Fruet devolve carros da Cotrans. Por enquanto, só os de luxo | Fábio Campana

Fruet devolve carros da Cotrans. Por enquanto,
só os de luxo

O prefeito Gustavo Fruet devolveu treze automóveis alugados pela Cotrans. Os de luxo. Falta agora abrir o contrato e ver as condições do aluguel do resto da frota. A prefeitura gasta uma fábula e a Cotrans está no negócio desde os tempos imemoriais.


22 comentários

  1. Joel
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 14:10 hs

    “desde o tempo do pai dele (Mauricio Fruet)”.

  2. quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 15:05 hs

    Devolveu só os carros que ainda não estão sendo usados pelos secretários que não foram escolhidos. Na medida em que Fruet anunciar os nomes voltam os carros…ou alguém acha que oa aecretários vão andar de carro popular!

  3. quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 15:40 hs

    Vai ficar por isso mesmo pode apostar, eu nunca vi um Prefeito assumir o cargo e cortar o contrato com a cotrans, tem coisa por traz disso pode acreditar, envolve muita coisa……………. coitado e de nós que pagamos tudo isso.

  4. Peregrino
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 15:42 hs

    É assim que se administra! Com respeito e responsabilidade pelo dinheiro público. Me causa admiração a “acomodação” com gastos desnecessários por parte de certos gestores!…. Não é atoa que as urnas demonstraram desagrado……o importante é reconhecer e corrigir as falhas.

  5. Valéria Prochmann
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 16:18 hs

    Excelente medida. Carros oficiais luxuosos usados por dirigentes públicos brasileiros são verdadeiros símbolos de escárnio e soberba num país com carências gritantes, como doenças negligenciadas, por exemplo. Não se vê tamanho “aparato” em países muito mais desenvolvidos que o Brasil. Na Europa, é comum que primeiros-ministros, por exemplo, dirijam seus próprios veículos ou utilizem táxi e metrô em seus deslocamentos ao trabalho, como qualquer outro profissional. O uso de carros oficiais deveria ser rigorosamente regulamentado por lei para por fim à farra não só dos eleitos, mas também dos primeiros e segundos escalões, que não raro os empregam em atividades privadas, com motorista e combustível também pagos com recursos públicos.

  6. Zangado
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 16:54 hs

    Quero (ou não quero?) que tudo isso é fruto da “indústria de multas de trânsito” – ou estou enganado?

    Prevenção e educação no trânsito curitibano zero, “mobilidade” dos comissionados e contratados treze !!!

  7. carlos
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 17:22 hs

    Fica a pergunta: Há quanto tempo estes carros estão alugados?
    E para que 13 (treze) carros só para o gabinete do prefeito??

  8. carlos rocha
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 17:24 hs

    TÁ NA HORA DO FRUET DESCER DA TRIBUNA DA CAMARA DOS DEPUTADOS E COMEÇA A EXERCE A FUNÇÃO DE PREFEITO, E MENOS FIRULA E MAIS TRABALHO.

  9. VERDADE
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 19:57 hs

    Tudo igual!!! Começaram as picuinhas…Pare de perder tempo com isto e vá no importante o metrô por exemplo! Aproveite para ampliar sua visão administrativa, aposente estes ônibus verdadeiras máquinas de transportar bois e não gente e vá direto no moderno, ou seja, o metrô. Esse modelo de transporte coletivo já levou dinheiro demais da Prefeitura, ninguém é tão besta assim.

  10. MARCELO CORDEIRO ALVES
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 22:26 hs

    TEM QUE ABRIR A CAIXA PRETA ENTRE A PREFEITURA E A COTRANS NÃO SOU CONTRA A TERCERIZAÇÃO MAS A FAVOR QUE O GUSTAVO FRUET REVEJA O CONTRATO.

  11. Caça Corruptos
    quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 – 22:55 hs

    Parabéns prefeito.
    Seu exemplo deve ser seguido.

  12. Carlos Spillere
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 0:14 hs

    A questão da locacão de veículos, assim como outros servicos terceirizados, como limpeza e seguranca, exigem uma análise profunda antes de qualquer decisão. Concordo plenamente com o prefeito em devolver, de imediato, os carros de luxo pois, certamente, não farão falta e gerarão economia.Todavia, manter a terecirizacão ou constituir uma frota própria exige estudos e análises. É importante que se traga para os órgãos públicos a visão gerencial das Empresas privadas. A Empresa privada visa lucro, a adminstracão pública visa a prestacão de servicos eficientes.Se as Empresas privadas terceirizam suas frotas, certamente, por que há vantagens em relacão a ter uma frora própria. Na Empresa pública, os custos com pessoal são significativamente superiores aos da iniciativa privada,para o mesmo cargo (no caso motorista) se pensarmos a medio e longo prazo, principalmente se levarmos em conta as questões previdenciárias e, numa decisão, estas questões tem que ser consideradas. É de fundamental importância que os contratos sejam revisados e o uso otimizado. Tomem estas duas medidas e os custos, com certeza, serão reduzidos em até 40%. Quando diretor administrativo e financeiro da Celepar e também presidente interino, convidado que fui pelo então Secretário de Industria e Comércio, Ciência e Tecnologia Mauricio Fruet, tomamos, juntamente com os demais diretores, medidas administrativas e operacionais e os resultados foram obtidos. Todos os diretores e o Presidente (Paulo Miranda) estavam comprometidos com resultados e, conhecedores da situacão da empresa na época, abriram, inclusive, mão de carro e motorista. Os custos chegaram a ser reduzidos em ate 40%. Na adminstracão pública, para reduzir os custos, basta querer e resitir às pressões.

  13. Cumpanheeerro.
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 1:13 hs

    Qual politico ainda nao andou nos carros da cotrans?

  14. Amancio Neto
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 9:32 hs

    Acredito que o Sr.. Prefeito tenha coisas mais importantes para fazer do que ficar querendo criar IBOPE com esse tipo de medida! A COTRANS presta um bom serviço a PREFEITURA é só olhar para as ruas e constatar que os serviços que eu ou vc precisamos são desenvolvidos com a ajuda dessa empresa, o resto é balela!! e marketing de puxa saco de plantão!!

  15. Carlos Spillere
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 10:05 hs

    Parabens Valéria Prochmann pelo seu comentário.

  16. quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 10:07 hs

    Finalmente uma pessoa honesta na Prefeitura, espero muito mais de Fruet, agora e ja começou acabar com os cabides de emprego, aqueles incompetentes que so sabem segurar bandeira nas esquinad em epocas de eleção.

  17. Ditão
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 12:55 hs

    Só rindo mesmo. Tudo como dantes no quartel de abrantes. Esse filme é mais velho que o cinema mudo. Alguém quer apostar que continua tudo igual? Bem, talvez não. Com o PT como aliado, a roubalheira deverá ser muito, mas muuuuuuito, maior.

  18. curioso
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 13:31 hs

    para contemplar a medida manda junto com o corte do contrato o atual recem nomeado diretor de transportes, um velho aliado, bicão oportunista desde os tempos do banestado….

  19. leila regina
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 14:45 hs

    Só treze? Se realmente tiver um pingo de seriedade vai devolver todos…
    Muita festa com o dinheiro público!

  20. pitoco
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 21:13 hs

    só treze devolvidos? e os outros vinte e seis corolas os outros secretarios irão devolver? duvido,eles deveriam andar com carros timbrados

  21. regina
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 23:26 hs

    mandou bem curioso…………….

  22. Mario
    segunda-feira, 25 de março de 2013 – 8:53 hs

    E agora alguém consegue explicar, pq a irmã do prefeito usa um omega, será que e o mesmo omega que foi devolvido! Fala que devolve, faz um marketing pessoal, depois que as luzes apagam pega os carros novamente.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*