Beto e Dilma se encontram na Quaresma | Fábio Campana

Beto e Dilma se encontram na Quaresma

Ontem, após cerca de seis meses de tentativas, Beto Richa finalmente conseguiu marcar audiência com Dilma Rousseff. Será na Quaresma. Assim caminha a humanidade.


7 comentários

  1. ELEITOR CURITIBANO
    terça-feira, 5 de fevereiro de 2013 – 22:38 hs

    Que alegria do Governador,Tchê?

  2. quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 0:02 hs

    E os bacanas não usam cinto de segurança, ou os seguranças usam cinto por eles.

  3. Heráclito
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 8:32 hs

    Os tempos estão mudando. Dilma está tendo mais paciência com todo mundo, está mais compreensiva. Isso é bom

  4. TRABALHADOR
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 8:48 hs

    Que bom, ele ficou com dó do Betinho….Aproveita e conta pra ela as suas travessuras, como os aumentos de preços dos APARELHOS MECÂNICOS, ELÉTRICOS, ELETROMECÂNICOS E AUTOMÁTICOS ; decorrentes do recolhimento do ICMS destes por SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA, onde você utiliza índices de MVA (Margem de Valor Agregado) que só existem na sua imaginação. Conta pra ela também que você tributa o ICMS da energia elétrica em 29%…Conta pra ela que a administração pública do estado continua o mesmo cabide de emprego de sempre, por isso precisa arrancar o coro do contribuinte….Conta pra ela das absurdas taxas cobradas pelo DETRAN do Paraná. Que o povo do estado se conscientize da bobagem que fez e não te reeleja…

  5. Lucas
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 10:43 hs

    Quando ele não manda intelocutores tentarem marcar reunião, fica bem mais facil. Aproveita e pega o numero celular dela e ja consegue falar direito com ela.
    #ficadica

  6. CENTRO DO PARANA
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 8:34 hs

    tai dois reeleitos em 2014

  7. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 10:39 hs

    Parece que ela tá tricotando…

    Difícil prá uns e outros entenderem que – pelo menos no papel, vivemos numa república federativa.

    As divergências políticas não devem e nem podem interferir no relacionamento gerencial.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*