Greca tem ideias para a Copa do Mundo | Fábio Campana

Greca tem ideias para
a Copa do Mundo

Rafael Greca, apresentou propostas para um melhor aproveitamento do Curitiba na Copa do Mundo de Futebol de 2014, que terá a capital do Estado como subsede da competição.

“Uma cidade não presta para ser visitada, se não for boa para seu povo. A melhor imagem que Curitiba pode transmitir aos seus visitantes, durante os quatro jogos que nos foram concedidos neste magro desenho de eventos da Copa do Mundo que coube a Curitiba, deve ser a imagem de uma cidade boa para os curitibanos”, destacou Greca, ao responder como Curitiba poderia aproveitar melhor o momento de divulgação durante a competição.

E completou: “Uma cidade onde exista justiça social, aonde a saúde funcione, aonde os transportes sejam de novo parâmetros para serem copiados pelos outros países do mundo e pelas outras cidades do Brasil e do mundo, uma cidade que tenha orgulho da sua gente e das suas tradições”.

Cosmopolita

No debate da ÓTV, mediado pelo jornalista Herivelto Oliveira, Greca destacou a presença marcante na capital, da cultura trazida por imigrantes de praticamente todas as regiões do planeta. “Curitiba é uma rua que passa por muitos países e guarda o Brasil inteiro no seu coração”, frisou.

O candidato do PMDB, número 15 na urna eletrônica, também destacou que Curitiba não terá motivos para se preocupar em sua administração. “Já fiz eventos internacionais aqui em Curitiba e não terei dificuldades de ser o prefeito da Copa do Mundo. Mas não o prefeito novo rico, um prefeito entusiasmado com Curitiba, que sendo boa para ser visitada é boa para o seu povo”.

Investimentos sob suspeita
A prefeitura, segundo Greca, prevê uma série de investimentos, inclusive com recursos conquistados junto ao Governo Federal. “Investimentos estes, alguns são bons, outros nem tanto”, disse.

Como exemplo, Greca destacou algumas informações veiculadas no site da prefeitura. “Leio que a Arena da Baixada, em 2010, custava R$ 184 milhões, agora já está orçada em R$ 234 milhões. Subiu R$ 50 milhões em pouco tempo”.

“Leio também que o Aeroporto (Internacional Afonso Pena) vai receber R$ 42 milhões em investimento. Este é um investimento que vai ficar para sempre, é uma infraestrutura necessária para uma capital importante como é Curitiba”, completou Greca, ao final do primeiro bloco do debate.


5 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 30 de agosto de 2012 – 15:03 hs

    Malgrado os símbolos fálicos que espalhou pela cidade, Greca é, de longe, o mais experiente e o mais preparado, cultural e intelectualmente para o cargo. Pena que as más companhias estragam tudo.

  2. Jorge
    quinta-feira, 30 de agosto de 2012 – 16:20 hs

    O candidato Rafael Greca sempre lúcido e objetivo. Suas propostas apresentadas são de fato de quem conhece muito Curitiba e suas demandas. Uma pena que quando prefeito ainda não existia a reeleição pois saiu da prefeitura com altos índices de aprovação. Infelizmente os candidatos que as tais pesquisas (???) apontam com favoritos não compareceram e privaram os eleitores de suas propostas e de um possível debate com quem realmente conhece. Definitivamente Curitiba não é para amadores por isso vamos de RAFAEL GRECA. O mais preparado qualificado e entusiasmado candidato que não foge de debates quando se trata de discutir Curitiba.

  3. Mauricio
    quinta-feira, 30 de agosto de 2012 – 17:40 hs

    Sem duvida, Greca é o mais preparado e mais culto candidato. Não acredito em trampolim politico dele para outros cargos como os outros candidatos.

  4. ELEITOR CURITIBANO
    quinta-feira, 30 de agosto de 2012 – 18:55 hs

    As ideias do Greca são boas,,para a copa do fim do mundo…..5014.

  5. Luizão
    quinta-feira, 30 de agosto de 2012 – 22:07 hs

    Greca, vc vai trazer a famosa CARAVELA (500 anos), para Curitiba. Os portugueses do seculo XV eram MUITO mais competentes, que os tecnicos e fornecedores que V. Excia contratou para fabricar a bendita e carissima caravela de Pedro Alvares Cabral. Essa caravela da era moderna e com total tecnologia embarcada, não consegue navegar nem rebocada, isso no seculo XXI (rsrsrsrs). Só tomara que não traga estes “COMPETENTES TECNICOS construtores de caravelas” para sua administração municipal.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*