Paraná sob ameaça de epidemia de dengue | Fábio Campana

Paraná sob ameaça de epidemia de dengue

Do blog do Josias:

A Secretaria de Saúde do Paraná contabilizou 1.269 casos de dengue no Estado desde agosto de 2012. Desse total, 602 foram notificados na semana passada. Receia-se que a situação evolua para uma epidemia ainda no primeiro semestre. O quadro já é considerado epidêmico em cinco municípios paranaenses, que concentram 80% dos casos. São eles: Peabiru, Fênix, São Carlos do Ivaí, Japurá e Paranavaí.

Pesquisador da dengue desde 1993, o professor Francisco Mendonça, coordenador do Laboratório de Climatologia da Universidade Federal do Paraná, espanta-se: “Nunca tivemos no Paraná, no começo de janeiro, a situação de epidemia em cinco cidades”. Alarma-se também com a incidência de um novo sorotipo da doença, o de número quatro. Receia que ocorra uma “fortissima epidemia de dengue.”

O infectologista José Luiz de Andrade Neto, professor das universides Federal e Católica do Paraná, compartilha dos temores de Mendonça. “Quando você tem a introdução de um novo sorotipo, passa-se a ter uma nova doença”, ele explica. “É como se você tivesse ampliado o leque da doença, porque vai haver uma população suscetível a ela.”

A incidência de dengue no Paraná é de a 11,25 casos por 100 mil habitantes. Uma taxa que o Ministério da Saúde considera baixa. O problema é que, das 1.269 notificações ocorridas desde agosto do ano passado, 1.174 pacientes contraíram a doença dentro do próprio Estado. No jargão técnico, esses casos são chamados de ‘autóctones’. A estatística anterior anotava 272 casos do gênero em período idêntico. Ou seja, houve um crescimento de notáveis 331,6%. Algo que faz aumentar o medo da epidemia.


2 comentários

  1. ZÉ ELTON
    terça-feira, 22 de janeiro de 2013 – 8:02 hs

    PRINCIPAL CASO DE DENGUE FOI CONSTATADO NA PROPRIA SESA. O SECRETARIO LEVOU PARA “TRABALHAR” LÁ, O QUÍMICO C.R.R., O CABRA É UM DENGOSO DE PRIMEIRA…

  2. RODRIGO WILLIAN COSTA DE OLIVE
    terça-feira, 22 de janeiro de 2013 – 11:11 hs

    Resultado da incompetência do governo BETO RICHA. Sem campanhas preventivas para conscientizar a população. O Paraná está abandonado! Saudades do Requião…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*