Oviedo lança candidatura a presidente no Paraguai | Fábio Campana

Oviedo lança candidatura a presidente no Paraguai

Ainda repercute no Paraguai a impressionante demonstração de força do general Lino Oviedo, sábado (12), quando lançou sua candidatura à presidência daquele país. Cerca de 100 mil pessoas aplaudiram o general, que chegou a viver asilado no Brasil e a ser preso no Paraguai.

O publicitário Tadeu Wojciechowski foi contatado para atuar na campanha de Lino Oviedo, que é amigo dileto do senador Roberto Requião.Wojciechowski, trabalhou para Airton Pissetti na campanha do Bispo Lugo, que foi deposto por corrupção.

O comício foi realizadoem uma chácara de sua propriedade, ao lado do aeroporto de Assunção. Ele é candidato pela Unace (União Nacional de Cidadãos Éticos) e disse que é sua última tentativa para chegar à presidência. Pediu apoio, sugeriu que o comparassem aos rivais e apresentou os demais candidatos da Unace ao Senado, à Câmara dos Deputados e Assembléias Estaduais.


6 comentários

  1. kiko
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 22:02 hs

    O moribundo ditador venezuelano começou assim. Aí alguns trouxas deram apoio a ele, e hoje temos o que temos, um ditadrozinho, felizmente em vias de ir se encontrar com Jesus. ACarlos

  2. kiko
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 22:02 hs

    O moribundo ditador venezuelano começou assim. Aí alguns trouxas deram apoio a ele, e hoje temos o que temos, um ditadorzinho, felizmente em vias de ir se encontrar com Jesus. ACarlos

  3. sergio silvestre
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 23:37 hs

    No Paraguai candidato não se lança ,se arremessa.

  4. ORLANDO PESSUTI
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 0:57 hs

    Em maio de 2011 fui a Assunção e tive oportunidade de conhecer a sede da UNACE, visitar Ministérios e Jantar com Lino Oviedo e sua esposa. Pelo que sei e me foi dito, o sr. Requião, depois de ter apoiado o Bispo Lugo, não é mais o amigo dileto que era de Oviedo. Pelo que pude observar e pelas informações que tenho recebido de amigos do vizinho País, só um fato muito superveniente impedirá a eleição de Lino Oviedo como Presidente do Paraguai. Penso que, a vitória de Lino Oviedo, será bom para as necessárias e importantes relações que o Paraná precisa ter com os Paraguaios e, principalmente, com nossos irmãos Brasiguaios.

  5. quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 10:08 hs

    Será que o Requião vai apoiar, vai mandar seus parentes pra lá.

  6. sergio silvestre
    quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 – 17:30 hs

    Pessutão fazendo relações exteriores no PARAGUAI.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*