Alvaro Dias: ataque a Gurgel visa ajudar mensaleiros | Fábio Campana

Alvaro Dias: ataque a Gurgel visa ajudar mensaleiros

Do :

– Em tempo: numa entrevista concedida no intervalo da sessão vespertina do STF, nesta quarta (9), o procurador-geral Roberto Gurgel ecoou o raciocínio do líder tucano Alvaro Dias. Gurgel atribuiu os ataques que recebe à “tentativa de imobilizar o procurador-geral da República para que ele não possa atuar como se deve, seja no caso que envolve o senador Demóstenes e todos os seus desdobramentos, seja preparando-se para o julgamento do mensalão, caso que, repito, classifiquei nas alegações finais, como talvez o mais grave atentado à democracia brasileira.”


23 comentários

  1. Renato
    quarta-feira, 9 de maio de 2012 – 20:35 hs

    Senador AD , é o mais procurado pela imprensa como oposição, dá seu parecer sensato e esclarece bem a população. não fica em cima do muro e nem é loco, aos seus 40 anos de vida pública nunca teve um indício ou denúncia de si ou das pessoas que o seguem, o que Orgulha nós Paranaenses.

  2. Zangado
    quarta-feira, 9 de maio de 2012 – 20:56 hs

    O senador Dias esclarece quantum satis a sociedade sobre as contingências deste momento.

    Isso é muito salutar.

    É preciso que todos estejamos atentos às manobras daqueles que estão vendo as portas do camburão se abrirem para acolhe-los.

    Não será o “abre-te sésamo” porque o Ali Baba escapuliu-se (ao menos momentaneamente …), mas sim o “venha aqui na chincha meu bem” !!!

  3. Geraldo Martins
    quarta-feira, 9 de maio de 2012 – 21:33 hs

    Meu caro Senador: Confio em Vossa excelencia mais acho que está falando bobagem, se esse panaca desse procurador tivesse cumprido a obrigaçõ dele, talvez essa avalanche de corrupção teria sido estancado em 2009 ou 2010, quanto dinheiro a nação teria economizado, durante todo esse periodo o ralo continuou aberto e lá se foram milhões embora, determinados politicos já teria perdido o mandato e isto ajudaria passar o Brasil a limpo.

  4. Silva Jr.
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 0:42 hs

    Observem as consequências da omissão do Gurgel.

    Ao não encaminhar as denúncias contra o senador Demóstenes Torres ao STF, o Procurador geral Roberto Gurgel permitiu a eleição de Demóstenes, de Marconi Perillo, atrapalhou as investigações na Operação Monte Carlo e deu uma sobrevida à organização criminosa.

  5. Silva Jr.
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 0:50 hs

    Procurador ameaça e diz que quer sigilo, mas só para a CPMI do Demóstenes, do Perillo, do Leréia, do Cachoeira, da Veja e gangue

    Depoimento do delegado da PF, Raul Alexandre Marques Sousa, na CPMI:”O delegado disse que a apuração da PF foi parada no momento em que apareceram as conversas com parlamentares com prerrogativa de foro, como o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO). O caso foi remetido ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, em meados de 2009. Mas a mulher dele, a subprocuradora Cláudia Sampaio, avaliou que não havia indícios suficientes para que a apuração contra essas autoridades

  6. Silva Jr.
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 1:54 hs

    Então o Gurgel já recebeu apoio da veja, globo e até do alvaro dias?
    Agora só falta o apoio do cachoeira e do demóstenes. rsrs

  7. Paulo
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 8:42 hs

    o senador alvaro botox, ta se cagando, a sua vez ta chegando. kkkkkk

  8. Gilmar Trento
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 9:02 hs

    Voce Alvaro Dias e bem pior que esse tal Guegel sao dois semvergonhas , só querem aparecer, senador va trabalhar em projetos para o povo do Parana ou vai ficar ai parado igual a o b Beto Richa que nao fez nada para o povo até agora.

  9. Joao Carlos
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 9:06 hs

    O SENADOR ALVARO DIAS TEM FEITO UM OTIMO TRABALHO, NO SENADO, PENSO QUE ESTA NOS REPRESENTANDO MUITO BEM A TODOS OS PARANAENSES…E OBRIGACAO DE POLITICOS NO MINIMO NOS REPRESENTAR BEM….EM QUANTO OUTROS E SO CONVERSA MOLE…

  10. trabaiadô
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 9:49 hs

    interessante como o defensor silva júnior, (deve ser parente do capo lula) acusa os corruptos da oposição para defender a quadrilha dos 38 do mensalão, esses sim acobertados pelo pt e principalmente por luis pingorácio apedeuta canceroso midiamático DA SILVA

  11. HAMILTON LUIZ NASSIF= LONDRINA
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 10:04 hs

    Senhor Paulo, caso não saíba se expressar de forma
    decente, abstenha-se de escrever neste blog.; seu vocabulário não condiz com os leitores não habituados a palavras obcenas.
    Pensamentos e frases como a sua , mostram o seu´ perfil c cultura

  12. Carlinhosjp
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 11:15 hs

    Prezado Geraldo Martins:

    Você se esqueceu que em 2009 havia um tal de Luiz Inácio Lula da Silva a obstar qualquer ação anticorrupção.

  13. salete cesconeto de arruda
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 11:48 hs

    Falou o BOBO da globo.
    Quando Gurgel e o CIVITA deporem na CPMI a cabeça do pássaro Álvaro vai rolar por aí.
    Coitado!
    Não era melhor ter continuado calado?
    Como fez na PRIVATARIA TUCANA e como faz na LAMA do seu partido com o CACHOEIRA.
    Sei.
    A vaidade não deixa o Álvaro careca!
    Será que ele tem vergonha dos carecas?

  14. Ernesto
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 11:54 hs

    Trabaiadô fake, se a o julgamento do STF se ater aos fatos e não às notícias o tal mensalão ficará caracterizado como caixa 2 de campanha, o procurador Gurgel nem conseguiu provar que havia pagamento mensais e tampouco conseguiu provar que houve desvio de dinheiro público. Se o julgamento for técnico é o que vai acontecer. caixa 2 é ilegal e quem o pratica deve ser punido antes que prescreva, evitando o que aconteceu com o taniguchi, condenado, porém o crime prescreveu.

  15. Ernesto
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 12:21 hs

    O estranho disso tudo é que o julgamento do mensalão não corre nenhum risco.
    Notem que foi só a CPI falar em convocar a Veja para responder porque tem o NEXTEL do Cachoeira que começaram a falar de mensalão.
    Estranho também é ver o Álvaro Dias defendendo a Veja ao invés de pedir esclarecimentos da revista.

  16. Ernesto
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 12:47 hs

    O que o gurgel fez é indefensável.

    Gurgel e esposa impediram desmantelamento de quadrilha por três anos. Esquema era ‘verdadeira metástase’, afirma delegado da Operação Vegas.

    À CPI, o delegado Raul Alexandre Marques Sousa deu detalhes de como agia grupo de Cachoeira

  17. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 13:42 hs

    “Os denunciados operacionalizaram desvio de recursos p’ublicos, concess~oes de benef’icios indevidos a particulares em troca de dinheiro e compra de apoio pol’itico, condutas que caracterizam os crimes de quadrilha, gest~ao fraudlenta, corrup’c~ao e evas~ao de divisas.
    A complexa organiza’c~ao criminosa lotearam cargos p’ublicos em troca de apoio `as propostas do governo, pr’atica que representa um dos principais fatores do ddesvio e m’a aplica’c~ao dos recursos p’ublicos, com o objetivo de financiar campanhas milion’arias nas elei’c~oes, al’em de proporcionar o enriquecimento il’icito de agentes p’ublicos e pol’iticos, empres’arios e lobistas que atuam nessa perniciosa engrenagem”.

    Calma – Salete, Gilmar, Paulo e Silva Jr., n~ao fui eu quem escrevi o texto acima.

    V~ao brigar com o autor do relat’orio, o procurador geral da Rep’ublica Antonio Fernando de Souza, que investigou e denunciou o esc^andalo do mensall~ao ao STF.

  18. Ernesto
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 15:58 hs

    Senador desperta de coma alcoólico e lê Veja de 15 dias atrás

  19. Paulo
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 16:12 hs

    ramirto, eu falo a lingua do povo, não sou falso moralista como voss senhoria.ta devendo pra ele, pague em dinheiro e não…

  20. Francisco
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 18:42 hs

    Esse Alvaro Dias é de dar asia em sonrisal.
    O ex Presidente Collor tem medo do que? E o Delegado da PF que fez as denuncias contra Gurgel e sua mulher, tem medo do que?
    Pelo jeito, Promotores com dupla personalidade não é privilegio so do Demostenes

  21. fiscalde realeza
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 19:03 hs

    O PERUCÂO DIAS ESTA TENTANDO DESQUALIFICAR O GURGEL POIS SABE ELE QUE O GURGEL NA CPI DO CACHOERA VAI AMARAR O ALVARO
    DIAS QUE ESTA ENVOLVIDO ATÉ O PESCOSO COM O CACHOERA

    SE FEROU ALVARO DA CAVALARIA

  22. Silva Jr.
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 19:18 hs

    Álvaro dias também vê relação entre críticas a Gurgel e Al-Qaeda

  23. Silva Jr.
    quinta-feira, 10 de maio de 2012 – 19:35 hs

    Em côro Gilmar, Gurgel, Alvaro Dias, Aécio, Veja, Folha, Globo gritam “mensalão” para abafar Cachoeira

    Só faltava a abalizada opinião do excelentíssimo ministro Gilmar Mendes do STF, sobre as declarações do PGR. Não falta mais.

    Para ele também, tudo se explica com o “mensalão” que virou a resposta padrão, pau para toda obra, quando gente graúda de todos poderes da República alinhadas com a, digamos, ideologia demotucana, se vêem metidos em escândalos.

    Semanas atrás essa pauta foi lançada pela revista Veja, que produziu uma capa dizendo que a CPI do Cachoeira era cortina de fumaça contra o “mensalão”.

    Ontem foi o Procurador-Geral da República que disse não dever explicações à nação pelo engavetamento da operação Vegas da Polícia Federal por quase 3 anos, dizendo que é tudo culpa do “mensalão”.

    Gurgel foi um pauteiro de primeira para o Jornal Nacional, que levou suas declarações ao ar com destaque, fazendo a alegria dos políticos e maqueteiros demotucanos, gratos pela campanha eleitoral negativa contra seus adversários, extemporânea e gratuita.

    O líder do PSDB no senado, Álvaro disse a mesma coisa, ao dar entrevista coletiva.

    A previsível revista Veja, também fugindo de seu envolvimento com Cachoeira, obviamente aplaudiu o que chamou de “coragem” do Procurador-geral.

    O senador tucano Aécio Neves (PSDB-MG), que já apareceu nos autos da operação Monte Carlo nomeando uma sobrinha de Cachoeira, também repetiu o mesmo bordão e acusou o PT de usar a CPI do Cachoeira para desviar o foco do julgamento do “mensalão”.

    Tá tudo dominado. Tem água de Cachoeira vazando para tudo quanto é lado, e haja “mensalão” para tampar os vazamentos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*