Francischini apresenta requerimento pelo fim dos 14° e 15° salários | Fábio Campana

Francischini apresenta requerimento pelo fim dos 14° e 15° salários

Nesta terça-feira, o deputado federal Fernando Francischini, do Paraná, requereu à Câmara dos Deputados a votação urgente do projeto (PDL 557/2012) que proíbe o pagamento dos 14° e 15° salários aos parlamentares do Congresso Nacional. A Câmara agendou para hoje a votação do projeto que propõe fim ao benefício. Francischini, que rejeita o pagamento, considera vergonhoso o recebimento dos dois benefícios. “São privilégios que me envergonham. Eu não recebo os 14° e 15° salários porque considero uma falta de respeito com os brasileiros. É a vergonha nacional! Tem que acabar”, exige Francischini. Apenas 29 dos 513 deputados federais abriram mão dos 14° e 15° salários. A proposta será analisada logo após a apreciação do pedido de urgência, também prevista para hoje.

Clique na imagem para ver o requerimento de Francischini em tamanho maior.


9 comentários

  1. João Ninguém
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 12:24 hs

    mas é um “muleque” esse deputado mesmo! A votação já estava programada pra essa semana! tudo que ele faz é só pra aparecer pra torcida!

  2. campo mourao
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:01 hs

    Então depois que já estava acertada que a votação seria hoje ele fez o pedido para tentar capitalizar politicamente??

  3. TRABALHADOR
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:06 hs

    Francischini o povo lá é tudo sem-vergonha, se toparem, vão incluir essa perda no próximo aumento de salário ou aumentar/inventar outra verba. Então é pura perda de tempo.
    Eu também considero o 14º e o 15º do congresso uma falta de respeito com o povo brasileiro. Mas assim, eu acho mesmo, de verdade, não são só palavras. E você, realmente fala a verdade?

  4. Valdecir Balduino
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:58 hs

    Esse gosta de fazer média…. ainda tem gente que vota em “politico” assim. Temos que valorizar mais nosso voto, não votar em oportunistas.

  5. ALAOR
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 14:29 hs

    Tem que divulgar quais os outros que também aderiram ao não recebimento.

  6. JPilotto
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 14:29 hs

    É isso aí meu amigo, coloque um fim nesta farra aí em Brasília …. Mostre ao Brasil que é você, um político íntegro e promissor….. Abs

  7. Gilmar
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 19:33 hs

    Faltou dizer q quem fez esse Projeto foi a Gleisi quando ainda estava no senado…

  8. BOZO
    quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013 – 7:22 hs

    É UM DESRESPEITO O QUE ESTE FRANCISCHINI ESTÁ FAZENDO … PRIMEIRO FOI A AMARELADA DE SER SECRETÁRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA NO PR, DEPOIS O APOIO CARA DE PAU AO CANDIDATO RATINHO JR., PROMETENDO CRIAR UMA “SUPER SECRETARIA”, E AGORA UM PROJETO QUE NEM ERA DELE. MAIS UMA VEZ REPITO – SE ARREPENDIMENTO MATASSE … FRANCISCHINI, PSDB, BETO RICHA … NUNCA MAIS !!!

  9. Catarina
    quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013 – 10:39 hs

    João Ninguem
    Como vc defende essa Ptzada…. veja a data do PDL é de 2012.
    Parabéns Deputado!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*