"Não me venhas de borzeguins ao leito", diz Requião a Romanelli | Fábio Campana

“Não me venhas de borzeguins ao leito”, diz Requião a Romanelli

Irritadiço diante das manifestações dos deputados do PMDB que indsistem em apoiar a reeleição de Luciano Ducci em Curitiba, em detrimento da candidatura de Rafael Greca de Macedo, Requião saiu-se com essa expressão que sempre usa quando repreende os companheiros. Disse ao secretário Luis Claudio Romanelli, que identifica como principal líder do motim que se arma para detonar a candidatura de Rafael Greca e entronizar Reinhold Stephanes Junior como vice de Ducci.

Requião diz que vai até o fim com Greca. “Nem que tussa”, completa Doático Santos.


10 comentários

  1. Ricardo Rizzo
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 15:40 hs

    Alguma dúvida que Rafael Greca já é o candidato do PMDB? Ou ainda precisa desenhar?

  2. pk
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 16:00 hs

    A POLICIA DO PARANÁ USA BORZEGUINS; QUIS ISSO O ROMANELLI DIZER A TODA A TURMA DO PMDB QUE PREGUEM A CHUTEIRA NO REQUELEÃO E NO RAFAEL, QUE O PARTIDO TEM COISA MELHOR Á QUE O APRESENTAM; QUE CHUTE HEIM EM REQUELEÃO! A ONDE IRIAM PARAR COM UMA BICUDA DESSAS!!!???

  3. Ernetso
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 16:36 hs

    AHAHAHAH, essa é boa, Requião é Ducci desde criancinha. O Greca dançou mais uma vez, imagine se essa turma do PMDB tem culhão para enfrentar o Requião.

    O que estamos vendo é um baita jogo de cena da Maria Louca para justificar o que virá em seguida.

    Ele dirá que é Greca e que foi traído pelo partido. Conta outra Bob Req, você só engana os idiotas de plantão.

  4. sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 17:04 hs

    Até quando os deputados estaduais do PMDB
    vão ser bonequinhos de brinquedo na mão do
    Requião.
    Ou se libertam agora ou serão subordinados PARA SEMPRE.

  5. Carlos Ernandes
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 17:47 hs

    Ainda usa velhas frases de efeito, que a maioria do povo não entende. As mesmas. Nada mais falso partindo de um homem que caminha para o isolamento e ostracismo. Em companhia de sua loucura..
    Agora, louco de esperto, não deixa de usar as delícias e mordomias, como viajar para Paris, por conta do mesmo povo..
    Neste momento? Vinhos caros, passeios e twitter..

  6. NÃO. SIM . TALVEZ. PORÉM !
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 18:15 hs

    Vai valer o que a maioria dos que decidem desejar.
    O resto é papo furado.
    Clovis Pena

  7. Pedro Rocha
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 19:46 hs

    Sei não, hein! Encontrei o Grecca no supermercado Casa Fiesta do Alto da XV, domingo pela manhã!
    Tudo bem que a clientela daquela loja é formada por uma turminha conservadora, a maioria das cabeças está prateada, mas o homão, ele tá enorme, fez roda em pouco tempo!
    Simpatissíssimo, respondeu perguntas, cumprimentou conhecidos pelo nome, comprou duas garrafas de vinho e saiu ligeirinho, inteligentemente, sem fazer do mercado um palanque; enfim: o cara não é bobo, e tecicamente, é disparado o melhor candidato que temos.
    É o típico candidato que corre por fora, e ganha!

  8. Rock
    sexta-feira, 4 de maio de 2012 – 21:05 hs

    O eleitor quer candidatura do PMDB e Requião sabe disso, os trairas liderados pelo Romanelli e Nereu Moura vão pagar um pre ço caro na hora de serem votados novamente. pois os eleitores não são bobos e já sabem quem são partidarios e os que so usam as estruturas e os filiados do partido para se elegerem. Vamos la Requião o Greca tem potencial para chegar no segundo turno.

  9. Silva Jr.
    sábado, 5 de maio de 2012 – 11:41 hs

    Rock, vc não entendeu, o traíra é o próprio Requião, vc acha que o Romanelli iria para os braços do Richa e do Ducci sem a benção do cacique? Em outras ocasiões ele teria expulsado os “trairinhas” do partido, por que não faz isso agora. Pense um pouco.

  10. SERGIO SILVESTRE
    sábado, 5 de maio de 2012 – 20:37 hs

    Grunfhhh..é duro ,mas concordo com o Hahan PEDRO ROCHA
    ele gosta que se escreve seu nome bem grandão.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*