Frei Betto exige pronunciamento do PT sobre mensalão | Fábio Campana

Frei Betto exige pronunciamento do PT sobre mensalão

“As denúncias são graves e é preciso que o partido se manifeste, ou na defesa (dos acusados) ou dizendo se realmente houve falhas e que medidas serão tomadas.”

A frase é do Frei Betto, ex-assessor especial de Lula, sobre o resultado do julgamento do mensalão


8 comentários

  1. Lee
    quarta-feira, 26 de dezembro de 2012 – 21:48 hs

    hahaha…o PT quer é a cabeça do Frei Betto, pois o Jaquim Barbosa foi indicação dele.

  2. Romão Miranda Vidal
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 7:10 hs

    Frei Beto. Deixa de ser abobado. Trata de se enclausurar de forma definitiva, antes que sobre algo além de pedra, para sua pessoa.
    Com tantos anos de vida religiosa, ainda não aprendeu com as derradeiras palavras de Cristo? PAI PERDOIA-OS POR QUE NÃO SABEM O QUE FAZEM.
    Ou acredita que haverá uma nova RESSURREIÇÃO do PT.Está morto e sepultado.

  3. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 8:58 hs

    A Nação inteira, Frei Betto, a Nação inteira.

    E a explicação esperada tem que ser específica, atinente, técnica.

    Não vale maldizer quem investigou, que divulgou, quem julgou e condenou – o MP e a PF, a Imprensa, o STJ.

    E nem se referir ao mensalão mineiro, como justificativa.

    Lula leva a “marmita”, a “merenda”, em suas viagens internacionais, quase todas sem um resultado, digamos, pragmático, para usar termo em voga, e os áulicos correm a lembrar do namoro do FHC, do Juscelino, do Clinton…

    Totalmente esquecidos de que o petismo nasceu e cresceu alardeando ser diferente, honesto, sério, decente, incorruptível.

  4. SOLANGE LOPES
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 9:59 hs

    Porque será que o Frei Beto se afastou do Lulla?

  5. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 11:19 hs

    Dizem que Frei Betto foi confessor de Lula. Ainda bem que a confissão é secreta e sagrada.

  6. kiko
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 13:03 hs

    O frei deve estar com a consciência muito pesada, pedir um mea culpa ao partidão é mesmo inédito. Ele deve estar querendo receber a indulgência plenária, e sabe que se estiver com pecado no coração ela não vale. O fim para alguns parece estar próximo. Kiko

  7. Pedro Rocha
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 14:33 hs

    Esse Frei Beto é outro que já podia estar em lugar mais seguro…

  8. Sociedade Indignada
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 – 17:22 hs

    Será que Frei Betto quer mesmo um pronunciamento, mas para quê? Afinal, o PT teve sete anos para provar que o mensalão era uma farsa e não conseguiu.
    Frei Betto agora quer que o primeiro escalão do partido Lula/Dirceu/Falcão faça um pronunciamento para dizer o quê DEPOIS DE TUDO DITO pelos STF e pelo novo herói brasileiro Joaquim Barbosa.

    Nada mais tem a dizer sobre o mensalão, nem sobre as condenações. É fato julgado e apoiado pela sociedade.

    A única coisa que justificaria mexer no mensalão seria, eventualmente, fatos novos que viessem a implicar novas personalidades. Mas aí, seria um novo processo a começar do zero.

    Acredito piamente que a sociedade não quer ouvir mais explicações – dos mesmos – sobre o tal mensalão. Isso é página virada.

    Porém, essa mesma sociedade quer saber dos demais acontecimentos ainda não esclarecidos, como afirma a Polícia Federal sobre o caso Rosegate, por exemplo. Mas aí, é outra conversa.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*