Resultado fraco do PIB coloca Brasil atrás de seis países | Fábio Campana

Resultado fraco do PIB coloca Brasil atrás de
seis países

Melhor resultado foi obtido pelo Chile, com alta de 1,4%; Brasil ficou atrás também do México, Japão, Coreia do Sul, Alemanha e Estados Unidos.

Do iG São Paulo:

O crescimento de 0,2% do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre em relação ao trimestre anterior com ajuste sazonal, divulgado nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), deixa o Brasil atrás de seis países que já divulgaram os resultados das contas trimestrais na mesma base de comparação.

Embora o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) frise que a análise “serve apenas para comparação” e evite falar em ranking, o melhor resultado foi obtido pelo Chile, com alta de 1,4%.

O Brasil ficou atrás também do México, com alta de 1,3%; do Japão, com crescimento de 1%; da Coreia do Sul, com avanço de 0,9%; e da Alemanha e dos Estados Unidos, ambos com alta de 0,5%.

Com desempenho abaixo do brasileiro vieram França e União Europeia, ambos com estabilidade; Portugal, com queda de 0,1%; Holanda, com recuo de 0,2%; Espanha e Reino Unido, ambos com baixa de 0,3%; e Itália, cujo PIB recuou 0,8%.

Em termos de PIB per capita em paridade de poder de compra com base em valores de 2011, nesse mesmo grupo de países, o Brasil, com US$ 11,6 mil, ficou em último na lista.

A liderança coube aos Estados Unidos, com US$ 48,1 mil; seguido pela Holanda, com US$ 42,3 mil; Alemanha, com US$ 37,9 mil; Reino Unido, com US$ 35,9 mil; França, com US$ 35 mil; e Japão, com US$ 34,3 mil. Na outra ponta, além do Brasil, estão o México, com US$ 15,1 mil; Chile, com US$ 16,1 mil; Portugal, com US$ 23,2 mil; Itália, com US$ 30,1 mil; Espanha, com US$ 30,6 mil; Coreia do Sul, com US$ 31,7 mil; e União Europeia, com US$ 34 mil.

(Com Valor Online)


8 comentários

  1. Trabalhador
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 13:59 hs

    Brasil ficou atrás de todos os países da BRICS, ou seja , nosso país está em último lugar entre os emergentes.
    É “espetáculo do crescimento ” do lula, só visto nas propagandas enganosas.

  2. Francisco
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 14:07 hs

    Desses paises que voce citou, TODOS, menos o Chile, eram maiores na economia que o Brasil no tempo de Fernando Henrique Cardoso, e hoje graas a Lula/Dilma, por enquanto so Japão e Estados Unidos tem a economia maiores, com possibilidades de, se continuar o sistema Lula/Dilma de administrar, o Japão ser ultrapassado antes de 2020.

  3. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 14:13 hs

    A marolinha de Lulalá…

  4. Henrique junior
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 16:11 hs

    Mas não era um PIBÃO??

  5. joao
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 18:05 hs

    Sou um assíduo leitor deste Blog, pelo fato de ser acessível e democrático, e no momento estamos assistindo um declínio no produto interno bruto. A razão principal é a falta de planejamento de longo prazo, pois, as políticas são mais para aquecer o consumo interno, porém, o endividamento dos consumidores está em nível de alerta.
    O Brasil e fundamentalmente o Paraná teriam de investir na formação educacional e técnica. A partir deste ponto seremos um país competitivo com qualificação técnica e empresarial para agregar valor ao produto interno e superar a alemanha na exportação de café solúvel. Diga ao seu amigo, Beto Richa, enfatizar o investimento na educação e colocar o nome na história como maior transformador das gerações deste Estado.

  6. Deutsch
    sexta-feira, 1 de junho de 2012 – 20:46 hs

    cadê o mantega falastrão? Porra, todo mundo já sabia que o pib seria baixo, mas o palhaço mandado pela dilmentira e pelo lularápio ficou falando o contrário só pra impressionar o eleitorado burro do pt.

  7. Pedro Rocha
    sábado, 2 de junho de 2012 – 13:20 hs

    O Brasil, entregue às ineptas e inconfiáveis mãos petistas, perdeu o bonde da história. O melhor ciclo econômico dos últimos cem anos.
    Enquanto o mundo cresceu horrores, Lulla & currióla ficaram oito anos tentando desmentir roubos, falcatruas e escândalos de seus comparsas; lambendo o saco de ditadores e assassinos árabes; de ditadores e filhotes de ditadores latinos e de narcotraficantes das FARC, enquanto nossa economia….
    Na América Latina só ganhamos do coitadinho do HAITI, e graças ao terremoto que dizimou o país!
    Daqui pra frente, em que pese, números e resultados criados em laboratório, a coisa só vai descer
    DURA, MAS ESSA É A REALIDADE DO MILAGRE PETISTA!

  8. silvajr
    sábado, 2 de junho de 2012 – 15:11 hs

    Ai, que saudades dos tempos de crescimento 0% do FHC …

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*