Cinco mil refeições por dia a R$ 1,00 | Fábio Campana

Cinco mil refeições por dia a R$ 1,00

A dona de casa Ana Bochi de Matos foi conhecer o Restaurante Popular do Sítio Cercado, na Rua Mercúrio, nesta terça-feira (10), e encontrou o prefeito Luciano Ducci. “Este restaurante é muito bom. Meu genro vem sempre almoçar aqui e elogia muito. Vim conhecer e também gostei muito”, disse Ana.

Luciano também encontrou a voluntária Zilda Maria Lopes, de 71 anos, que mora na região do Bairro Novo há 35 anos e almoça diariamente no Restaurante Popular do Sítio Cercado. “Aqui a comida é boa, balanceada e muito barata. Tudo é limpinho, organizado e a gente faz até novos amigos”, disse Zilda, que almoçou em companhia da vendedora autônoma Aparecida Vian. Zilda e Aparecida agradeceram Luciano. “Esta é uma obra que ajuda muita gente”, disse Zilda.

A Prefeitura de Curitiba mantém quatro restaurantes populares: Matriz (Praça Rui Barbosa), Sítio Cercado, Fazendinha e Pinheirinho. Juntos, esses equipamentos servem 5 mil refeições por dia. Cada refeição custa R$ 3,52, dos quais R$ 2,52 são subsidiados pela Prefeitura e quem almoça paga apenas R$ 1,00. O próximo bairro a ganhar um Restaurante Popular será o Boqueirão.


27 comentários

  1. cica
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 15:48 hs

    Agora…conta aí que quem inventou o restaurante popular foi o Rafael Greca, que depois foi desativado pelo japa que é da tchurma do atual prefeito.

  2. Apaixonada por politica
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 16:09 hs

    Só que o pai do projeto Restaurante Popular, chama-se Rafel Greca.
    É bonito, como sempre fazer festa com o chapéu alheio

  3. não acredito
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 17:04 hs

    É mas tenho que acreditar.
    Para iludir o povo tudo vale:
    – tomar chimarrão com banguela
    – segurar criança mijada no colo
    – dar beijo em velhinhas de asilo
    – comer junto com o povão
    – andar de ônibus
    e depois….]
    Dá uma banana para todo mundo e vai curtir as maravilhas de seu cargo e se um dia tiver que repetir o que já fez!!!!!!!
    SÓ SE FOR EM OUTRA ELEIÇÃO

  4. Obra do Greca
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 17:49 hs

    Ótima matéria. É bom dar o crédito a quem de direito. O Restaurante Popular é obra de Rafael Greca. Dai a Cesar o que é de César.

  5. Zangado
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 18:04 hs

    Se não me engano esse tipo de restaurante foi iniciativa de Greca quando prefeito.
    Cabe o registro, portanto.

  6. Marques
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 18:32 hs

    Projeto de Rafael Greca, assim como: mãe curitibana, farol do saber, ruas da cidadania …, naquela época existiam inovações. Entretanto,
    hoje não existe nada! Alguém sabe de alguma inovação do atual governo?

  7. Mad Men
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 19:08 hs

    Nao Foi o Greca que inventou essa?

  8. EWERTON RODRIGUES DEOLIVEIRA
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 19:10 hs

    grande campanha onde a população que paga os impostos arca mais tres reais, para que todo o povão que não paga nada ganhe um almoço de um real, maravilha só que a maior parte que usa este artificio não precisa dele, pois ganham mais que deveriam economizando, e recebendo uma alimentação de valor nutritivo muito grande, que deveria ser deslocado para quem deveria receber, ou seja os trabalhadores mais necessitados e não uma minoria que já se tornou fregues do facil e mais barato, com tudo que tem direito. Não se faz mercado com dinheiro dos outros, cadastre-os e veja se realmente os que utilizam tem esta necessidade de utilizar, daí iremos trocar ideias de como fazer o acontecer, e não propaganda politica para me manter no cargo, isto é um desabafo do que eu vejo ocorrer nestes locais, gente usufruindo como comércio e mais nada….

  9. marcelo
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 19:16 hs

    Como o atual prefeito não criou nenhuma novidade, têm que fazer propaganda na obra criada por Rafael Greca (o restaurante de 1 real).
    Parabéns, Rafael Greca!

  10. ademilso
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 19:52 hs

    Esse Ducci era médico na prefeitura e pobre quanto há 15 anos o Rafael Greca construiu os refeitótios a R$ 1,00.

  11. GASTÃO
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 20:19 hs

    —————-ENTÃO VAMOS FALAR A VERDADE ?.———-

    ————–A REDE CEGONHA,(DA DILMA) É UMA COPIA FIEL DO “MÃE CURITIBANA.(DO DUCCI) NÃO VEJO NADA DE ERRADO COPIAR ALGO QUE FAZ BEM AO POVO.

  12. bicão
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 21:23 hs

    Como é que pode, a prefeitura fornecer comida a esse preço… 1 real… com subsídio de 2,52 reais… total: R$ 3,52… agora pergunto: porque a “QUENTINHA” servida aos PRESOS das CADEIAS PÚBLICAS custa mais de R$ 5,00????? sendo que a comida servida aos presos é PÉSSIMA!!! Antes os policiais sustentavam cada preso a dois reais por dia e por preso e agora cada preso custa mais de dez reais por dia e não se alimenta bem… o que tá acontecendo???

  13. Roberto Fernandes
    terça-feira, 10 de julho de 2012 – 21:33 hs

    Além de ser idéia de Rafael Greca vale lembrar que os recursos para construção dos restaurantes populares são provenientes do governo federal. Resumo da ópera: se não fossem os recursos federais Curitiba e o estado do Paraná estariam totalmente parados… e a pergunta que não quer calar: onde é aplicado o orçamento próprio da cidade?

  14. O Legista
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 0:03 hs

    Greca fez uma palhaçada que cheirava a mijo, em baixo de um viaduto na rodoferroviária. Luciano e Beto fizeram uma rede de restaurantes que serve 5 mil refeições balanceadas por dia, atende as pessoas que vivem nos bairros, em instalações modernas, adequadas. Boas ideias não bastam. É preciso ação. Muita ação.

  15. Quem pode ser o próximo líder?
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 7:50 hs

    Diante das últimas notícias parece que será pensado um “outro novo” líder do prefeito, como figura de salvação, dentre os vereadores. Quem poderia se habilitar, sem oferecer condição para novas denúncias ?
    Uma boa pergunta está colocada. Aceita-se sugestão, inclusive da Itália. Sim, pois é uma questão de estar tudo “limpinho” !

  16. Pedro Rocha
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 10:44 hs

    Eu sei, Marques! – Ele jogou todos os caminhões e todas as máquinas da prefeitura, nas ruas da cidade e lá estão. Parados, atrapalhando o trânsito.
    Não satisfeito, pois acabou o estoque de áquinas e caminhões, o prefeito TRANCA RUA mandou fazer uma porrada de cavaletes com os dizeres PMC-OBRAS, e com eles, tranca um lado de cada rua, para que os incautos pensem que realmente ali existe, ou existirá alguma obra. Apenas uma fraude; um estelionato eleitoral!
    Porém, não deixa de ser uma INOVAÇÃO do atual governo, não é mesmo?

  17. Marcela Mendes
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 11:20 hs

    Mesmo o primeiro projeto tendo sido criado pelo ex-Prefeito Rafael Grecca, o restaurante popular vem mantendo o seu padrão de qualidade, o que demonstra o bom trabalho da administração atual.
    Não há como fazer uma seleção de frequentadores, pois o restaurante é público e, como tal, de livre acesso a todos. Cadastrar pessoas significa limitar o público. Alguns nem têm identificação. Pessoas muito pobres.

  18. Cajucy Cajuman
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 13:02 hs

    Muito bom os restaurantes populares espalhados pela cidade. Não importa quem os criou – no que pese o mérito -, mas sim, também, mantê-los com qualidade.

    A obra pública não pertence a este ou aquele. Foi feito com dinheiro do povo (impostos), portanto, é obrigação manter com qualidade.

    O mérito de tais visitas do ilustre prefeito a estes restaurantes se configura caso faça com frequência, inclusive fora do período eleitoral. Em período eleitoral para aparecer nas fotos, não soa legal.

    Outra coisa desagradável é ver político recebendo prêmio – às pencas – em ano eleitoral. Chega a ser deprimente, independente de quem.

  19. lEILA
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 13:21 hs

    IA FICAR MUITO FELIZ SE ALGUM DIA ESTIVESSE UMA PUBLICAÇÃO , (RESTAURANTES DE 1 REAL FORAM A FALÊNCIA !!) POIS SERIA UM OTIMO SINAL QUE NOSSO CURITIBANOS NÃO PRECISAM MENTIGAR NA FILAS AS 09:00 MANHA PARA CONSEGUIR A SENHA PARA GARANTIR O SEU ALMOÇO, QUE TEM UM TRABALHO QUE TRAZ A HONRA NO LAR DESTES SER HUMANOS !!
    SE FOSSE O MARAVILHOSO O Rafael e o Ducci iriam bater carterinha lá

  20. cle
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 14:37 hs

    Legal se vangloriar de algo que nao foi obra sua hein Ducci!?

  21. JESSICA
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 14:39 hs

    Tenho é dó das pessoas ingenuas que nao leem sobre política e almoçando ali veem a presença do Ducci achando que tudo aquilo é por causo dele!!! FORA PREFEITO FALSO

  22. thi
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 14:41 hs

    é só isso que o ducci sabe fazer…levar gloria e vantagem sobre o rosto e o trabalho dos outro! Abusa do Beto Richa pra ganhar popularidade

    ganhe a eleição por si mesmo Ducci incompetente! nao atraves dos outros

  23. Cidadão do Vista Alegre
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 16:51 hs

    Enquanto isso as unidades de saúde estão parecendo um ringue de MMA, de tantas brigas e tantos conflitos de pacientes descontentes com demora de horas para atendimento.

  24. Lukas
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 16:52 hs

    De tão ruim e podre, e enfiado embaixo do viaduto do Capanema, o restaurante do Grega teve de ser fechado. E como podia ser 1 R$ se o real ainda nem existia????

  25. marcelo
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 18:19 hs

    Gastão
    Não foi Ducci que criou o Programa Mãe Curitibana, foi Rafael Greca, no dia 29 de março de 1993, na Maternidade Nossa Senhora do Rosário

  26. Rodolpho Antunes
    quarta-feira, 11 de julho de 2012 – 18:48 hs

    Essas visitar assim um pouquinho antes da eleição soam como uma “ameaça” pro povo. Tipo assim: “Se vocês não votarem em mim não vai mais ter restaurante de R$ 1″… Aí fica feio né, fazer obra e as coisas em cima da hora pra fingir q fa sempre….

  27. Anônimo
    quinta-feira, 7 de março de 2013 – 15:31 hs

    plano e bom pagar 1 real ra se alimentar e otimo mais as funcionarias nos tratam com a nimais

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*