Collor ainda terá que se defender por corrupção e peculato | Fábio Campana

Collor ainda terá que se defender por corrupção e peculato

Vinte anos depois, Collor ainda responde no STF por crimes

Francisco Leali e Vinicius Sassine, O Globo

Vinte anos depois de entrar para a História como o primeiro presidente da República a ser afastado do cargo por crime de responsabilidade, o agora senador Fernando Collor de Mello (PTB-AL) ainda tem contas a acertar com a Justiça brasileira.

O ex-presidente é acusado de cometer corrupção passiva, peculato e falsidade ideológica no Supremo Tribunal Federal (STF), mesma Corte que hoje julga o escândalo do mensalão no governo Lula —que reúne no banco dos réus aliados e algozes de Collor, como o presidente do PTB, Roberto Jefferson, e o ex-ministro José Dirceu.

Os crimes teriam sido praticados quando Collor ocupava a Presidência. Desde outubro de 2009, o processo está parado no gabinete da ministra Cármen Lúcia.

O procurador da República autor da denúncia, Luis Wanderley Gazoto, acredita que dois dos três crimes imputados a Collor — corrupção passiva e falsidade — possam estar prescritos. No caso de peculato, o ex-presidente só não se beneficiaria com a prescrição em caso de condenação à pena máxima de 12 anos de detenção, conforme o procurador.


3 comentários

  1. Araújo
    sábado, 29 de setembro de 2012 – 17:51 hs

    O Ratão se elegeu pelo PRN, partido do Collor e do Martinez. Tudo Gente Finíssima…

  2. pingo pingo pingo...
    sábado, 29 de setembro de 2012 – 18:20 hs

    Nossa!
    Essa doeu!
    Assim sendo o Gurgel e o Gilmar estão f..
    Pois é.
    E o tempo?
    Não conta?
    Mas aí a PRIVATARIA, a COMPRA DO SEGUNDO MANDATO do FHC;PSDB, a LISTA DE FURNAS…PERILLO…..
    Salve-se quem puder!
    Ainda bem que o Fernando tem casa em Paris e o Serra gosta dos Estados Unidos.
    Assim sobra para o Beto. Mas o NINHO estará tão cheio de caca que é melhor – como diz Salete – o Beto se mandar para outro como fez o Franscischini.
    Não?!

  3. Helena
    domingo, 30 de setembro de 2012 – 20:58 hs

    Assim que ele partir para uma pior, para o além da “magia negra”, daí será julgado e absolvido, pelo demo, é claro…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*