A eleição mais polarizada desde 1985 | Fábio Campana

A eleição mais polarizada desde 1985

No 1º turno, Fruet venceu no norte de Curitiba e Ratinho Jr., no sul. Divisão como essa só havia ocorrido na disputa de Requião com Lerner, há 27 anos.

De Rosana Félix, Gazeta do Povo:

Desde a redemocratização, apenas a eleição de 1985 teve uma polarização tão forte na corrida pela prefeitura de Curitiba como a que ocorreu no domingo passado. Naquele ano, em que havia apenas um turno, Roberto Requião (PMDB) foi vencedor no sul da cidade e Jaime Lerner, na região norte. O mesmo ocorreu agora, com Ratinho Jr. (PSC) e Gustavo Fruet (PDT), respectivamente. A diferença é que esta eleição será decidida no 2.º turno, o que exige que os candidatos se aventurem pelo “território” do adversário.

No 1.º turno, o candidato do PSC fez 332.408 votos, dos quais metade (52%) nas zonas eleitorais 145.ª, 174.ª, 175.ª e 176.ª. Os bairros que compõem essas regiões têm renda familiar média variando de R$ 700 a R$ 1,5 mil. Além disso, a maioria dos eleitores tem apenas o ensino médio completo e os menores índices de conclusão de ensino superior. A maior diferença de Ratinho sobre Fruet ocorreu na 175.ª zona (imediações do Pinheirinho e Sítio Cercado). Nessa região, Ratinho teve 48,1% dos votos válidos. Fruet ficou somente em 3.º, com 17%.

Fruet conquistou 265.451 votos em 7 de outubro, dos quais 44% nas zonas 1.ª, 2.ª, 177.ª e 178.ª. Os bairros dessas regiões têm famílias com renda média que varia de R$ 800 a R$ 3,5 mil. Também apresentam maior nível de escolaridade: de 35,2% a 49,5% do eleitorado concluiu o ensino superior. A maior diferença de votos entre o candidato do PSC e o pedetista ocorreu na 178.ª zona (que inclui uma faixa entre o Centro e Santa Felicidade). Fruet fez 34,5% e Ratinho ficou em 3.º, com 23,4%.

A retrospectiva das últimas eleições mostra como a polarização atual é forte. Em 1985, quando Curitiba tinha apenas cinco zonas eleitorais, Requião venceu na 3.ª e 145.ª. Lerner, na 1.ª, 2.ª e 4.ª. Em 1988, 1992 e 1996, as disputas pela prefeitura de Curitiba foram decididas no primeiro turno com grande vantagem para o primeiro colocado e vitória dele em quase todas as zonas eleitorais. No primeiro turno de 2000, Cassio Taniguchi ganhou de Angelo Vanhoni em todas as zonas, apesar da votação do petista ter forçado o segundo turno. Em 2004, Beto Richa e Vanhoni também se revezaram na liderança de algumas zonas, mas o tucano ganhou na 3.ª e na 174.ª. Em 2008, Richa se reelegeu com vitória em todas as regiões.

Segundo especialistas, o mais indicado é tentar avançar nas regiões onde o candidato não fez tantos votos. “Fruet precisa se popularizar nas regiões mais pobres e Ratinho Jr. precisa vencer o preconceito da classe média e alta para avançar nas regiões mais nobres”, observa Emerson Cervi, cientista político da UFPR.

Segundo Geraldo Tadeu Monteiro, diretor-executivo do Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (Iuperj), é normal que no primeiro turno os candidatos se dediquem a conquistar o voto de sua base, ou da região onde tem mais potencial. “Mas no segundo turno é preciso buscar votos de maneira ampla. Ratinho fez 34% e Fruet 27%. Para ser vencedor, é preciso ter 50% mais um dos votos. Inevitavelmente terão de buscar votos em outras áreas para ganhar.”

Clique aqui e confira o infográfico em tamanho maior.


10 comentários

  1. chico
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 13:57 hs

    Fazendo uma análise simples, podemos considerar que Ratinho Junior já chegou a seu limite máximo de votos, principalmente da população mais carente, vai ter que tirar “leite de pedra” se quiser conseguir algo mais. A tendencia e que a maioria dos votos de Ducci, migrem para Fruet, pois grande parte desses eleitores são de classe media e alta, com maior nível de escolaridade. Por fim temos os eleitores de Grega, em que acredito eu, haverá uma divisão entre os dois candidatos. Em suma, considerando e seu baixo índice de rejeição nas pesquisas, já podemos considerar Gustavo Fruet como novo prefeito de Curitiba.

  2. matahari
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 16:00 hs

    QUEM ERA BETO ERA LUCIANO, POR ISSO ELE NÃO FOI NEM PARA O SEGUNDO TURNO. ISSO MEDIU O PRESTIGIO DO BETO RICHA EM CURITIBA; ISTO É, NADA. ESSE PODE IR ARRUMENDO A MALA PARA IR PRA CASA. NÃO TEM NENHUMA CHANCE PARA A REELEIÇÃO AO GOVERNO. O CARA É UM INCOMPETENTE. O PSDB COMANDAVA APÓS A ELEIÇÃO DE 2008 28% POR DO ELEITORADO PARANAENSE; AGORA COMANDA 5% NOE MUNICÍPIOS EM QUE ELEGEU PREFEITOS. VAI CAMPANHA AONDE? NO PARQUE BARIGUI?

  3. PARANA NETO
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 17:30 hs

    …Beto é inconsistente……é fraco mesmo…..assina papel daqui e dali e não acontece nada,…policia civil,policia militar só para
    inglês ver …..sem concurso e sem chance de termos novos po-liciais…….este é apenas um exemplo,a saúde ,a educação……
    infra-estrutura, tudo andando de lado ou paralizado….estou de
    acôrdo com nosso leitor “matahari”… vai para algum lugar…..
    Perde a eleição…..toda e qq. que aparecer pela frente……………

    pn.

  4. Pensa...pensa....
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 17:43 hs

    Eu disse antes de começar a campanha e repito:
    O próximo prefeito de Curitiba é GUSTAVO FRUET.
    Nada contra Ratinho. Mas é a lei do CARMA e quem entende sabe disso. Até os MACACOS sabem onde foi que erraram. O cidadão não aceita mais o jogo dos poderosos. Nem do STF que já está sendo chamado no mundo de BBB do PIG. Evidente que justiça deve ser feita. Mas quem julgou a COMPRA DO SEGUNDO MANDATO feita pelo FHC e seus grupo? Ou ainda tem bobo que pensa que o mesmo congresso que deu base para Lula – aliás – o do Fernando era bem pior – DEU DE GRAÇA PARA ELE AQUELE MANDATO RASGANDO A CONSTITUIÇÃO DO BRASIL?!

  5. Jandira
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 19:49 hs

    Acho que o pecado de Beto foi ter prometido em cartório não deixar a prefeitura, e deixa-la na mão de um incompetente.

  6. ZE DA BOTA
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 20:40 hs

    O ” PT” ESTÁ PRONTO PARA APLICAR AQUI EM CURITIBA, A OPERAÇÃO ” C A V A L O D E T R O I A ” . COM UM GUSTAVO FRUET, TIPO ” L U L I N H A P A Z E A M O R”, ESTE É O LANCE,
    RECHEADO DE ” P T I S T A S “, DENTRO DA BARRIGA DO CAVALO ” PTROIA”, QUE INVADIRÃO A PREFEITURA DE CURITIBA, ASSIM QUE O GUGA FOR ELEITO.
    ” G E N T E D E C U R I T I B A “, NÃO PODEMOS DEIXAR ISSO ACONTECER, VOTAR EM GUSTAVO É CORRERMOS ESSE RISCO DE ” VERDADE” , NÃO TERREMOS UMA CURITIBA ” SEGURA COMO DIZ O SLOGAN DO PT \ PDT “. E SIM UMA CURITIBA RECHEADA DE NEGOCIAÇÕES, QUE DE LONGE SÃO DO INTERESSE DOS CURITIBANOS

  7. EWERTON RODRIGUES DEOLIVEIRA
    domingo, 14 de outubro de 2012 – 20:47 hs

    TODOS VOCES TEM RAZÃO O SEU RATINHO NÃO TEM CARISMA, NEM LIDERANÇA PARA ALAVANCAR UMA PREFEITURA COMO CURITIBA, FAZ COMPARAÇÕES, QUE NUNCA PRESENCIOU, AS VINTE SOLICITAÇÕES DO VEREADOR GUSTAVO, JÁ ULTRAPASSOU AS SOLICITAÇÕES DO DEPUTADO, POR QUE EU DIGO ISTO, ELE FEZ SOLICITAÇÕES AO ESTADO E NÃO PARA O MUNICIPIO COMO O GUSTAVO FEZ, COMO PODE QUERER ASSUMIR A CAPITAL SE PEDIU COISAS PARA O ESTADO, MUNICIPIOS E ETC…, NÃO PARA O BEM DA CAPITAL, PRECISAMOS DE GENTE PRA TRABALHAR POR NÓS, O RESTO É RESTO,NÃO ESTAMOS EM CAMPANHA AO GOVERNO DO ESTADO.

  8. Cidadã Brasileira
    segunda-feira, 15 de outubro de 2012 – 9:19 hs

    Se correr o bicho pega se ficar o bicho come! O que fazer?

  9. eloy giraldi
    segunda-feira, 15 de outubro de 2012 – 9:21 hs

    Fruet, use e abuse do apoio do Jaime Lerner, o maior e melhor prefeito que Curitiba já teve, com certeza será vitorioso no segundo turno!!!

  10. Cidadã Brasileira
    segunda-feira, 15 de outubro de 2012 – 11:54 hs

    Se ganhar o Fruet vem a turma do PT com toda sua fome de PODER,
    Se ganhar o Ratinho vem a turma do Requião com toda sua arrogancia.
    O Curitibano tá mesmo ferrado!!!!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*