Ibama, índios exóticos (guaranis do Paraguay) da Cotinga, quilombolas, ONGs “ambientalistas” e mais alguma fauna acompanhante irão deixar fazer isso? O Litoral do Paraná está nas mãos dessa gente.- NÃO ACREDITO!!!

  6. Bagrão
    quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013 – 9:36 hs

    É bagrinho vc tem toda razão. Mas não é só isso. O litoral do Paraná é um dos menores em extensão e o estado é um dos mais ricos do Brasil. Entra governo estadual e sai governo, sendo que estes incompetentes governadores (todos) nada fazem pela região, principalmente no trecho entre Matinhos e Pontal do Paraná que carece de infraestrutura. Muitos políticos locais que obtem vantagens em cargos comissionados batem palmas para esses governadores (inclua o atual também) que somente querem o cargo para benefício próprio e de seus amigos.
    E A POPULAÇÃO O´OÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓ

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*