Ex-prefeito Joaquim Ribeiro é solto em Londrina | Fábio Campana

Ex-prefeito Joaquim Ribeiro é solto em Londrina

Ribeiro chegou à sede do GAECO na tarde desta segunda.

Do Bonde:

O ex-prefeito José Joaquim Ribeiro (sem partido) foi solto na noite desta segunda-feira (24). Ele estava preso desde a última sexta-feira (21) na Penitenciária Estadual de Londrina (PEL II). O pedido de liberdade provisória foi protocolado pelos advogados de defesa na 7ª Vara Criminal de Londrina e a prisão foi revogada pelo juiz Katsujo Nakadomari.

Em entrevista ao portal Bonde, o promotor de Defesa do Patrimônio Público, Renato de Lima Castro, esclareceu que o pedido recebeu a concordância do Ministério Público (MP) por causa da colaboração do ex-prefeito com as investigações que apuram o esquema que fraudou licitações para fornecimentos de uniformes escolares para as escolas da rede municipal em Londrina.

Nesta tarde, Ribeiro foi levado da Penitenciária Estadual de Londrina (PEL II) até a sede do MP para prestar novos esclarecimentos sobre o esquema, que entregou propinas aos agentes públicos do Município. Ribeiro chegou a confessar que recebeu R$ 150 mil, mas repassou os valores ficando com apenas R$ 50 mil.

O ex-prefeito saiu do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) às 18h30 e foi levado novamente para PEL II.

“Ele está colaborando parcialmente com as investigações, o que não significa que o ex-prefeito receberá o benefício da delação premiada”, ponderou o promotor.

Ribeiro foi solto pouco antes das 20h.


4 comentários

  1. terça-feira, 25 de setembro de 2012 – 11:33 hs

    Se todos os politicos passassem pelo que ele passou talvez criaria vergonha na cara.

  2. Bill
    terça-feira, 25 de setembro de 2012 – 12:48 hs

    O PSC é de lascar, fez sujeira até na compra de uniforme escolares. Qualquer semelhança com Ratinho é mera coincidência ou não ? Mesmo partido e mesma tática

  3. Dana
    terça-feira, 25 de setembro de 2012 – 14:05 hs

    Já pagou um pouco, fora a vergonha da familia … a marca será eterna de preso !

  4. sergio silvestre
    terça-feira, 25 de setembro de 2012 – 16:57 hs

    Por 50 mil,porisso que quem rouba pouco é penalizado.
    A justiça e a legião de advogados gostam de grandes ladrões.
    Estes podem pagar o corporativismo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*