Batida policial | Fábio Campana

Batida policial

A coluna de Aroldo Murá abre com uma nota que intrigou meio mundo da política nativa. Aí vai:

“A véspera do feriado de Finados foi inundada por uma série de rumores não confirmados – nem desmentidos pelas fontes oficiais. Eles davam conta de que o escritório de um deputado federal, em Curitiba, fora objeto de batida da Polícia Federal, em cumprimento a mandado judicial. Uma pista apenas para o leitor: dizem que o parlamentar lia Salmos, a tradução do Rei James, quando a polícia chegou.”


5 comentários

  1. Zobota
    sexta-feira, 2 de novembro de 2012 – 17:38 hs

    Será que esse mesmo deputado além de ler a bíblia com devoção também come com 2 pauzinhos?

  2. kiko
    sexta-feira, 2 de novembro de 2012 – 18:46 hs

    Ui ui quem será o tal deputado federal? Se fosse estadual até arriscava um palpite. ACarlos

  3. PARANA NETO
    sexta-feira, 2 de novembro de 2012 – 21:18 hs

    ……É ESSE MESMO…..ESTA ENCRENCADO FAZ TEMPO……
    ……MAS O JAPONES NÃO É O ÚNICO…

    PN.

    ……

  4. Sikanderf
    quarta-feira, 7 de novembro de 2012 – 15:47 hs

    …pois é, parece que come com dois pauzinhos, tem os olhos puxados, e mora no edifício rui danúbio, na visconde!
    como dizia o célebre locutor esportivo silvio luiz: “…olho no lance!”

  5. Sikanderf
    quarta-feira, 7 de novembro de 2012 – 15:48 hs

    …ah, esqueci de perguntar: será que ele é criador de cavalos e dono de hara?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*