Lula-luz e o poste | Fábio Campana

Lula-luz e o poste

Da Mary Zaidan:

Dilma Rousseff é a presidente com o maior índice de aprovação que o País já teve. É alguém que obedece tão fielmente às instruções de seu marqueteiro que tem coragem de, sem qualquer constrangimento, bater no peito e anunciar a data do fim da miséria. É “o poste que está iluminando o Brasil”, como disse Lula ao lançá-la candidata à reeleição na festa dos 33 anos do PT e do decênio do partido no poder.

Então, por que Lula e o PT andam tão aflitos? Por que gastar quase dois anos de um mandato seguro, popularíssimo, para tentar garantir o próximo?

Com o batido discurso do “nós x eles”, em que o eles é Fernando Henrique Cardoso, a mídia golpista, os que não suportam um operário ter chegado ao poder e toda essa ladainha, Lula consegue trazer o debate para o seu campo de conforto.

É certo que Lula anda menos falante. Tem preferido palcos sob medida, com claque garantida, sem chance de ser questionado sobre a sua auxiliar Rose-tudo-pode ou sobre as denúncias de Marco Valério de que o ex-presidente teria usufruído de dinheiro do mensalão.

De jornalistas não oficiais, quer distância.

Ainda assim, se mantém no topo do noticiário, como o grande articulador, o imbatível. Aquele que conseguirá, mais uma vez, trazer a vitória das urnas.

As chances são grandes.

Mas, ao contrário do que Lula quer fazer crer, sua preocupação do momento não é o governador do Pernambuco Eduardo Campos (PSB), muito menos o senador tucano Aécio Neves (MG). Eles só vão incomodar se a economia – que já patina – piorar. Aí, Aécio pode crescer e Campos torna-se realmente um perigo.

Ao insistir no lengalenga populista, no “nunca antes neste País”, Lula redirecionou e personalizou o debate. É ele x FHC. É ele x Campos. É ele x qualquer um.

Com isso, divide as atenções, dá um refresco nas críticas mais afiadas contra ele, seu governo, sua pupila e os seus.

Substitui as manchetes sobre a inflação, que começa a corroer os ganhos dos mais pobres. Tira o fiasco da Petrobrás das primeiras páginas. E com sua fala de efeito, ocupa todos os espaços com articulações mirabolantes – como a de oferecer a candidatura ao governo de São Paulo a Michel Temer (PMDB) e a vaga de vice a Campos.

Safo como ele só, Lula é capaz até de culpar a oposição pela incompetência do poste que escolheu para a cadeira do Planalto. De atribuir os reveses da economia à elite, a mesma que lhe garantiu e lhe assegura o trono.

Há tempos reservou para si o papel da luz.

Joga ciente de que, se ao fim e ao cabo a economia fraquejar, será ele, Lula, o ungido. Não dá para saber quem torce mais para esse curto-circuito: se o PT ou Lula. Ou ambos.

Mary Zaidan é jornalista. Trabalhou nos jornais O Globo e O Estado de S. Paulo, em Brasília. Foi assessora de imprensa do governador Mario Covas em duas campanhas e ao longo de todo o seu período no Palácio dos Bandeirantes. Há cinco anos coordena o atendimento da área pública da agência ‘Lu Fernandes Comunicação e Imprensa. Escreve aqui aos domingos. @maryzaidan


9 comentários

  1. olá
    domingo, 24 de fevereiro de 2013 – 20:24 hs

    olá

  2. salete cesconeto de arruda
    domingo, 24 de fevereiro de 2013 – 21:18 hs

    Mary
    Mary…
    Para não deixar que OPORTUNISTAS com suas YOANIS inocentes úteis ou sacanas mesmo – SE APOSSEM DO PAÍS NOVAMENTE e escravizem outra vez nossa gente!
    Simples assim.
    Mas quem disse que é LULA/DILMA/PT… os que estão em desespero?
    Não percebes que é o PIG que aluga BARRIGA de alguns partidos?
    Sei,
    Tem gente que não quer ver a realidade.
    Pois é.

  3. Anônimo
    domingo, 24 de fevereiro de 2013 – 21:34 hs

    PO FÁBIO, POR FALAR EM LUZ E POSTE, PUBLICA AQUI A NOTA DA ISTOÉ DE HOJE SOBRE O NOSSO GOVERNADOR.

  4. OCIMAR
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 9:00 hs

    O QUE O POVO HONESTO E INTELIGENTE NÃO SUPORTA É UM BANDIDO TER CHEGADO AO PODER,BANDIDO SIM,CHEFE DE QUADRILHA,PAI DO MENSALÃO,PENA DE MORTE JÁ.

  5. TRABALHADOR
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 9:27 hs

    A vida do povo tá boa mesmo pro povão, eles estão contentes, por isso tem essa aprovação toda. Na vida a gente segue os conselhos de quem nos quer bem e deseja nosso sucesso. Antes a Dilma, que é bem “MENOS PIOR” que o Serra, o Aécio, o Betinho, etc..
    O problema é que endividaram o povo, com essas casinhas de pombo caras, com carro, etc. Na hora que rolar a próxima crise econômica séria e aumentarem as taxas de desemprego, quero ver…Mas tomara que eu esteja errado…
    Que tal buscarmos um caminho alternativo aqui no nosso país? Chega dos mesmos…

  6. celestino
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 11:18 hs

    tomara que um cachorro faça xixi neste poste

  7. alexandre
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 11:47 hs

    Quem é mesmo essa Mary Zaidan? Ex-assessora do partido dos tucanos. Explica-se tanta raiva e o uso de linguagem chula contra Lula, Dilma e o PT.
    Afinal, quem é safo? Quem baixou os juros para menos de dois dígitos, fez o Brasil crescer com distribuição de renda, colocou o desemprego nos mais baixos índices da história, abriu vagas e novas universidades para os filhos dos trabalhadores, ou aqueles que privatizaram nossas principais empresas, deixaram a taxa Selic chegar a mais de 30% e sucatearam nossas universidades? Quem lê seu texto, percebe bem quem está desesperado.

  8. SOLANGE LOPES
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 14:15 hs

    A Salete estava meio escondida, provavelmente disfarçada de baiana em alguma escola de samba do Rio de Janeiro, mas ao sair qualquer matéria que mostre as entranhas do PT, lá vem ela em defesa da super quadrilha. Volte para o Rio.

  9. Vitor
    segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 – 23:09 hs

    Mas é claro que a Dilma esta com altos indices de aprovaçao, afinal são 23,2 milhoes de Bolsas Familias… E essa pesquisa deve ter se concentrado nas regiões Norte, nordeste, em SP e RJ.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*