Tigrada de Requião acusa Rocha Loures de fazer campanha durante o expediente | Fábio Campana

Tigrada de Requião
acusa Rocha Loures de fazer campanha durante o expediente

Perdigueiros de Requião estão de olho na movimentação de funcionários comissionados da Vice-Presidência da República. Eles preparam um pedido formal de informações sobre as atividades do ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures, secretário especial lotado no gabinete do vice-presidente Michel Temer, mas anda fazendo reuniões para a chapa de Pessuti e dos deputados estaduais, em pleno horário de expediente.

Na tarde desta terça (11), informam eles, Rodriguinho se reuniu com deputados estaduais e delegados à convenção do PMDB, que moram na região metropolitana de Curitiba.


11 comentários

  1. Anônimo
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 11:33 hs

    E Requiao também nao faz campanha em horário de expediente ? Ficar lixando unhas ou usando o tweeter durante o expediente do Senado pode?

  2. pesadelo
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 11:37 hs

    ESSE PESSOAL DO REQUIÃO DEVE ESTAR MORRENDO DE MEDO DE PERDER NO DIA 15, AÍ FICAM ENCHENDO O SACO. ADEUS REQUIÃO E A SUA TIGRADA…

  3. PARANAGUA
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 11:48 hs

    USOU O DINHEIRO SENADO PARA PAGAR O IRPF E VEM FALAR DOS OUTROS ME POUPE NE REQUIAO O MALUQUINHO…

  4. justino bonifacio martins
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 12:19 hs

    É isso ai Rodriguinho, relho neles! Está na hora de colocarmos pijama em parlamentares que querem se eternizar em governos. O Requião já cumpriu e até muito bem a sua fase de administrador. É preciso trocar de comandos; o Pugliesi até parece que tem chip de presidente do PMDB; esse eterno chupador de limão tem que ser aposentado ou ir para o museu do pmdb véio de guerra.

  5. carlos
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 12:31 hs

    Senador Requião me conta o que aconteceu a divisão das beneses não foi boa no seu governo, pois Do Atico Santos, Romanelli, Rocha Loures, Caito Quintana e outros deputados Estaduais e Federais que mamaram no seu governo e agora viraram inimigos seu como Orlando Pessutti, não da para entender esta questão.

  6. garça do tatuguara
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 14:28 hs

    É COISA DO DOATICO,não se engane com esta cobra,criada pelo REIquião.

  7. Colaborador do Paraná
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 14:31 hs

    Mas quem é esse rapaz mesmo? Quantos votos ele tem? Olha, vamos parar de fofoca, Esse Rocha Loures e nada é a mesma coisa, saindo do perímetro da Nutimental ninguém o conhece.

  8. quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 14:46 hs

    Ora, Requião não faz o mesmo em Brasília??

  9. fernando de araujo
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 20:55 hs

    A derrota do Requião está quase se concretizando. Para ele vencer, precisaria contar com a ajuda do PT, mais precisamente, do Lula. Já que o LULA gosta degraça do Requião, que ajude. Se não ajudar, o Beto se elege no Primeiro Turno contra o PT. Sem o Requião, a eleição estará decidida em 2014. É o fim do PMDB.

  10. fernando de araujo
    quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 – 21:07 hs

    A equipe de articulação da candidatura do Requião é muito ruim. Não sabem fazer. O Requião precisa ser mais esperto. O outro lado está oferecendo cargos, o Requião o que oferece? O Requião precisa, urgentemente, entrar em contato com o Lula e armar a sua candidatura para o Governo do Estado. Mas para tanto, precisaria ganhar o PMDB do Paraná. O concorrente é do Grupo do Lerner. Se ganhar, o PMDB ficará refém dos lernistas e neoliberais… vendedores de tudo. Se o Requião perder e perceber que não tem mais espaço no PMDB, deve procurar o Lula e traçar um caminho que também será vitorioso em 2014; até trocando de Partido. Com Requião na disputa em 2014, a coisa complica para o lado do Beto. Outra possibilidade se o Requião perder o PMDB, é unir-se ao Álvaro Dias, numa situação diferente, também terá possibilidade de eleger-se Governador e o Álvaro, Senador. Dai… Tudo bem para o Paraná… Senão??? É isto aí, Requião. Qualquer que seja o resultado sábado, você tem futuro político, neste Estado. Tem muita gente que gosta de você. O Paraná sem o Requião, fica pobre politicamente…

  11. Reginaldo
    quinta-feira, 13 de dezembro de 2012 – 8:32 hs

    “É incorreto o post “Tigrada de Requião acusa Rocha Loures de fazer campanha durante o expediente”, publicado nesta quarta (12). O chefe de Relações Institucionais da Vice-presidência da República, Rodrigo Rocha Loures, não se reuniu com deputados estaduais e delegados do PMDB na tarde de ontem (11). Na verdade, estava em Brasília (DF) cumprindo com suas obrigações no gabinete da Vice-presidência. Rocha Loures manifestou seu apoio à chapa “PMDB para Todos” e visitou municípios do interior do estado em campanha. Mas o fez ao longo do fim de semana, retornando a Brasília na segunda-feira (10) pela manhã.”

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*