Dilma indica juiz que livrou Palocci para ocupar cadeira no STF | Fábio Campana

Dilma indica juiz que livrou Palocci para ocupar cadeira no STF

Catarinense de 64 anos foi o escolhido pela presidente para a vaga aberta por Cezar Peluso.

De Felipe Recondo, de O Estado de S.Paulo:

BRASÍLIA – Para se blindar contra pressões de setores do PT que se movimentavam no meio do julgamento do mensalão para patrocinar um nome ligado à legenda para o Supremo Tribunal Federal, a presidente Dilma Rousseff decidiu indicar o nome de Teori Zavascki, ministro do Superior Tribunal de Justiça, para a vaga aberta na semana passada, com a aposentadoria do ministro Cezar Peluso.

O indicado foi um dos dois ministros do STJ que, em fevereiro de 2010, votaram contra pedido de prisão do então governador do DF, José Roberto Arruda – ante dez votos favoráveis -, posteriormente cassado. Mais recentemente, rejeitou recurso do Ministério Público contra o ex-ministro da Casa Civil, Antonio Palocci.

Segundo integrantes do governo, Zavascki disse que não participará do julgamento do mensalão. Desde o início das sessões pelo STF, Dilma determinou a seus auxiliares que não atraíssem o julgamento para o Planalto. A indicação de Zavascki em sete dias evita que o processo do mensalão contamine a indicação.

O nome de novo ministro foi cotado para o Supremo ainda no governo Lula. Coube ao ex-ministro da Justiça Nelson Jobim e ao ministro do STF Gilmar Mendes levar pessoalmente o nome de Zavascki a Lula. Numa conversa a portas fechadas com um auxiliar, o ex-presidente deu a entender que não estava disposto a indicá-lo.

Com Dilma. Quando a presidente Dilma assumiu o governo, o nome de Zavascki foi de novo cogitado. Na ocasião, ela conversou com Palocci, então ministro da Casa Civil. Emissários do governo chegaram a perguntar como Zavascki se posicionaria no julgamento do mensalão.

O ministro evitou se comprometer. Disse que não poderia se pronunciar, pois não conhecia o processo. Formalmente, Zavascki poderia participar do julgamento, desde que fosse sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado, aprovado pelo plenário e depois empossado pelo STF. “Se ele vier a tempo de participar do processo, tem todos os poderes iguais aos dos demais ministros”, avisou o presidente do STF, Ayres Britto.


13 comentários

  1. mm
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 17:39 hs

    STF a mais alta corte do país. Quem indica os ministros?: o presidente do executivo. Quem aprova a indicação? o legislativo. Resumindo o presidente tem a faca e o queijo na mão para colocar quem ele quiser. Por isso temos pessoas comprometidas até a medulas com partidos e politícos (leia-se Dias Tóffoli). Teori Zavascki ja demonstrou que é bem pouco rigoroso ao julgar políticos, será mais um que vai julgar conforme as conveniencias da presidentA.

  2. fiscalde realeza
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 19:02 hs

    CHUPA ESSA TUCANADA

  3. barnabé indignado
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 19:07 hs

    República de bananas. O cidadão brasileiro passa por uma lavagem cerebral executada pela rede globo há mais de quatro décadas e bancada por quem está de plantão no poder. Resultado é este. Somos incapazes de reagir a esta coisa chamada STF. Outras coisas também funcionam mal e com o dinheiro público, como os tribunais de contas e ministérios públicos. Não servem para nada. Voltamos ao tempo da corte imperial quando o importante era ser amigo do rei.

  4. Deutsch
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 19:38 hs

    Aos poucos vão aparelhando o STF tambem. Aí o Brasil vai virar uma verdadeira merda.
    Palmas para a dilmANTA.

  5. jobalo
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 20:56 hs

    Que máfia danada, essa petezada , eles tentam de todos os lados cercar para colocar gente tipo tofóli aquele outro com nome de polaco e agora esse que livrou o palócci, que vergonha essa petezada , e os pobres qque recebem o bolsa familia nem se tocam dessas coisas , por isso é que nos que somos um pouco mais esclarecidos temos que lutar e ttirar essa petezada de uma vez por todas do poder.

  6. salete cesconeto de arruda
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 21:33 hs

    Ele só confirmou as duas sentenças já dadas.
    Simples assim.

  7. Begué
    terça-feira, 11 de setembro de 2012 – 22:33 hs

    Se o Congresso quer realmente ser serio, esse Teori deveria rodar na sabatina, pois já demonstrou no caso do Pallotti que é baralho marcado.

  8. Juarez
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 8:26 hs

    O QUE PODERÍAMOS ESPERAR DE UMA PRESIDENTE GUERRILHEIRA, INCOMPETENTE, QUERENDO SER POPULISTA!!!

  9. Ocimar
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 8:43 hs

    VIIIXXXEE,NÃO ADIANTA,É MAIS UM DA GANGUE,AGORA SÃO TRES.

  10. salete cesconeto de arruda
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 14:20 hs

    Sentença não. Desculpem! Antes que um HITLER ME APONTE O FUZIL vamos dizer em outras palavras – DILMA SÓ CONFIRMOU!

  11. Rodrigo
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 18:23 hs

    Chupa tucanada!!! todos aí que vociferam contra as indicações para o STF, o fazem porque são ignorantes. São ignorantes porque provavelmente nunca ouviram falar em constitucionalismo, jurisdição constitucional, vontade de constituição. São ignorantes porque não fazem a menor idéia do que é uma República. São ignorantes porque não fazem a menor idéia do seja um Estado Federativo com tripartição de poderes. São ignorantes porque nunca ouviram falar em teoria dos freios e contrapesos. São tão ignorantes que não devem fazer a menor idéia sobre personalidades como Aristóteles, Platão, Nicolau Maquiavel, Thomas Hobbes, John Locke, Jean Jacques Rousseau, Montesquieu, Hans Kelsen, Rui Barbosa, Dalmo Dallari, José Afonso da Silva, Paulo Bonavides, Celso Bandeira de Melo…. e sobre que estes espíritos iluminados escreveram.
    Mas a ignorância pior é ter apagado da memória a era FHC e os ministros do STF indicados pelo “príncipe mulatinho”, aquele que chamou aposentados de vagabundos e que o pobre podia comer frango porque consegui fazer dentadura no dentista. Dos ministros do STF temos os seguintes :
    Celso de Melo – indicado pelo presidente José Sarney
    Marco Aurélio Mello – indicado pelo presidente Fernando Collor
    Gilmar Mendes – indicado pelo presidente Fernando Henrique Cardoso
    Carlos Ayres Britto – indicado pelo presidente Lula
    Joaquim Barbosa – indicado pelo presidente Lula
    Ricardo Lewandowski – indicado pelo presidente Lula
    Carmem Lúcia – indicada pelo presidente Lula
    Dias Tófoli – indicado pelo presidente Lula
    Luis Fux – indicado pela presidenta Dilma
    Rosa Weber – indicada pela presidenta Dilma

    Considerando que Gilmar Mendes e Dias Tófoli são ativistas políticos, cada um de um lado da trincheira, os demais ministros são bastante técnicos. Gilmar Mendes é o escoteiro de Daniel Dantas no STF, assim como Tófoli é o escoteiro do Zé Dirceu.

  12. Rodrigo
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 18:30 hs

    Ocimar, se tomarmos seu raciocínio (que é bastante raso, dado à ignorância sobre o assunto) teria coragem de dizer que Carlos Ayres Brito ou que Joaquim Barbosa também são “membros da gangue”? A ministra Carmen Lúcia também??? e o Luis Fux??
    Só lembrando Ocimar: mesmo que você comesse todo o feijão existente na terra e começasse hoje a ler 5 livros por mês, levaria pelo menos uns 30 anos pra chegar ao nível mínimo de cultura e conhecimento que estes ministros que te citei agora têm.

  13. mariana
    quarta-feira, 12 de setembro de 2012 – 20:00 hs

    fiscalde realeza: que grosseria ! se não é capaz de escrever alguma coisa digna de se ler, é melhor nem comentar…..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*