Erros e acertos do governo na economia, segundo Delfim Netto | Fábio Campana

Erros e acertos do governo na economia, segundo Delfim Netto

A propósito da desconfiança do setor privado no governo, que leva à retração nos investimentos, Delfim Netto manda uma sentença diabólica:

– Este governo é curioso. Faz tudo certo, mas de modo equivocado.

Na conta do “certo” estão a queda dos juros e as desonerações feitas em 2012.

Sobre a prestidigitação nas contas públicas feitas pelo governo para atingir a meta fiscal, Delfim diz: “Assim, o governo dá a impressão de querer ressuscitar a conta-movimento do Banco do Brasil”.

Extinta em 1987, o artifício era um dos pilares da desorganização nas finanças públicas do país.

Delfim, contudo, é otimista:

– Com tempo suficiente, até o PT aprende.

Por Lauro Jardim


9 comentários

  1. sergio silvestre
    domingo, 13 de janeiro de 2013 – 20:11 hs

    Tai o velho DELFIN.tanto se falou deste homem,que seria um dos maires ladrões do BRASIL.
    E o tempo provou ao contrario,foi na verdade um grande homem publico.
    Vemos hoje Persio Arida,Daniel Dantas,Mendonça De Barros
    e muitos outros ,todos com mais de bilhão,banqueiros e fazendeiros,e o DELFIM até pouco tempo dava suas aulas de economia,e nunca ouvi falar que tem um bilhão.
    É por essas e outras que nós somos como fogo,se a noticia corre,condenamos só porque alguem disseminou a noticia.

  2. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 7:44 hs

    “…Com tempo suficiente…”?

    PQP.

    Já se passaram 10 anos.

  3. OCIMAR
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 8:53 hs

    SR DELFIM O pt NÃO PRECISA APRENDER,ELES JÁ SABEM….ROUBAR MUITO BEM.

  4. justino bonifacio martins
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 9:18 hs

    Quem é Delfin Neto, o ex todo poderoso Ministro da Ditadura serviçal das elites para dar palpites? Delfin é o homem da Teoria do Bolo que dizia ” primeiro vamos deixar crescer o bolo para depois dividí-lo”; o povo até hoje não viu nem a farofa do bolo. Vade retro satanaz!

  5. Antonio
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 10:16 hs

    Me perdoem, não sei como ainda dão credibilidade a esse economista que fez parte de um governo que só atraso o país em todos os seus aspectos, inclusive mandando matar e perseguir o povo brasileiro, ele que era o articulador do caso Coroa-Brastel.
    Fala serio……..

  6. Lucio
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 11:39 hs

    O Brasil começou a dar certo após o plano real do Itamar Franco, com medidas do FHC e solidificou-se com o PT. O Delfim foi o que afundou o Brasil na dívida externa de deixou o Brasil no buraco durante décadas.

  7. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 12:14 hs

    Quanto tempo, sr. Delfim? Burros como são…

  8. kiko
    segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 – 16:18 hs

    Para o ministro do tempo da Gloriosa o pestismo não aprendeu por falta de tempo. Quanto anos mais o pestismo dever ser o dono do poder para aprender? Já estão há uma década com a chave do cofre, não é tempo suficiente? Kiko

  9. salete cesconeto de arruda
    terça-feira, 15 de janeiro de 2013 – 23:17 hs

    Gostando ou não do Delfim:
    Você compra!
    Eu compro!
    Eles compram!
    Nós compramos… e o PIG com a oposição SIFU! Rsrsrsrsrsrsr
    Que crise!
    Barbaridade!
    Os que se preocupam deveriam tratar de VIVER pois se ficarem reclamando vão morrer e não verão o Brasil quebrando pois NUNCA ANTES NESTE PAÍS tantos participam do bolo que assou e não era dividido pelo egoísmo das ‘burras e elites e seus medíocres que viviam das suas migalhas’.
    SEJA FELIZ!
    Viva e COMPRE o que desejar se teu salário permite SEM MEDO DE SER FELIZ!
    Não se deixe dominar pelo PIG e pelos do quanto PIOR MELHOR pois basta pegar um avião e olhar para o lado para ver que até os que não podiam viajar de ônibus já estão voando.
    Legal!
    DEMAIS!
    Irmãos de PÁTRIA livres da CASA GRANDE e entrando na faculdade para azar dos que os queriam escravos.
    Perdeu PIG!
    Perdeu e não adianta alugar barriga de partido burro que não sabe fazer oposição. Nem quando está morrendo ou partindo!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*