Francischini entra em cena e começa o tiroteio contra Fruet | Fábio Campana

Francischini entra em cena e começa o tiroteio contra Fruet

Gustavo Fruet não terá nem mesmo aqueles seis meses de praxe que sempre são dados aos que assumem o cargo antes de começar a bateria de críticas e insultos. O deputado federal Fernando Francischini voltou ao time de Beto Richa. Conversou demoradamente com o governador na terça feira e deverá continuar o seu mandato em Brasília, afinado com Aécio Neves na oposição. Aqui, cumprirá o papel de principal contestador da administração de Gustavo Fruet. Se voltar ao PSDB, deverá presidir o partido na capital.

Primeiro round: Mais que irritado com o anúncio da extinção da Secretaria Antidrogas na Prefeitura de Curitiba, sob alegação de custos elevadíssimos, Francischini, criador do órgão, devolveu abaixo da linha da cintura. Disse que o problema do uso de drogas é grave e muito antigo, “inclusive o alcoolismo na Prefeitura”. Invocou o testemunho da secretária Eleonora Fruet, irmã do prefeito, que segundo Francischini aprovou a criação da secretaria quando os dois estavam na prefeitura de Beto Richa. E tratou o secretário de governo de Fruet, Ricardo Mac Donald, como Ronald Mc Donald, nome do palhaço da campanha da rede de fast food Mc Donald.


21 comentários

  1. José Diniz
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 15:37 hs

    Li a nota e, fiquei estarrecido.
    Custo acreditar que o Deputado Fernando Francischini se sujeitará a uma posição rancorosa.
    Conheço o Francischini, moço coerente, educado e inteligente.
    Se, for verdade eu lamento, principalmente pelo passado de lutas, vitórias e de bom senso.

  2. Thiago Hart
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 15:40 hs

    Tomara que, ao menos em Curitiba, tenhamos uma oposição corajosa e sem medo de cara feia!!!

  3. Libanio
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 15:42 hs

    Este é o Doático do Beto Richa. KKKKKKKKKKKK

  4. Capão da Imbuía
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 16:11 hs

    Este dai promteu lutar contra as drogas….se passaram dois anos e nada….nadinha….so correndo atrás de midía.

  5. Lucio
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 16:17 hs

    Francisquini está sem ideologia política. Primeiro entra no time do milionário Ratinho os quais eram contra os cuecas de seda. Agora está junto com os cuecas de seda. Digo isto para perceberem que não há uma linha mestra de raciocíneo em suas diretrizes. Assim fica dificil entender e apoiar o Francisquini. Bate por bater. Tem que ter lógica e não trocar de lado a todo momento.

  6. Edson
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 16:36 hs

    Quem seria esse tal Francischini?

  7. Mari Galisti
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 18:48 hs

    Realmente esse deputado é um grande palhaço, faz qualquer coisa para aparecer. Não era bom avisar que ele no começo, ainda, enganava alguém…mas agora ele só é mais um, dos piores eu diria, entre, os muitos parlamentares palhaços do triste picadeiro brasileiro. Lamentável esse cidadão!

  8. Léo
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 20:12 hs

    NAO ENTENDI. ELE ACABOU DE SAIR DO PSDB E VAI VOLTAR? CONFUNDIU RICARDO COM RONALD? QUE GAFE HEM?

  9. Lee
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 21:01 hs

    Mas não era esse ex-policial que procurou o Fruet para trocar seu apoio pela Secretara de Segurança?
    Não entendo tamanha incoerência..

  10. Aparecido
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 23:49 hs

    Como cidadão fico intrestecido em saber que uma secretaria que trabalha com a prevenção, em afastar jovens das garras do trafico que era o papel da Secretaria Antidrogas, simplesmente acaba, como se nao fosse importante, e os projetos, a estrutura, o orçamento que foi destinado ao combate as drogas, vai sumir??? Dai o atual prefeito devolve meia duzia de carros e diz que esta cuidando do dinheiro publico.
    Assim fica dificil!!!!

  11. VACINA A-PT
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 23:53 hs

    Mas claro que ele está certo em ficar magoado era um projeto dele que se foi.
    isso vai passar.SERÁ QUE O GUSTAVO VAI CRIAR OUTRO MELHOR??????

  12. Monica
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 23:58 hs

    Meu amigo Francisquini…. troca de partido como troca de roupas… isso não é bom! ou vai rumo a sua ideologia ou a ideologia de alguém, senão… o bicho pega. Ficar de briguinha idiota não leva a nada. Deixa o Fruet fazer o trabalho dele como melhor lhe convém, só depois que ele começar a trabalhar e não der certo, poderá ser criticado. Por hora… é tempo de ficar na espreita, aceitar que o senhor perdeu!! Quem sabe dar uma atualizada no seu projeto e apresentá-lo num outro momento mais oportuno?

  13. Paulo H
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2013 – 23:59 hs

    quem e este cara?

  14. pdavidactba
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 0:50 hs

    o principal resultado desta secretaria foi eleger o titular a dep federal, por interesse esse “bom moço” faz qualquer coisa, eita falta de postura e de ética.

  15. Julio Odair
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 8:31 hs

    Os comentários desde cidadão são lastimáveis e rancorosos. Oposição tem papel importante sempre e em qualquer democracia. Mas não da forma como o deputado esta fazendo. Bater e falar da forma que o fez é no mínimo sinal de insensatez.

  16. Roberto
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 8:47 hs

    O primeiro alvo do “Batman” deve ser o secretário Ronald McDonald…

  17. Observador
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 9:40 hs

    Lucio, lógica tem o Gustavo então, teu patrãozinho. Um dia detona o PT, hoje de mãos dadas e até o pescoço com a turma do mensalão, suplicando apoio do Lula na eleição. Ontem detonou o Bertoldi, hoje juntinhos, até o pescoço. Ontem falou mal dos parentes dos mandatários, hoje mulher jornalista no comando do FAS e irmã ex-Beto Richa e ex- Ducci na prefeitura. Abre o olho, rapaz.

  18. ze loko
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 15:04 hs

    Boa Deputado e Delegado Francischini!!!
    Esse guga chorão tem envolvimento só pode!!! e o pai dele era um pau d’agua!!!!!! hahahahah

  19. Luciano
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 15:09 hs

    E pensar que eles eram amigos a tão pouco tempo e agora fica nesse fogo que não leva nada de bom para o povo que os elegeu. Está na hora de uma reforma política.

  20. Luiz Eduardo Hunzicker
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2013 – 21:31 hs

    É de clara lembrança o que o Franceschini falava na propaganda política do candidato Ratinho : vou acabar com o tráfico de drogas, com o trabalho da guarda municipal. Ora, as guardas municipais tem atribuições bem definidas na CF 88, artigo 144. Além disso, para que então a PM, a P Civil e a P Federal? Guardas Municipais podem sim ser elementos de informação e de detecção das situações das drogas, para investigação e prisão pela PM,PC e PF. Ao município cabe trabalhar com as causas e com o tratamento e recuperação dos viciados. Há locais onde permeia a droga que nem a PM se atreve entrar, a não ser em operações de vulto.

  21. James
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 – 0:35 hs

    “Nearly all men can stand adversity, but if you want to test a man’s character, give him power”

    “Quase todos os homens são capazes de suportar adversidades, mas se quiser pôr à prova o caráter de um homem, dê-lhe poder.”

    Abraham Lincoln

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*