PT quer pressa nas informações pedidas ao Executivo | Fábio Campana

PT quer pressa nas informações pedidas ao Executivo

O PT quer alterar o regimento interno da Assembleia Legislativa para ajustá-lo à Lei de Acesso à Informação Pública, que torna desnecessária a aprovação pelo plenário dos requerimentos de pedido de informações dirigidos pelos deputados aos secretários de Estado e outras autoridades.

O pedido de informação terá que andar sem trâmites no plenário e seguir direto ao perguntado. Imaginem como vai crescer o número de requerimentos aos secretários e dirigentes de estatais.


Um comentário

  1. Peter Bad HassHartes
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 20:13 hs

    Em Brasília, o petê também tem pressa em saber, por exemplo, do número de cargos comissionados nomeados nos últimos anos?

    A contribuição da pelegaiada – de 10 a 30 por cento dos vencimentos, faz do PT, o partido mais rico do mundo.
    A isso se dá o nome de aparelhamento do Estado, prática leninista, um ítem para a receita da criação do Estado Totalitário, prática ensinada pelo Foro de São Paulo, inspirado por Fídel Castro, encampado por Lula.

    Só prá matutar: Existem quantos soldados no corpo de bombeiros na Ilha da Fantasia – Brasília? Insinua-se que dois, pois o restante ostenta patentes nas ombreiras das fardas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*