PT faz Assembleia recusar título de cidadão baiano para Joaquim Barbosa | Fábio Campana

PT faz Assembleia recusar título de cidadão baiano para Joaquim Barbosa

De A Tarde:

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa teve a concessão do título de cidadão baiano recusado na última sessão da Assembleia Legislativa da Bahia, que votou a Lei Orçamentária do Estado e um empréstimo de R$ 1,1 bilhão para o governo baiano, na quarta-feira à noite.

O deputado Luciano Simões (PMDB) da bancada da oposição, que propôs a homenagem pelos “relevantes serviços” que Barbosa prestou à Nação, na visão dele, ao ser o relator do caso do mensalão, acusou a bancada do PT pela rejeição.

O líder governista deputado Zé Neto (PT) negou qualquer boicote, alegando que o nome de Barbosa não foi incluído na lista dos homenageados formada por consenso entre as lideranças de bancada bem antes da votação. Simões, conforme Neto, teria incluído o presidente do STF de “última hora” para “causar polêmica”.

O peemedebista disse ter ocorrido “forte reação” dos deputados do PT e PCdoB, quando propôs o nome de Barbosa, pois os dois partidos o considerariam o principal “algoz” dos condenados no STF.

— Deram o título para o deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) e não aceitaram para o ministro Barbosa — reclamou, ao lembrar que, para contrapor o nome do homenageado, o deputado Álvaro Gomes (PCdoB) propôs também título de cidadão baiano para o revisor do mensalão, Ricardo Lewandowski.

A partir daí travou-se uma discussão que durou cerca de 30 minutos. Para superar o impasse, o líder Zé Neto resolveu não conceder os títulos a Barbosa e Lewandowski.

— Não tenho nada contra o ministro Joaquim Barbosa, acho que é uma figura importante, foi nomeado para o STF pelo presidente Lula e ele poderá ser homenageado em outra oportunidade, mas não da forma que o deputado Simões quis, só por picuinha — explicou o petista justificando que, no momento em que o assunto foi discutido, os deputados se preparavam para votar o Orçamento e o empréstimo, após horas de negociação.


22 comentários

  1. Romão Miranda Vidal
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 23:22 hs

    E por algum deslize do destino os margitados ( mistura de marginais com deputados), que um dia poderão ser julgados pelo Ministro Barbosa, aprovariam tal projeto?
    Tal atitude demonstra a pequenes dos deputados e dos partidos.

  2. walter
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 23:57 hs

    que bom, sinal que alguém tem juízo.

  3. Dá vontade de vomitar
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 0:50 hs

    PAÍS DE POVÃO SEM VERGONHA, TEM MAIS É QUE TOMAR NA CARA

    http://www.youtube.com/watch?v=y3ZYpCRTZSU&list=UUIpqwvp6-wbti4JETXo_VtQ

  4. Lee
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 3:11 hs

    Vixi!!!
    Que sorte do Joaquim.

  5. FUI !!!
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 6:27 hs

    Uma grande virtude do PT é NÃO SABER PERDER !!

  6. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 8:02 hs

    Melhor CONDECORAR o Zé Dirceu, o Marcos Valério e o Delúbio.

    KKKKK

  7. Manoel de Souza arantes
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 8:45 hs

    acho qeu o PT deveria dar o t~itulo para o Genoino, delubio, Zé Dirceu, LUla.

  8. Parreiras Rodrigues
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 9:03 hs

    Se o título fosse aprovado, o ministro Joaquim Barbosa deveria recusá-lo, para validar ainda mais o dito: Baiano bom não se mistura…

  9. Lenza Toledo
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 9:09 hs

    Provávelmente o PT queria dar o tituto de cidadão ao José Dirceu !!!Acorda povo brasileiro!!!!

  10. hahahahahahaha
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 9:10 hs

    Deputado petista quer distância de José Dirceu, enquanto Dilma diz que não comenta sobre o Mensalão do PT.

    Ucho.info

  11. sergio silvestre
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 10:48 hs

    O Brasil é uma festa de burrice politica.O distinto ministro despontou como uma bateria de caramuru,e já tem besta politico querendo dar condecorações prá ele.
    Não seria bom primeiro estudar a indole do ministro?
    A sua vida pregressa,antes de ser juiz,como tratava os filhos e esposa?
    O que fez para galgar este cargo e seu merecimento?
    Somos especialistas em fazer idolos de barro,e não dar valor a pessoas que fizeram este pais.O JOAQUIM BARBOSA,pode ser um bom homem,mas tem que ter um tempo para ser provado.
    Em meia duzia de dias já tem bocas de porco endeuzando o distinto.
    Dá um tempo,e depois veremos se merece ser santo ou capeta.

  12. Viezzer
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 11:13 hs

    Bem coisa de partidinho metido a socialista…

  13. Pedro Gunha
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 18:14 hs

    Para o Sr Sergio Silvestre, todos os Ministros do STF deveriam ser que nem o Dias Tófoli, Rosa Weber, Lewandowiski, aí assim estaria como a petezada gosta, para não dizer o diabo gosta.

  14. kiko
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 18:46 hs

    E depois os baianos ainda tem a coragem de dizer que baiano burro nasce morto. O acontecido é prova de que isto não é verdade. Kiko

  15. sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 20:35 hs

    mensalao trofeu do pt

  16. Parreiras Rodrigues
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 21:35 hs

    Sérgio Silvestre tem razão:

    Somos especialistas em fabricar ídolos de barro.

    Mas parece que não somos bons oleiros. Esfarelam depressa…

  17. Deutsch
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 22:12 hs

    Sérgio Silvestre, logo se vê sua parcialidade marginal em favor do porco bebado e da ANTA mentirosa.
    voce é igualzinho aos de-puta-dos petistas. Se alguem incrimina os bandidos do pt vai ter que provar que é honesto.
    E se fossem os tucanos, qual seria sua reação?
    Não precisa perder tempo em dizer, nós já sabemos…(vou sair pra vomitar)

  18. ivete caribé da rocha
    sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 – 23:07 hs

    Para merecer condecorações o Ministro JB, deve demonstrar a sua imparcialidade e julgar, com a mesma urgência do Mensalão I, todos os processos do Mensalão Tucano, Privataria Tucana e os processos dos cidadãos comuns, sob sua responsabilidade, que estão paralizados há mais de seis (6) anos, como o Compulsório dos combustíveis. Por isso concordo com o Sérgio Silvestre, “Não vamos construir idolos de barro”, temos que dar tempo e ver a continuidade dos seus atos…

    Ivete

  19. Ocimar
    sábado, 29 de dezembro de 2012 – 8:39 hs

    QUADRILHA DE BANDIDOS,CORJA DE VAGABUNDOS.

  20. sergio silvestre
    sábado, 29 de dezembro de 2012 – 15:10 hs

    Não devemos escrever aqui com a intenção de salvar o mundo.Lançamos nosso ponto de vista e temos algum contraponto de colegas que escrevem bem,são bem humorados,fazemos alguma piadinha de um ou outro e a vida segue,somos brasileiros,somos iguais,mas discordar faz parte.Não estou aqui para ser um beligerante e nem atacar honras.Porque até a maioria que posta não coloca como eu e o PARREIRAS,seu verdadeiro nome.
    Vou perder o meu tempo te respondendo,porque voce se esconde no anonimato com esse nome que me parece que com isso voce até ofende a colonia alemã,tál o seu escasso vocabulario,e seu destempero ordinário,coisa de um idiota que de bobo tem tudo.

  21. Deutsch
    domingo, 30 de dezembro de 2012 – 0:59 hs

    Talvez se eu defendesse a presidANTA ordinária meu vocabulário não seria tão escasso, não é?
    E quem pode garantir que é nome verdadeiro é não simplesmente uma alcunha para disfarçar um puxa-saquismo doentio, típico dos bolsa-bos…?

  22. sergio silvestre
    domingo, 30 de dezembro de 2012 – 15:11 hs

    Essa duvida sua ,deixa ficar estacionada entre seus dois neuronios.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*