Data para julgar mensalão pressiona Lewandowski | Fábio Campana

Data para julgar mensalão pressiona Lewandowski

Da Vera Magalhães, Folha de São Paulo:

A decisão do Supremo Tribunal Federal de marcar o início do julgamento do mensalão para 1º de agosto foi acertada previamente entre o presidente da corte, Carlos Ayres Britto, e o relator do processo, Joaquim Barbosa, que conversaram com outros ministros antes.

Sem a presença do revisor Ricardo Lewandowski na sessão administrativa de ontem, o decano Celso de Mello foi incumbido de apresentar a proposta para lhe conferir peso – e ela foi aceita por unanimidade.

A estratégia da trinca, avaliam integrantes do STF, emparedou o revisor, que ainda não entregou o seu relatório para análise. “Foi goela abaixo”, afirma um deles.

A decisão do STF saiu exatamente sete anos depois da primeira entrevista de Roberto Jefferson à Folha sobre o mensalão.

Com a definição, Cezar Peluso e Ayres Britto, que deixarão a corte, participarão do julgamento. “Já imaginaram a pressão em cima dos novos indicados durante sabatina?”, questiona um ministro.


2 comentários

  1. silvajr
    quinta-feira, 7 de junho de 2012 – 15:48 hs

    MENSALÃO DO PSDB já tem 14 anos e ninguém julgou nada, estão todos aí soltos e rindo da nossa cara. Mas, os bandidos demo-tucanalhas e a imprensa corrupta EXIGEM o julgamento do falso mensalão do PT

  2. ivanowski
    quinta-feira, 7 de junho de 2012 – 21:52 hs

    . É que este MENSALÃO DO PT É O VERDADEIRO e aquele do PSDB é falso, nunca existiu, foi inventado pelo LULLÁBIA e sua ‘trupe’.

    . O Brasil inteiro espera esse julgamento p/ desnudar o Governo CORRUPTO DO PT ( partidop do trambique).

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*