Governo privatiza grandes aeroportos e cria estatal de aviação | Fábio Campana

Governo privatiza grandes aeroportos e cria estatal de aviação

Da Folha de S.Paulo:

O governo anunciou nesta quinta-feira a concessão dos aeroportos do Galeão (RJ) e de Confins (MG), um plano para aviação regional com investimentos de R$ 7,3 bilhões e a criação de uma nova estatal.

Segundo o ministro Wagner Bittencourt (Secretaria de Aviação Civil), a cifra será aplicada em 270 aeroportos regionais — 67 só na região Norte.

Já para os dois terminais que passarão à iniciativa privada, a previsão de investimentos é de R$ 11,4 bilhões, sendo R$ 6,6 bilhões para o Galeão e R$ 4,8 bilhões para Confins. O edital será publicado em agosto e o leilão está previsto para setembro.

No lançamento do pacote, Bittencourt anunciou a criação da Infraero Serviços, que prevê um sócio internacional para a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) administrar aeroportos regionais.

“Queremos trazer qualidade e reconhecimento para a aviação nacional. Temos a Infraero que é uma grande operadora e é importante trazer experiência internacional para que possamos qualificar melhor o quadro da Infraero e em segundo lugar prestar serviço de melhor qualidade em aeroportos”, disse em cerimônia no Palácio do Planalto.

Segundo o ministro, a gestão dos aeroportos regionais será dos Estados. “O governo investe e mantém a estrutura. Isso é parceria interessante porque permite que os Estados fiquem com a gestão e custeio desses aeroportos”.

A ideia é fortalecer nos próximos anos 689 aeródromos no Brasil. Os projetos serão articulados em parceria com o Banco do Brasil.

Bittencourt disse ainda que os investimentos vão atender às demandas dos grandes eventos esportivos dos próximos anos.

Leia mais em Governo anuncia pacote para aeroportos e concessão de Galeão e Confins.


8 comentários

  1. Max
    quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 – 13:21 hs

    Viva a PRIVATIZAÇÃO PETRALHA a cada dia mais eficiente com novas empresas concedidas ao capital particular

  2. antonio
    quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 – 14:15 hs

    Concessão e privatização são coisas diferentes, não foi isso que este mesmo jornalista disse em relação a concessão da Pedreira?

  3. Sergio R.
    quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 – 14:51 hs

    Privataria petista em ação. Cadê o panelaço. Petrobrás, aeroportos, estradas, portos, escritório da presidência, etc… Os neoliberais petistas são de dar inveja nos tucanos. Nunca antes na história desse país se privatizou tanto como agora. É o fim do mundo com um dia de antecedência. Pros petistas é claro.

  4. Origem
    quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 – 14:57 hs

    KD A PT ZADA …… CAMBADA

  5. Cajucy Cajuman
    quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 – 21:26 hs

    Correto. Se o governo não se acha em condições de administrar com qualidade os aeroportos, tem que passar sim, para a iniciativa privada.

    O que não quer dizer que seria uma ‘privataria’ petista, mas uma medida necessária para a melhoria da qualidade dos serviços prestados.

    Desta forma, governos de ontem e de hoje, trabalham sobre o mesmo prisma: privatizar é o caminho.

  6. TROLL
    sexta-feira, 21 de dezembro de 2012 – 7:47 hs

    E aí PTralhada! Como fica a privataria?
    Parece que aprenderam bem com os neo-liberais não é?
    VERGONHA de comportamento e por incrivel que pareça, ACERTO na decisão.
    O Estado empresário já era ha muito tempo. Se exercer o poder regulador com eficiencia, aí sim!

  7. Deutsch
    sexta-feira, 21 de dezembro de 2012 – 13:15 hs

    Mais uma estatal? Pra que? Claro que é para acomodar mais alguns ladrões do pt.

  8. QUESTIONADOR
    quarta-feira, 26 de dezembro de 2012 – 9:11 hs

    -Mais um cabide de empregos para os apadrinhados do PT!!!
    -Este órgão não vai fiscalizar ou planejar coisa alguma…apenas fachada para corrupção!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*