Dilma acerta os ponteiros com o PMDB | Fábio Campana

Dilma acerta os ponteiros com o PMDB

Dilma Rousseff teve duas conversas reservadas com Michel Temer na semana passada. Em ambas, tratou do PMDB e de Congresso.

Na terça-feira, Dilma ressalvou que não vai se meter nessas disputas, mas mostrou-se preocupada com a briga pela liderança do partido – e se disse temerosa de uma possível eleição de Eduardo Cunha para o posto.

Temer garantiu que, qualquer que seja o resultado, o partido será fiel ao governo. Não é garantia de nada – Dilma sabe – mas é o que podia ser dito no momento. Ela continuou preocupada.

No dia seguinte, a conversa girou em torno das denúncias que atingiam Henrique Eduardo Alves e Renan Calheiros, os favoritos para as presidências da Câmara e do Senado.


2 comentários

  1. Gardel
    domingo, 20 de janeiro de 2013 – 12:51 hs

    O PT fazendo acerto com mercenários lacaios, tem sido comum. Tendo por base cargos e dinheiro, o acordo sai rapidinho. a isenção moral, garante o resto.

  2. ranciaro
    segunda-feira, 21 de janeiro de 2013 – 12:43 hs

    PRESIDENTA DILMA, DÊ UM BASTA AO VAMPIRO AO SEU LADO! O PMDB SÓ QUER CARGO E MARACUTAIA!

    CHEGA, SE O NOVO PT EXISTE, QUEREMOS CONHECER…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*