Genoino e Delúbio condenados por falsidade ideológica em Minas | Fábio Campana

Genoino e Delúbio condenados por falsidade ideológica em Minas

Segundo a juíza, houve fraude nos empréstimos do BMG a SMP&B e ao Partido dos Trabalhadores.

De Marcio Allemand, O Globo:

RIO – A juíza Camila Franco e Silva Velano, da Justiça Federal de Minas Gerais, condenou na segunda-feira o ex-presidente do PT, José Genoino, o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares e o publicitário Marcos Valério por falsidade ideológica, que também são réus no processo do mensalão julgado no Supremo Tribunal Federal (STF). Genoino e Delúbio foram condenados a quatro anos de prisão, enquanto Valério, a quatro anos e meio. De acordo com a juíza, houve fraude nos empréstimos entre o BMG, a empresa SMP&B, de Marcos Valério, e o Partido dos Trabalhadores, realizados em 2005.

Também foram condenados por falsidade ideológica, Ramon Hollerbach Cardoso (4 anos), Cristiano de Mello Paz (3 anos e meio), ex-sócios de Valério, e o advogado Rogério Lanza Tolentino (3 anos e 4 meses). Já os diretores do BMG Ricardo Annes Guimarães, João Batista de Abreu, Márcio Alaôr de Araújo e Flávio Pentagna Guimarães foram condenados por gestão fraudulenta de instituição financeira, com penas de até 7 anos de prisão.

Segundo a juíza, “os contratos celebrados pelo BMG com o Partido dos Trabalhadores e empresas do grupo Marcos Valério não tinham como objetivo serem realmente adimplidos, constituindo-se como instrumentos formais fictícios, ideologicamente falsos, cuja real intenção era dissimular o repasse de recursos aos tomadores”.

Ainda de acordo com a sentença, “grande parte dos valores emprestados pelo BMG foram repassados aos tomadores dentro de um cenário pouco usual na prática bancária, diante de situações limites de risco de inadimplência. Extrai-se ainda e, principalmente, que grande parte dos valores amortizados adveio de recursos do próprio BMG, ou seja, o BMG praticamente pagou para emprestar”.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), a liberação de recursos também se deu de maneira irregular, porque a situação econômico-financeira dos tomadores era incompatível com o valor emprestado e as garantias, insuficientes. “Tampouco foram observadas, nos contratos de financiamentos, as normas impostas pelo Banco Central ou até mesmo as normas internas do próprio BMG”.

A juíza Camila Franco e Silva Velano, que proferiu a sentença na véspera de entrar de férias, pediu para que o ministro do STF Joaquim Barbosa, relator do mensalão, seja comunicado da decisão.
Genoino, Delúbio, Marcos Valério, Ramon Hollerbach, Cristiano Paz e Rogério Tolentino também foram acusados do crime de gestão fraudulenta, mas foram beneficiados por liminar do STF que os excluiu da imputação do crime, porque não faziam parte da diretoria do Banco BMG. Já a esposa de Marcos Valério, Renilda Santiago, foi absolvida.


14 comentários

  1. Anônimo
    terça-feira, 16 de outubro de 2012 – 19:35 hs

    Aí,aí,aí, vagabundo, sem vergonha. Devia apodrecer na cadeia.

  2. Maria... Maria
    terça-feira, 16 de outubro de 2012 – 19:50 hs

    Tinha que ser em Minas do Aécim bebum!

  3. Zangado
    terça-feira, 16 de outubro de 2012 – 21:04 hs

    Não essa não !!!

    Petistas egrégios condenados por falsidade ideológica ??

    Não … agora acabou, agora acabou …..

  4. Max
    terça-feira, 16 de outubro de 2012 – 21:39 hs

    PETRALHAS condenados dinovu!!!! kkkk…e não sendo réus primários, vão pegar uma cana brava

  5. Maria... Maria
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 0:09 hs

    Aécim manda!

  6. Vigilante do Portão
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 3:15 hs

    O Genoino e o Delúbio, vão pegar um bom tempo de cadeia.

    Não adianta chorar, divulgar notas em jornal e muito menos promover falsas manifestações.

    É CANA!

  7. Maria Tereza.
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 8:07 hs

    Este é o PT que o Gustavo está tentando nos empurrar de guela abaixo.

  8. Parreiras Rodrigues
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 9:40 hs

    Maria, sou mais o bebim que o miauzim

  9. Zé Roberto
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 10:43 hs

    Olha só e ainda tem posado de inocente. Será que nao são todos inocentes? Oh dúvida cruel…kkk

  10. PEDREIRA
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 11:55 hs

    Pera ai: não era para ser piada de salão ?

  11. quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 17:16 hs

    Já foram condenados, assim como os companheiros do mensalão.
    Mas quem esta na cadeia, ou penitenciaria ?
    Acredita que alguem vai parar atras das grades?
    brincadeira…..?????

  12. Cajucy Cajuman
    quarta-feira, 17 de outubro de 2012 – 23:49 hs

    E agora? Será que o senador Suplicy vai continuar chorando pelo cumpanhêro Genoíno, como ele disse, injustiçado pelo STF?

    E a carta da filha de Genoíno colocando a culpa da condenação do pai pelo Supremo na Imprensa? Nada como um dia atrás do outro, né?

    Portanto, Genoíno não é a flor que se cheire como quer demonstrar o Suplicy. Essa gente quanto mais corre, mas fumo leva…

  13. Vigilante do Portão
    quinta-feira, 18 de outubro de 2012 – 2:31 hs

    Genoino,

    CONTA TUDO!

    Desmonta a farsa.

  14. Ocimar
    quinta-feira, 18 de outubro de 2012 – 9:12 hs

    PENA DE MORTE JÁ PARA ESSA QUADRILHA DE VAGABUNDOS CORRUPTISTAS.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*