Cheida já está lá | Fábio Campana

Cheida já está lá

O deputado estadual Luiz Eduardo Cheida aceitou as condições do governador Beto Richa para assumir a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, a SEMA. Após referendo da bancada peemedebista na Assembleia, Cheida se reuniu no início desta noite com o governador e expôs um plano de ação. Deve permanecer na Secretaria por 12 meses. Depois sai para se candidatar.

O plano de Cheida está baseado em quatro eixos fundamentais: agilidade nos processos de licenciamento, política de resíduos sólidos que trabalhe em sintonia com a legislação federal, viabilização do pagamento por serviços ambientais e consolidação da política de recursos hídricos através da gestão das bacias hidrográficas “A gestão ambiental tem uma forte tradução social. Por isso, a necessidade de agilizar a implantação de atividades econômicas que tragam empregos e tributos ao Estado e proteger o ambiente natural, otimizando a utilização de seus recursos e garantindo o bem-estar de todos os paranaenses”, explicou Cheida. Segundo ele, Richa concordou: “O governador entende que é hora de dar esse salto qualitativo. Vou para o governo com a missão de ser mais um braço a ajudá-lo nesta tarefa”.

Acompanharam Cheida na reunião com Richa o líder do PMDB na Assembleia Legislativa, Teruo Kato, e o deputado Nereu Moura.


22 comentários

  1. Berlarmino
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 22:01 hs

    Que palhaçada….12 meses e sai….tudo pela campanha do nosso querido líder!

  2. Rubens
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 22:07 hs

    Que pena Governador…
    Será realmente um XOQUE DI JESTÃO…

  3. Aguirre
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 22:26 hs

    É bom saber que alguém se preocupa com a necesidade de trazer empregos e tributos ao Estado.
    Com a velocidade do Beto para criar cargos comissionados, será necessário aumentar indefinidamente a arrecadação de impostos. (O advogado Carlos Nasser foi nomeado hoje assessor DAS-2 na Casa Civil. Condottiere político, acompanha Beto Richa há anos.)

  4. SEPULVIDA
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 22:27 hs

    Cuidado Cheida com os chupins que querem voltar, tais como: Allan Jojojonenenes, Adriana e etc. Traga gente sua evite os que o criticaram após a sua saida da SEMA, alguns dizem que o elegeram deputado. Boa sorte e mande ver ! Coloque sangue novo com você.!

  5. Adalberto - O Verdadeiro
    terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 – 23:22 hs

    Afinal de contas… Vai com “porteira fechada” ou não???

  6. JC 3zotti
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 0:14 hs

    CAMPO ABERTO
    Porteira fechada ou campo aberto, basta usar da habilidade e vontade de avançar. Seja bem vindo, Cheida.

  7. PORTUÁRIO
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 0:28 hs

    Graças à Deus! acabou a “farra” da implantação das PCH (pequenas centrais hidrelétricas) em nosso estado.

  8. justiceiro
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 7:16 hs

    É UMA VERGONHA ESSE CHEIDA VOLTAR PARA O MEIO AMBIENTE DEPOIS DE TANTAS DENÚNCIAS NO GOVERNO REQUEIJÃO QUANDO OUTRORA ERA SECRETÁRIO DA MESMA PASTA.E OUTRA COISA NÃO PODE DEIXAR ELE DESTRUIR O IAP ELE TEM QUE MANDAR APENAS LÁ EM CURITIBA JÁ É MUITO.

  9. LEAD
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:11 hs

    Voltar atrás, cada vez mais. Logo vai estar chamando o Rasca, o Hitoshi Nakamura….

  10. gilberto santos
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:21 hs

    DAQUI A 12 MESES ELE SAI PARA FAZER CAMPANHA DA GLEISE, QUER APOSTAR

  11. Paulo Pereira
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:24 hs

    Richa, já que tá fazendo um choque de ge$tão, mude a chefia do Ipáguas que está só fazendo politicagem com o cargo…. Obras até agora nada. E o “Proesas”, é uma proeza, apenas?

    No IAP, precisa de agilidade, pois a coisa tá muito lennnnnnnnnnnnnnnnta…

  12. Dolce Vita
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:46 hs

    Agilidade no licenciamento: quer dizer os estudos necessários que podem tomar um tempo tem que ser sacrificados. O resto são lugares comuns, palavras genéricas.

  13. H. Romeu Pinto
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 8:53 hs

    É tanto “choque de gestão” que a população já esta “chocada” com a politica paranaense.

  14. tadeu rocha
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 9:01 hs

    O GOVERNADOR FES UMA ÓTIMA CONTRATAÇAO, só a declaraçao do cheida que estragou essa bela contrataçao do beto , governador voce tem que fazer as coisas certa, nao depois dessa bela contrataçao o cheida fala essa besteira,sabe que os pt estao encima de voce como corvo encima de carnisa.

  15. Alex
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 9:27 hs

    Alguem pode me explicar como que o Ex Deputado Luiz Carlos Martins vai assumir a vaga de Deputado se ele saiu do PDT e se filiou no PSD???

  16. luiz*
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 9:34 hs

    1º Mandamento:
    ” Nunca de as costas para o poder”.
    2º Mandamento:
    “O povo é graxa para lubrificar as engrenagens do poder”
    3º ….
    4º ….

    Tudo o mais é passageiro…

  17. Luccas
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 9:49 hs

    Bem Vindo Cheida.
    Faça uma limpeza

  18. ORLANDO PESSUTI
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 9:53 hs

    É SABIDO DE TODOS QUE OS DEPUTADOS ESTADUAIS DO PMDB, EM NOME DA GOVERNABILIDADE, INTEGRAM A BANCADA DE APOIO DO GOVERNADOR BETO RICHA NA ASSEMBLÉIA. ISSO TEM A ACEITAÇÃO DE UMA PARCELA DO NOSSO PARTIDO. PORTANTO A IDA DO CHEIDA PARA A SEMA É ATÉ NATURAL NESTE CASO. O QUE NÃO É NATURAL É LER O QUE DISSE O DEPUTADO CAITO QUINTANA E QUE ESTÁ NA GAZETA DO POVO DE HOJE, PÁGINA 13…. “Esta situação (de Pessuti negociar tanto com governo estadual quanto com o governo federal) expõe e constrange a bancada. Não podemos ser usados como moeda de troca”….. QUERO AQUI AFIRMAR QUE CONVERSEI UMA ÚNICA VEZ COM O GOVERNADOR SOBRE UMA POSSÍVEL IDA MINHA PARA UM CARGO NO GOVERNO ESTADUAL. E FIZ ISSO POR INSISTÊNCIA DA BANCADA DE DEPUTADOS ESTADUAIS… Quanto ao Governo Federal, fui e tenho sim sido convidado para ocupar cargos. Não aceitei os convites pois sempre entendi que não eram cargos que atendia a minha expectativa e nem a expectativa dos nossos companheiros do PMDB. PENSO QUE AO LONGO DESSES MEUS 47 ANOS DE MDB/PMDB SEMPRE PROCUREI FORTALECER O PARTIDO E NÃO OLHAR APENAS PARA MEUS INTERESSES MAIS IMEDIATOS. EXEMPLOS NÃO FALTAM. PORTANTO PENSO QUE NÃO ESTOU CONSTRANGENDO NINGUÉM QUANDO PROCURO DEFENDER E FORTALECER O PMDB, ATÉ PORQUE ESSE É O COMPROMISSO QUE ASSUMI NA ULTIMA CONVENÇÃO ESTADUAL DO PMDB EM 15.12.12, QUANDO FUI ELEITO SECRETÁRIO GERAL…. por final, recomendo a todos, inclusive aos Deputdos Estaduais do PMDB, que leiam a entrevista de Dom Odilo Scherer, Revista Veja, 20.02.13, página 82.

  19. patobranquenseirritado
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 10:24 hs

    Depois de 12 meses pode pendurar as chuteiras, não irá fazer nem 5.000 votos para deputado.
    Com certeza irá procurar um cargo comissionado do gabinete do Martins, pois com a sua ida para a Secretaria do Meio Ambiente, o oi oi oi gente querida volta para a assembleia e com certeza vai colocar toda a sua carga de comunicação para sua reeleição, então caro Cheida bay bay. Vá ser assessor parlamentar do Martins, pois acho que só isso voce tem capacidade (pelo que tem demonstrado) de ser.

  20. Trabalhador
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 13:25 hs

    O Aeródromo Bonacin II em Piraquara eles não vão licenciar porque a ANAC cassou o registro e fechou o local ao tráfego aéreo. (vide portaria: http://www2.anac.gov.br/biblioteca/portarias/2013/PA2013-0100.pdf)
    Agora Cheida, vê se manda a turma do IAP punir os responsáveis pelo dano ambiental causado, incluindo a empresa e o pessoal da prefeitura de Piraquara, especialmente em relação aquela trincheira de 300 metros de comprimento por 10m de profundidade que atingiu o lençol freático e tá lá aquela buracão aberto…

  21. Samira
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 13:27 hs

    qual o seu problema, “patobranquenseirritado”? acordou de mau humor ou se sentiu prejudicado por alguma boa iniciativa de Cheida na SEMA antes ou como deputado?
    Cheida é daqueles pouquissimos deputados estaduais entre os 54, que fará falta, cuja ausência será sentida como legislador atento aos interesses públicos – seu mandato é irrepreensível, é uma autoridade nacional em meio ambiente e na Assembleia também não esquece a área de saúde, médico que é e conhecedor das mazelas do povo. Ele, Ney Leprevost, Tadeu Veneri e Leonaldo Paranhos, são incansáveis, exemplo (não seguido) pela maioria dos colegas.
    Em tempo: não conheço nenhum deles pessoalmente, apenas acompanho com atenção, por cidadania, o trabalho dos deputados, entre outros agentes políticos.

  22. joel
    quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 – 13:30 hs

    Vai la para tirar os pelos que deixou na cerca quando foi secretario!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*