Governo anuncia medida para retirar 2,5 milhões da miséria | Fábio Campana

Governo anuncia medida para retirar 2,5 milhões da miséria

Cerimônia de anúncio de novas medidas do Plano Brasil Sem Miséria que pretende erradicar a pobreza extrema (Roberto Stuckert Filho/PR/Divulgação).

Da Folha de S.Paulo:

O governo anunciou no final da manhã desta terça-feira (19) uma nova ampliação do Bolsa Família que tirará da miséria os 2,5 milhões de pessoas que ainda constam como extremamente pobres no Cadastro Único –o banco de dados federal com informações de famílias de baixa renda.

O novo benefício social, que começará a ser pago em março por meio do cartão do Bolsa, irá transferir dinheiro extra suficiente para que a pessoa supere a linha oficial de miséria, de R$ 70. Exemplo: se a pessoa ganha R$ 50, receberá do governo ao menos mais R$ 21. A nova transferência terá um custo anual de R$ 928,4 milhões.

“O Brasil vira uma página decisiva na longa história, na nossa longa história de exclusão social. Nela está escrito que mais 2,5 milhões brasileiros estão deixando a extrema pobreza”, afirma a presidente Dilma Rousseff durante a cerimônia de anúncio da nova medida. “Por não termos abandonado o nosso povo, a miséria está nos abandonando.”

Com isso, o governo diz que terá retirado da extrema pobreza todos os 22,1 milhões de pessoas que, no início do governo Dilma, constavam como miseráveis no Cadastro Único.

No entanto, diferentemente do que a publicidade oficial dá a entender, para que a presidente cumpra sua promessa de erradicar a miséria, mesmo que sob critérios apenas monetários, ainda é preciso incluir ao menos 700 mil famílias (ou cerca de 2,5 milhões de pessoas) no cadastro, como a Folha mostrou no sábado. A promessa agora é que, até o final deste ano, essas pessoas serão encontradas e cadastradas, para só então começarem a se beneficiar dos programas sociais federais.

Sem esse novo benefício, o Bolsa Família já custa em torno de R$ 20 bilhões.

A mudança de hoje é a sexta realizada pela gestão Dilma para erradicar a miséria. A medida, assim como as outras cinco, será feita por meio de uma medida provisória.

Desde que a presidente assumiu, os programas sociais sofreram repetidas mudanças, sempre buscando aumentar o número de pessoas atendidas.

Três das medidas ocorreram em 2011 e fizeram com que 3,1 milhões dos extremamente pobres deixassem essa condição: reajustes do Bolsa Família, ampliação dos benefícios do programa e a previsão de que gestantes e nutrizes pudessem recebê-lo.

No ano passado, o Brasil Carinhoso, que prevê um repasse suficiente para que a pessoa deixe a miséria, afetou um total de 16,4 milhões de cadastrados. Primeiro, ele alcançava famílias com filhos de até 6 anos. Depois, foi ampliado para famílias com filhos de até 15 anos.


15 comentários

  1. Luiz
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 17:27 hs

    “Fome zero”

  2. TRABALHADOR
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 17:37 hs

    o POVO Brasileiro é digno e trabalhador, não precisa ficar recebeno “esmola” do governo. Mais respeito, menos demagogia…

  3. caruncho
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 17:51 hs

    DANDO ESMOLA NÃO SE ERRADICA A MISÉRIA,SÓ SE CONSEGUE ERRADICAR A POBREZA COM EDUCAÇÃO , DESENVOLVIMENTO E CRESCIMENTO DA ECONOMIA,MAS PARECE QUE SÓ NOSSOS GOVERNANTES NÃO SABEM DISSO,E ACHAM QUE ESCONDENDO A MISÉRIA ATRAVÉS DE BOLSAS ESMOLA VAMOS CHEGAR A ALGUM LUGAR.

  4. loop
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 18:04 hs

    PQP (…)

  5. FUI !!!
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 19:03 hs

    A popularidade do PT é baseado exclusivamente em manobras das
    “bolsas” (bolsa reclusão, família, miséria, abstinencia, lua cheia e
    assim vai…). O que precisa é melhorar o ensino e não distribuir esmo-
    la por todo o canto do Brasil. O povão mal acostumado esquece do
    trabalho e vive às custas do dinheiro que “pinga” todo mes na sua
    conta. É BRINCADEIRA !!!

  6. Vinicius
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 19:29 hs

    Isso, vamos esmolar o Pais, ao inves de criar postos de trabalho digno e corretos…. mais bolsas familias, está se criando um exercito de preguiçosos no Brasil, vamos vagabundear e fazer filho. Vamos trabalhar gente. Chega de esmolas. ou Ela ta arrebanhando gente pra depois conseguir se reeleger, onde tá o TSE e MP, que nao investiga se isso não é compra de votos

  7. sergio silvestre
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 20:56 hs

    Voces apontem para mim qual plano anterior que erradicou a pobreza.
    Nenhum?então!

  8. Helena
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 21:12 hs

    Só erradica a pobreza, com EDUCAÇÂO DE QUALIDADE, e ACABAR COM A CORRUPÇÃO, o resto é usar a pobreza para se manter no poder…

  9. Parreiras Rodrigues
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 21:24 hs

    E dona Dilma, na cerimônia mostrada pela tevê, repicou chineladas em quem discorda do seu governo e citou as práticas sociais – bolsas disso, bolsas daquilo, como originais, esquecendo-se que foram criadas no governo FHC e que foram demonizadas por Lula quando candidato. Tá lá no Youtube – Lula e a bolsa família.

    E dá setentão prá família que quando vai ao armazém, devolve entre 30 a 45 por cento pros governos. As tais alíquotas duma das maiores cargas tributárias do mundo.

  10. Constanza Del Piero
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 21:33 hs

    Começou cedo a campanha da petezada safada, visando 2014.

  11. De olho nas notícias!
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 22:07 hs

    R$ 70,00????? Ensinamentos “a la Hugo Chaves”!!!!!!!

  12. GASTÃO
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 23:21 hs

    ””JÁ NOTARAM?
    DEPOIS QUE COMEÇOU ESTE NEGÓCIO DE “BOLSA” PARA CÁ, BOLSA PRA LÁ.
    “”” COINCIDÊNCIA OU NÃO A CRIMINALIDADE AUMENTOU NO BRASIL.

  13. Eu li
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:18 hs

    `´E o meu mais facil para ‘FUNDO PERDIDO” deu para entender.

  14. Allexia
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:56 hs

    Se o PT parasse de roubar um pouco só, já seria suficiente para tirar o povo da miséria.

  15. Helena
    sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013 – 9:29 hs

    … apenas estatsticamente, para ganhar a mídia, enganar o povo e se manterem no poder – o objetivo é apenas o PODER,, somente EDUCAÇÃO DE QUALIDADE ERRADICA A POBREZA.
    Brasileiro bonzinho e idiotinha…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*