Após encontro com Barbosa, Henrique Alves garante que cumprirá decisão do STF | Fábio Campana

Após encontro com Barbosa, Henrique Alves garante que cumprirá decisão do STF

Presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa recebe o novo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) (Givaldo Barbosa/Agência O Globo).

De Carolina Brígido, O Globo:

BRASÍLIA – O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), disse nesta quarta-feira que “não há a menor possibilidade” de qualquer confronto entre o Legislativo e o Judiciário em razão da polêmica sobre a cassação de mandatos dos parlamentares condenados no processo do mensalão. As declarações foram dadas após encontro de Alves com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa. Ele garantiu que a Câmara vai cumprir a decisão do STF.

– Não há hipótese de não cumprir a decisão do Supremo. O Supremo vai cumprir o seu papel, analisando, como está analisando, vai discutir os embargos, vai publicar os acórdãos, e nós só vamos fazer aquilo que o nosso regimento determina que façamos: finalizar o processo. Uma coisa complementa a outra. Não há confronto – afirmou.

Questionado sobre como seria a finalização do processo, ele foi lacônico. Ele não esclareceu se defenderá a abertura de novo processo para definir os mandatos, como queria seu antecessor, Marco Maia (PT-RS). Na segunda-feira, Alves havia dito que a palavra final sobre os mandatos era da Câmara.

– Formalidade legais, apenas isso. Será um processo rápido. Formalidade legais não podem implicar em muito tempo – disse.


12 comentários

  1. TROLL
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 17:20 hs

    Em discurso para a platéia o cara é machão!
    Em frente ao Barbosão virou tchutchuca?
    Enfrenta o negão para ver o que dá!
    Cagão……

  2. quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 17:44 hs

    Se não cumprir perde o mandato e vai preso, simples assim (como diz salete).

  3. caruncho
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 18:11 hs

    ele é deputado, mas não é besta de encarar o STF.

  4. Mané do Sudoeste
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 19:54 hs

    Os deputados, principalmente os do PT latiram, latiram, falaram um amontoado de porcarias e asneiras, querendo desrespeitar a corte máxima, querendo defender uns coleguinhas, que papel redículo. Se renderam ao STF, justo e correto.

  5. ivanowski
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 20:07 hs

    . O Barboza deve ter dido tudo e + um pouco pra esse “pilantrão potiguar”…

    . Por isso que afinou, dizendo q vai cumpri a decisão do Supremo.

    .O Povo consciente e informado deste país iria gostar muito se o Barboza emitisse uma ordem de prisão pro Henriquinho, caso ñ cumprisse a decisão do Supremo …

    . Seria uma benção …

  6. Deutsch
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 21:19 hs

    Mijou pra trás, né palhaço? Com o Barbosão ninguem pode…….

  7. Max
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 22:00 hs

    .Joaquim Barbosa ENQUADROU o Henrique Alves e os governistas perderam mais uma … kkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. Geraldo Martins
    quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013 – 22:21 hs

    Quem tem, tem medo kkkkkk

  9. VISIONÁRIO
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 5:12 hs

    De nada adianta a bravata de antes da posse. Se tem um mínimo de
    bom senso tem que cumprir a lei !!!

  10. Fui II
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 10:25 hs

    Tomou, seu papudo?

  11. Rui Barbosa
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 13:11 hs

    Sou fã desse presidente Joaquim Barbosa,o povo brasieiro nunca deveu tanto a um homem publico,talvez só ao presidente Getulio Dornelles Vargas

  12. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 14:15 hs

    Heródoto Barbeiro, agorinha mesmo na CBN, acabou de apostar uma garrafa de vinho com entrevistado seu, que os deputados condenados, mais Zé Dirceu e outros, vão se grudar em todas a válvulas de escape – bons advogados encontram-nas onde não não existem, e cumprirão os seus quatro anos de mandato. Vão debochar da Massa Pagante até as eleições de 2014 e pode ser que até se candidatem nas eleições deste ano.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*