Dilma não entende nova economia, diz Marina | Fábio Campana

Dilma não entende nova economia, diz Marina

De Fernando Rodrigues, Folha de S.Paulo:

Depois de os pré-candidatos a presidente pelo PT, PSDB e PSB se atacarem mutuamente nos últimos dias, ontem foi a vez de Marina Silva também fazer observações ácidas sobre sua principal adversária em 2014.

Ao falar sobre a administração de Dilma Rousseff, a pré-candidata a presidente da República pelo novo partido Rede Sustentabilidade disse à Folha e ao UOL que o Brasil teve um “crescimento pífio” nos últimos dois anos. “Um presidente da República não é para ser o gerente do país. O presidente da República é para ter visão estratégica”. Ela concedeu a entrevista ao projeto “Poder e Política”.

Para Marina, “o desafio do Brasil é a mudança do modelo de desenvolvimento” e “a presidente Dilma não foi capaz de entender. Mas não só ela. O PT não foi capaz de entender. O PSDB não é capaz de entender essa nova agenda que se coloca para o mundo”.

Entre os possíveis adversários na corrida presidencial de 2014, só Eduardo Campos, do PSB, foi poupado por Marina. Ela apenas diz considerar legítimo que o governador de Pernambuco dispute o Planalto.

Ao criticar a gestão federal, Marina disse que a “apologia do gerente” foi feita em relação a Dilma Rousseff, e isso criou uma expectativa. “Talvez um erro de quem fez a sua campanha”, afirmou.

O estatuto e o programa partidário da Rede, como é chamado o partido de Marina, serão registrados hoje, às 10h, no 1º Cartório de Registro de Pessoa Jurídica de Brasília.

Indagada sobre o gênero da nova legenda -se seria “o partido Rede” ou “a Rede”-, Marina disse que o correto é usar a forma feminina. Portanto, “a Rede”.

E os filiados ao partido devem ser chamado de “redistas”, assim como os do PT são petistas? Não, a designação correta, segundo Marina, é “os redes”.

A Rede já se prepara também para contra-atacar no caso de o Congresso aprovar uma lei impedindo a criação do partido nos mesmos moldes do PSD do ex-prefeito Gilberto Kassab -que recebeu a adesão de deputados e assim aumentou sua presença no tempo de TV para fazer propaganda. Se a regra for mudada, os redes vão contestar na Justiça.

A Rede fará restrição a doações de empresas ligadas a fabricantes de bebidas alcoólicas, armas, fumo e agrotóxicos. Mas permitirá a captação de dinheiro de empreiteiras ligadas à construção de usinas nucleares.

Para Marina, não há problema. A empresa ligada à energia nuclear ao doar para a Rede agiria com “desprendimento”, sabendo que o partido é contra é fonte de energia.

Refratária a se declarar candidata a presidente desde já, Marina também rejeita a hipótese de fracassar o registro da Rede a tempo de se habilitar para as eleições de 2014. De maneira cifrada, cita o PPS (antigo Partido Comunista) como uma legenda que se ofereceu para ajudar os redes -essa legenda pode ser seu destino no caso de a nova sigla não estar pronta para o ano que vem.

Evangélica, Marina reafirma que a flexibilização da prática do aborto ou do consumo da maconha são temas para o país decidir em plebiscito. Ela é contra. Já sobre casamento entre pessoas do mesmo sexo, nega ser a favor de também submeter esse tema a uma consulta popular.

Acesse a transcrição completa da entrevista.


17 comentários

  1. ernesto
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:24 hs

    E pelo jeito ela acha que a visão evangélica de mundo é a melhor, já nasceu errado esse partido dela.

  2. Alessandro
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:52 hs

    Marina pretende revolucionar a economia… PARA PIOR!
    Ela culpa o desenvolvimento industrial por um “passivo alto de carbono”.
    Culpa a agropecuária e a agroindústria pelo desmatamento.
    Culpa as hidrelétricas também por desmatamento.
    Pô, que tipo de economia ela quer?
    E ela tem certeza que é a dona da verdade.
    Que país intelectualmente miserável é este, no qual damos ouvidos a pessoas tão tacanhas como Marina Silva?

  3. TRABALHADOR
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 13:53 hs

    Interessante, tomara que um novo caminho assim esteja se abrindo ao povo brasileiro, temas interessantes no seu discursso:
    •visão estratégica;
    •mudança do modelo de desenvolvimento;
    •estatuto e o programa partidário;
    •fará restrição a doações de empresas ligadas a fabricantes de bebidas alcoólicas, armas, fumo e agrotóxicos;
    •a flexibilização da prática do aborto ou do consumo da maconha são temas para o país decidir em plebiscito;

    Novas idéias são sempre bem vindas, principalmente para nós paranaenses que ainda vivemos na monarquia: Sai o Rei, vem o Reizinho; Sai Czar, vem o Czarzinh; Sai o Kaiser, vem o Kaisersinho; Sai o Imperador, vem o imperadorzinho; e por aí vai….

  4. helena
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 14:19 hs

    Quem estabilizou a moeda e implantou o plano Real e derrotou a inflação, entende…

  5. tadeu rocha
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 14:42 hs

    MARINA SILVA, NAO É SÓ ELA MARINA SILVA, HOJE NO JORNAL DA MASSA, ESCUTEI UM COMENTARIO

    MARINA SILVA, NAO É SÓ DILMA QUE NAO ENTENDE, É A MINISTRA TAMBEM QUE NAO ENTENDE NADA ELA É PIOR QUE A DILMA, MARINA SILVA, HOJE JORNAL DA MASSA, FIZERAM UM COMENTÁRIO QUE EU NAO ACREDITEI,, COMO A MINISTRA NAO SOUBE RESOLVER O CASO DOS PORTOS, O EX PRES, LULA TEVE QUE RESOLVER, PERGUNTO …. DILMA, NAO ACREDITO QUE VOCE DEIXOU ACONTEÇER ISSO É UMA VERGONHA., O LULA FOI EX EX EX PRESIDENTE DILMA, DILA COMO A MINISTRA QUER SER GOVERNADORA, POVO PARANAENSE VAMOS SE LIGAR. PARANAENSE, DIGO QUER SER CANDIDATA.

  6. Sudoeste do Paraná
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 15:17 hs

    Candidata da Rede da Imprensa Golpista.
    Não podemos esquecer, que vivemos uma recessão mundial (vide crescimento pífio da Europa e dos EUA).
    O Brasil vai muito bem, principalmente para os brasileiros!
    Menor taxa de juros da história! Menor índice de desemprego da história! Chora PIG!

  7. Janjão
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 15:17 hs

    REDE. Pelo que vejoé mais um que vai costurar aqui, costurar ali … Seria apropriado o termo rendeiras. “Tu me ensina fazer renda$, que eu te ensino marquetar.”

  8. Bagrinho do Litoral
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 15:32 hs

    Ah, sim! Agora entendi. Quer dizer então que esta senhora, após travar o país com suas inúmeras portarias, resoluções, instruções normativas e outros absurdos, enquanto ministra do meio ambiente, que travaram o desenvolvimento do país (e resultaram no “crescimento pífio”), é quem entende de economia??? Vá se catar, cara de pau! Se esta desgraça for eleita presidente podemos fechar pra balanço!!! Deus nos livre!!! Xô, satanás!!!

  9. Luccas
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 16:37 hs

    E a Ciro Gomes de saia entende de q?

  10. Zangado
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 17:11 hs

    A agenda é a seguinte, entende-se pelo método comparativo:

    O túnel de Saint Gothard (57 km) ligando Suíça – Itália estará pronto em 2017.

    A Br -116 no trecho Curitiba – São Paulo, está empacado na Serra do Cafezal (19 km !!!) há mais de 40 anos e vai demorar ainda para finalizar a duplicação da única estrada ligando sul ao norte do país.

    O aeroporto de Berlin foi aumentado e totalmente interligado à cidade por uma rede de trem e ônibus, evitando aumento de tráfego de carros.

    Cumbica, vai aumentar o estacionamento de 2500 carros para 6000 carros e só … você continuará indo de carro ao aeroporto.

    Eis a differença, gente boa.

  11. Gilmar
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 19:28 hs

    Os filiados ao REDE vão ser Red (vermelhos)… E uma previsão, vamos ter duas mulheres no segundo turno, os tucanos serão abatidos ainda no primeiro turno!!!

  12. Parreiras Rodrigues
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 20:04 hs

    O Brasil pode sim, abastecer-se e abastecer milhões de irmão nossos esparramados pelos cinco continentes, sem a necessidade de se cortar nem mais uma árvore. Basta acontecer um governo que desenvolva um projeto para recuperação dos milhares de alqueires de terras degradadas e se colocar um basta nesta besteira de se abrir novas fronteiras agrícolas.

    O Brasil pode sim, ser auto-suficiente – de verdade, em petróleo, eletricidade, desde que os sistemas de exploração e de geração sejam tocados por quem das áreas, sem ingerência política.

    O Brasil pode sim, viabilizar-se economicamente bastando para isso, sapiência na elaboração dos planos a partir duma visão globalizada da situação, a observação da honestidade e da transparência nas decisões.

    O Brasil pode diminuir de maneira eficaz e real a gritante diferença entre os degraus da pirâmide social, buscando a inclusão das famílias no mercado do trabalho sem humilhá-las com as tais práticas sociais, bastando para isso, o desenvolvimento dum sério programa de educação, de saúde e de capacitação profissional.

    Mas para tanto, há que não se ouvir besteiras como as proferidas por uns e outros aí em riba.

    Ainda bem que amanhã dona Marta vem ai com o seu bolsa-cultura prá oferecer oportunidade pros uns e outros aprenderem que existem músicas melhor que Ai se te pego.

  13. salete cesconeto de arruda
    quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 – 22:24 hs

    Sei
    Blablarina continua na REDE.
    Ainda pensa que é CELEBRIDADE.
    Nem se deu conta que serve à CASA GRANDE.
    Não sei como não foi POSAR AO LADO da Yoani e seus dois maridos. Combinam. Até os cabelos. Se bem que Marina mais elegante e menos DEMAGÓGICA os mantém presos.
    Salve Marina!
    Mas ACORDA pois sua REDE é a mesma que pega BOBO!

  14. Ditão
    quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013 – 9:08 hs

    MEU DEUS!!!!! TÁ NA HORA DE SUMIR DO BRASIL. NÃO DÁ MAIS PRA AGUENTAR TANTA BESTEIRA E INCOMPETÊNCIA. SOCORROOOOOOOO!!!!!!

  15. ernesto
    quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013 – 11:43 hs

    Helena, no final do seu governo FHC deixou uma inflação de 2 dígitos, assim como a taxa de juros.

  16. pelo em ovo
    quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013 – 19:47 hs

    Graças a Deus a sra. Marina não quer ver o tema acasalamento gay em plebiscito.
    Em tempo: as pessoas devem ter compostura em público, héteros e homos (bi, etc).

  17. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 1 de março de 2013 – 4:10 hs

    KKKKK

    É caso de internamento.

    Então, APENAS A MARINA SILVA entende de Economia?

    Todos os outros são BURROS.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*