Tudo como dantes no ICI, Renato Rodrigues fica | Fábio Campana

Tudo como dantes no ICI,
Renato Rodrigues fica


Da Joice Hasselmann no facebook

Renato Rodrigues fica no comando do ICI: Renato Rodrigues, que presidiu o ICI (Instituto Curitiba de Informática) durante a gestão passada teve o nome reconfirmado para continuar no comando do Instituto. O ICI trocando em miúdos é o cérebro da prefeitura. A decisão foi tomada agora há pouco pelos membros de Conselho de Administração.

Todos os integrantes votaram pela manutenção de Renato, inclusive os representantes da Prefeitura de Curitiba no órgão. A preocupação é manter os serviços prestados pelo ICI funcionando normalmente nas mais diversas secretarias da prefeitura. A partir de agora o prefeito Gustavo Fruet terá mais tranquilidade para decidir se muda a gestão do Instituto ou se mantém as coisas como estão.


24 comentários

  1. El Merengue
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 16:23 hs

    Esse prefeito a cada dia que se passa se demonstra o maior cagão. Lá na Cohab tem funcionário do ICI (Não concursado porque é uma instituição privada) que comanda o departamento de Tecnologia da Informação. Uma verdadeira aberração. Informação da gestão pública nas mãos de entes privados. Coisa asquerosa Fábio.

  2. Santiago Camargo
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 16:40 hs

    Caro Fabio Campana, na Cohab a diretora de relações comunitárias também ficou.
    Mesmo sendo muito próxima do Ducci ela permaneceu na elite da administração Fruet.

  3. Calada
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 16:48 hs

    Até parece piada! Fala que vai fazer e acontecer, que vai abrir caixa preta e não sei o que mais, e na hora H, como diria nosso amigo Dep. Francischini, baixou as tchutchucas na turma do Fruet! Pelo amor de Deus…

  4. Anônimo
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 16:54 hs

    Por isso que o povão desanima,sempre as mesmas palhaçadas,depois não reclamem se nas eleições os resultados não ser o esperado,corja nojenta,nojo,muito nojo,vergonheira…

  5. justino bonifacio martins
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 17:21 hs

    O ICI é o cérebro da prefeitura, portanto não pode ficar nas mãos de gente da oposição; dos inimigos na trincheira. Gustavo deve acionar a câmara de vereadores para mudar esse contrato com essa ONG.

  6. Vinicius
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 18:13 hs

    Ou seja.. o discurso do Fruet na campanha foi só da boca pra fora, Pura Demagogia eleitoreira. A caixa preta, vai continuar Obscura!!!! Vai dizer o que Sr. Fruet??? Manda ou não manda??? MANDA NADA. É pau mandado do PT

  7. kiko
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 21:59 hs

    E entre a companheirada pestista não tinha ninguém que pudesse ocupar este cargo? Apoiado Guga, para governar bem só com gente competente, não é mesmo Beto? ACarlos

  8. antonio
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 22:13 hs

    Fábio, conte a história direito, porquê o cidadão fica. E uma questão legal, por ser estatutária. Está se buscando uma solução, mas por enquanto o cidadão é o presidente e ponto final.

  9. Marcus V. Braga Alves
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 22:53 hs

    Chega de enrolar. A prefeitura tem de tomar o controle do ICI já! Informações estratégicas não podem ser entregues a nenhuma entidade não governamental. Palhaçada!

  10. Comentarista
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 23:21 hs

    A presidencia do ICI é escolhida a partir da decisão do conselho formado por 10 membros, dos quais 4 foram escolhidos pelo atual prefeito. Eles escolherão quem deve dirigir a organização. Não é assim, vou colocar quem eu quero……Caro Marcus V Braga, vc está meio desinformado, não sabe como funciona uma organização social (OS)…..tá por fora, hein?????? Deixa de falar besteira!

  11. RJCASAGRANDE
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 2:43 hs

    Segundo informações, parece-me que a permanência de Renato Rodrigues no cargo é provisória.

  12. Mário
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 9:28 hs

    Talvez o “pulo do gato” seja rever a continuidade do contrato de gestão ou não. Infelizmente o grau de dependência – uma vez que as informações e os sistemas informatizados estão nas mãos do ICI – é muito alto, quase inviabilizando uma recisão contratual. Não é muito diferente da situação do pedágio no Paraná. Haja quimioterapia!!

  13. quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 10:07 hs

    Perguntar no ofende o Atos e sua turma continuam no gabinete

  14. Luiz Carlos
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 10:21 hs

    Infelizmente não é poder do Fruet, pois se fosse, ele faria igual fez com as contas pública, não paga ninguém até a averiguação, como ele fez com a tal calçada do Batel, interrompe e manda seguir o padrão, como ele fez com cargos comissionado, só utilizará o que for realmente necessário, como ele está fazendo com a toda poderosa Cotrans, cancela contratos, nunca ví ninguém fazer isso, é só o começo, mas, tem coisas que precisam de mais tempos para mudar.

  15. Marcos
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 11:34 hs

    E continua o esquema Jacoboski. É uma vergonha!!!

  16. Marcus V. Braga Alves
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 12:44 hs

    Comentarista, o controle de informações estratégicas não pode ser dado a uma entidade não governamental, seja ela uma OS ou o que quer que seja. Talvez da próxima vez você assina seu nome em comentários que ofendam os outros para defender uma situação escandalosa como essa.

  17. Ermenegildo Zegna
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 13:36 hs

    Querem apostar que muda o comando do ICI daqui uns 2 meses mas as informações, sigilos, contratos e valores pagos não serão transparentes ou seja ficará como está e o Fruet não poderá fazer nada……………………………………..rabo preso……………………….

  18. Incrédulo
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 13:55 hs

    Ora, ora, se não temos pessoal capacitado disponível e os que são capacitados já estavam na administração pública, por que não se faz concurso em busca de outras pessoas capacitadas?
    E se contratos com os seus respectivos aditivos já estavam já estavam prontos, para quê eleição?
    A situação como está se apresentando, não precisava ter eleição ou que se reconduzisse o administrador anterior.
    Quanto a frota, tem-se as regionais para quê?
    Com o crescimento da cidade tudo foi descentralizado, então para quê frota?
    Cada vez mais INCRÉDULO!!!

  19. sergio silvestre
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 17:37 hs

    é o sorriso mais sinistro que eu já vi.

  20. ranciaro
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 17:59 hs

    Que ótimo. Parabens Presidente. A ICI não deve ficar a mercê política, mas sim na técnica.

    Reverter seu quadro, significa começar do zero. Muitos avanços já foram realizados e a equipe, trabalha em cima de planos de governo. Assim, cabe ao Prefeito apresentar seu plano de governo à equipe técnica do ICI, para que eles viabilizem o planejamento necessário visando atender a gestão do novo Prefeito. Sem pressão…Técnicos de tI não gostam de pressão…é um trabalho de equipe interdisciplinar.

    Edilson Hugo Ranciaro – Economista.

  21. Zé do povo
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 23:18 hs

    Muda o disco e a música continua a mesma!

  22. regina
    quinta-feira, 17 de janeiro de 2013 – 0:42 hs

    Ai Luiz Carlos quanta ingenuidade ou sei la o que kkkkkk eu acho que voce acredita em papai noel vamos ver o que ele vai fazzer com a toda poderosa cotrans ………….

  23. sergio silvestre
    quinta-feira, 17 de janeiro de 2013 – 9:05 hs

    Então o negocio é dar uma alizada na turma,para ver se sobra uma boquinha.Vou colocar tambem meu curriculun ai em baixo

    SERGIO SILVESTRE—-semi-analfabeto e curioso.

  24. Indignação
    quinta-feira, 24 de janeiro de 2013 – 10:41 hs

    Na COHAB não foi a só a Diretora do Ducci que continuou, foi toda a corja – Bertoldi e bertolettes, também!!! E ainda criaram outros tantos cargos de Assessoria para não desamparar os assessores que perderam a boquinha!
    Sugando o dinheiro da COHAB. E os funcionários concursados não receberam o dinheiro das férias pq o caixa está quebrado.
    Coisa que nunca aconteceu antes, só agora com o Alibabá e seus 40 “aliados”.
    Mais uma vez, a Cohab abandonada às moscas por outro prefeito, que se dizia a “mudança”.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*