OAB alerta para compra de votos na reta final de campanha | Fábio Campana

OAB alerta para compra de votos na reta final de campanha

A OAB do Paraná está em campanha contra a compra de votos. Em nota divulgada à imprensa, chama o eleitor a fiscalizar tentativas de corrupção eleitoral no Estado. “A atuação do cidadão como fiscal do processo eleitoral é fundamental para a efetivação da democracia”, diz a nota.

No comunicado, a OAB descreve práticas que são consideradas compra de voto, como promessas de emprego, oferta de dinheiro,  distribuição de brindes em geral, financiamento de eventos;o auxílio para tirar documentos e regularização de terras e serviços jurídicos, para realização de exames e tratamentos médicos são situações. Essas práticas caracterizam corrupção eleitoral e devem ser denunciadas, lembra a nota. No dia da votação os eleitores devem estar atentos também para boca de urna, prática proibida pela lei eleitoral, alerta.


3 comentários

  1. Anonimo
    quinta-feira, 4 de outubro de 2012 – 11:37 hs

    E Pagar R$ 50,00, por semana a moradores, para colocar e manter placa de candidato em frente a casa…. não é compra de Votos???? Pra mim é, afinal, acho que os candidatos podem ate consultar os moradores se querem colocar placas, Gratuitamente, mas… pagar por semana pra colocar e manter.. é compra de voto. O Ducci fez isso no Sitio Cercado, onde uma moradora, tinha placa do Ratinho e tirou pra colocar uma do Ducci, por R$ 50,00 por semana.

  2. Ocimar
    quinta-feira, 4 de outubro de 2012 – 11:48 hs

    SE ISSO FOSSE CRIME,A CORJA PETISTA JÁ ESTARIA NA CADEIA,COMPRAM VOTOS DESDE 2003,BOLSA ISSO,BOLSA AQUILO….

  3. Trocando em Miúdos
    sábado, 6 de outubro de 2012 – 12:03 hs

    Logo a corporativista e simbiótica OAB, talvez a única instituição que se deu muito bem com todos os governos que já passaram por esse Brasil, inclusive e especialmente com o petismo safado, falando em moral e bons costumes???????
    Dá licença, né, suas excelências e doutores advogados; doutores só porquê se valem de uma suposta lei portuguesa, que nunca ninguém viu, só ouviu falar, que teria sido assinada pela rainha de portugal Dona Maria, a Louca…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*